Jump to content
  • FORMAS DE POUPAR

  • Pedro Rafael Costa

    Trabalhar remotamente para o UK

    Recommended Posts

    Pedro Rafael Costa

    Olá boa tarde,

    Excelente forum desde mais.
    Venho pedir alguma ajuda em relação á melhor estrutura em termos contabilísticos para a minha situação visto que por outros tópicos neste forum existe bastante conhecimento financeiro distribuído pelos menos do forum, espero que estes me possam oferecer alguma ajuda.

    Neste momento trabalho e vivo em Londres em full-time e com contrato para uma empresa inglesa. Uma empresa de desenvolvimento de software para a industria do cinema - eu faço Project Management, Support e Sales.
    Estou no processo de me mudar para Portugal mas continuar a trabalhar remotamente para a mesma empresa.

    Aquando me mudar para Portugal, não irei ser mais um empregado na empresa no papel, mas sim irei estar a trabalhar por conta própria e cobrar à empresa inglesa os meus serviços. Em relação as minhas responsabilidades fiscais, tenho andado a explorar as diferentes opçōes com o objetivo de ser o mais eficiente possível em termos de impostos.

    Para o primeiro ano, a minha ideia é ser trabalhador independente a recibos verdes (isento na SS no primeiro ano).

    Nos anos seguintes, penso em criar a minha própria sociedade unipessoal com contabilidade organizada (ter um sócio de outra profissão para não ser sociedade profissional e não cair no IRS). Se necessário, poderemos especular um salário grosso de €60K anuais.

    O meu plano seria reduzir o típico setup de reduzir os meus cargos ficais através do aumento dos custos da empresa.
    - Renda (e custos: luz, água, limpeza, etc)
    - Carro
    - Vales de refeiçōes
    - Despesas de deslocação
    - Despesas de representação

    Q1 - Considerando a  tributação autónoma, seria que a sociedade unipessoal com contabilidade organizada ainda faria sentido? Se sim:

    Q1.1 - Arrendar em nome da empresa.  Como estaria a trabalhar de casa, a sede da empresa seria a minha habitação. Assumo que preciso de um contrato comercial? Como é que eu consigo arrendar um apartamento com contrato comercial? Ou teria de arrendar loja/escritório e viver lá?  Se comprar em nome da empresa for mais simples/fácil também posso considerar isso.

    Q1.2 - Poderia comprar um carro usado e pagar pela empresa? Ou seria mais simple usar serviços de ALD?

    Q2 - Para mover o restante lucro da socieade para o meu circulo pessoa, qual o método mais eficiente? Salário baixo e o prémios?

    Q3 - Caso Q1 não seja possível, que estrutura fiscal aconselham?  

    Obrigado desde já!

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites
    Guilherme Felipe Reis

    Gostava bastante de saber se conseguiu as respostas para suas perguntas, também é algo que me interesso. 

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites
    Guest surf

    Estou numa situação semelhante pois comecei a trabalhar como freelance. Atualmente os meus ganhos são mais baixos (2000USD mês) e vou abrir contabilidade nas finanças para declarar em recibos verdes.

    Como tenho a possibilidade de ter mais clientes acredito que consigo subir os mes ganhos rapidamente por isso queria saber qual é o valor a partir do qual que se justifica criar uma empresa?

    E criar a empresa noutro país da europa? justifica-se?

     

    Obrigado

     

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites

    Your content will need to be approved by a moderator

    Guest
    You are commenting as a guest. If you have an account, please sign in.
    Reply to this topic...

    ×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

      Only 75 emoji are allowed.

    ×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

    ×   Your previous content has been restored.   Clear editor

    ×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.


    ×
    FinancasPessoais.pt

    Subscreva a newsletter e tenha acesso a todas as novidades do grupo de sites FinancasPessoais.pt e a conteúdos exclusivos.

    Os sites FinancasPessoais.pt respeitam a sua privacidade e vontade:

    Não mostrar mais esta caixa