Forums

    1. Créditos

      Créditos habitação, automóvel, pessoal, ao consumo e afins

      12,858
      posts
    2. 3,115
      posts
    3. Seguros

      Seguros de saúde, automóvel, vida, multi-riscos, acidentes pessoais e todos os outros

      950
      posts
    4. 352
      posts
    5. 4,022
      posts
    6. 24,273
      posts
    7. 26,352
      posts
    1. Impostos

      IRS, Segurança social, IMT, IMI e simuladores fiscais

      24,330
      posts
    2. Segurança Social

      Subsídios, pensões, abonos e outras contribuições de carácter social

      450
      posts
    3. 884
      posts
    4. Trabalho por conta própria

      Trabalhadores independentes, ENIs e micro e pequenas empresas

      572
      posts
    5. 1,663
      posts
    1. Diversos

      Para falar de tudo o resto

      10,382
      posts
    1. Regras

      Regras do fórum

      2
      posts
  • Member Statistics

    22,184
    Total Members
    193
    Most Online
    Newest Member
    ECRodrigues
    Joined
  • Forum Statistics

    12,572
    Total Topics
    123,432
    Total Posts
  • Popular Now

  • Tópicos em Destaque

  • Tópicos Recentes

  • Publicações Recentes

    • CGD
      By ABCD · Posted
      Não lhes dá qualquer benefício... Já se for um cartão,...
    • Atualização do IMI
      By ABCD · Posted
      A realidade muda e cada caso é um caso. Repare que alguns meios de comunicação afirmaram que a generalidade dos contribuintes iam ver o seu IMI baixar fruto da atualização do coeficiente de localização, desde que solicitassem a avaliação nas finanças. Até aqui tudo certo. Acontece que nem todos os funcionários informam se o coeficiente de localização subiu ou baixou. Dizem para entregar o modelo 1, caso tenham decorridos 3 anos desde a última avaliação. E aqui é que está o problema. Se tivesse solicitado a avaliação antes do final de 2015, estaria agora a dirimir argumentos com o funcionário da AT sobre áreas/plantas e o coeficiente seria o do ano passado. Como não o fez e só solicitou atualização em 2016, já vai sofrer o cálculo do coeficiente atual. Sabe se aumentou? Desceu? É possível saber, desde que insira a sua morada fiscal no simulador da AT (http://www.e-financas.gov.pt/de/maintenance.html). Pelo que tenho observado, este coeficiente subiu. Ainda não encontrei quem me dissesse que na sua localidade desceu. Dai que fosse aconselhável a ter cautela antes de avançar no pedido de avaliação a partir de 2016... Exemplo 1: coeficiente de localização - subiu 0,2%; coeficiente de vetustez - desceu 0,1%. Não deve pedir avaliação. Exemplo 2: coeficiente de localização - subiu 0,2%; coeficiente de vetustez - desceu 0,2%. Não deve pedir avaliação (fica com o mesmo valor patrimonial). Exemplo 3: coeficiente de localização - subiu 0,2%; coeficiente de vetustez - desceu 0,3%. Deve pedir avaliação. O mesmo se passa com os outros coeficientes. Da soma destas parcelas, o contribuinte verifica se compensa pedir uma avaliação. Dois apontamentos: 1. A casa estar mais antiga 3 anos desde a última avaliação, não é sinónimo de descida no coeficiente respetivo. Estes têm intervalos, que não são coincidentes na sua duração (dai a necessidade de efetuar cálculos, mediante dados reais para verificar se compensa pedir a dita avaliação)... 2. Pode solicitar a planta do seu imóvel no serviço camarário. Leva o seu tempo e mediante a autarquia, pode ter, ou não, custos.
    • Credito Habitação: melhores condições
      By ABCD · Posted
      1. Reparo que o Santander está disposto a mantê-lo como cliente (melhoram o spread) desde que aceite as suas novas condições. Basicamente, abandona a euribor a 6 meses e passa para euribor a 12 meses, como seria natural para novos contratos e tem de efetuar poupanças e gastos num determinado montante por ano. Se mudar, fica ligeiramente melhor nos primeiros tempos (comissão de processamento mais barata, mas que pode alterar a qualquer momento - possivelmente em abril, por exemplo), se bem que os cartões (agora, obrigatórios) tenham uma anualidade independentemente do consumo/uso dos mesmos (sendo assim, evite usar o de crédito). Creio que tem a possibilidade de sair do seguro de vida penalizando o spread (0,3%, se não estou em erro. Passa de 2,00% para 2,05%). Se esta possibilidade se confirmar e tendo possibilidade de ir efetuando amortizações parciais antecipadas (não aumente o prazo do CH - opte por 420 prestações remanescentes) julgo que não deverá ficar pior. Verifique se o BP lhe impõe euribor zero (0) quando esta alcançar valores negativos. Se por qualquer motivo, mesmo que lhe digam agora que não, vier algo do género no contrato/minuta não avance. Portanto, se avançar, tenha cuidado na análise da documentação que lhe derem para assinar. 2. Se avançar, deve solicitar que efetuem a revisão da euribor de acordo com a média desta em Janeiro e não a de Dezembro... ou a de Fevereiro, caso o contrato só avance em Março...
    • Credito Habitação: melhores condições
      By ABCD · Posted
      Falta a sua resposta a estas dúvidas...
    • Fundos de Investimento
      By AndreAtomic · Posted
      Para quem vai se iniciar o que aconselham: Diversificar já uma carteira, subscrevendo vários fundos assim diversificando o risco, ou apostar numa carteira mais pequena mas ter mais capital para reforçar? Digo isto porque assim que vier o IRS e outras papeladas quero começar já a investir, mas não terei assim tanto capital disponível, tendo em conta que vários fundos pedem logo de entrada 1000 ou mais euros :/
  • Popular Contributors

    1. 1
      FoxNinja
      5
    2. 2
      pauloaguia
      3
    3. 3
      Patanisca
      3
    4. 4
      Eurico, o presbítero
      3
    5. 5
      D@vid
      2