Jump to content
  • FORMAS DE POUPAR

  • Sign in to follow this  
    Guest Carla

    Pensão do estrangeiro + subsídio de desemprego Portugal

    Recommended Posts

    Guest Carla

    Boa tarde.

    Gostaria de saber a vossa opinião, por favor.

    A minha mãe trabalhou x anos em França, auferindo desde 2014 uma pensão de 200 euros. Em 2015, foi para o desemprego ficando a auferir o relativo ao ordenado mínimo. Há pouco tempo recebeu uma carta da segurança social para apresentar a natureza da pensão de França, cujos comprovativos foram entregues em devido tempo. Este mês, não recebeu subsídio de desemprego. Fui consultar a sua situação na segurança social direta onde me deparo com uma notificação em que deve devolver todo o valor do subsídio de desemprego!?!?

    Mas afinal, não tem direito pelo o que trabalhou???? São dois países e dois sistemas contributivos diferentes, nenhum paga o outro!!

    Que injustiça é esta????

    Obrigada.

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites
    Guest Sofia

    Boa noite:

    Teve algum desenvolvimento nesta situação? Estou a passar por uma situação semelhante. É uma grande injustiça!

     

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites
    Guest PJA

    O subsídio de desemprego destina-se a compensar a falta de remuneração provocada por uma situação involuntária de desemprego. E, como tal, faz parte das regras, que não pode acumular com pensões (pois nesse caso há um rendimento). Podem consultar as condições de atribuição do mesmo no site da Segurança Social: http://www.seg-social.pt/subsidio-de-desemprego

    Agora, se a pensão é de apenas 200€ e inferior ao que deveria ser o subsídio de desemprego, deve questionar a Segurança Social sobre a possibilidade de receber apenas uma parte do subsídio de desemprego, de forma a colmatar a diferença (embora no site da Segurança Social surja indicação de que o subsídio social de desemprego não pode acumular também com pensões, pode ser que haja uma forma de dar a volta; não havendo, parece-me caso para colocar a questão ao Provedor de Justiça).

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites

    Your content will need to be approved by a moderator

    Guest
    You are commenting as a guest. If you have an account, please sign in.
    Reply to this topic...

    ×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

      Only 75 emoji are allowed.

    ×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

    ×   Your previous content has been restored.   Clear editor

    ×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

    Sign in to follow this  

    ×
    FinancasPessoais.pt

    Subscreva a newsletter e tenha acesso a todas as novidades do grupo de sites FinancasPessoais.pt e a conteúdos exclusivos.

    Os sites FinancasPessoais.pt respeitam a sua privacidade e vontade:

    Não mostrar mais esta caixa