Ir para o conteúdo
  • FORMAS DE POUPAR

  • Entrar para seguir isto  
    Visitante

    Tributação autónoma ou englobamento com menos valias?

    Recommended Posts

    Visitante

    Sou trabalhador dependente e recebi, por 2 vezes, ações da empresa. Digamos que recebi 2x100 ações por 100$, no entanto vendia-as por 99$ e perdi 200$. Algumas questões:

    1 - Quando efetuar a conversão de dólares para euros, qual é a data que devo usar para cambio? Num balcão das finanças disseram-me que seria dia 31 de dezembro de 2015. Por telefone informaram-me que deveria usar o cambio da data de venda.

    2 - Uma vez que é considerado uma menos valia em ambas as vendas, faço englobamento?

    3 - Os juros ganhos no banco já tiverem tributação autónoma de 28%, porque razão não os posso usar para efetuar englobamento e/ou declarar no IRS? (Partindo do pressuposto que baixaria de escalão por causa da menos valia)

    4 - Caso a venda de ações tivesse sido uma mais valia, existe algum simulador que me indique se é mais rentável efetuar tributação autónoma ou englobamento?

    Obrigado desde já

    Partilhar esta publicação


    Link para a publicação
    Partilhar noutros sites
    ruicarlov

    Indo por partes:

    1 - Deve-se usar o câmbio da data de venda.

    2 - Fazer englobamento ou não depende dos seus restantes rendimentos. Se tiver num escalão de rendimento elevado e tiver possuido bastantes rendimentos de depósitos a prazo, é possível que o englobamento não seja vantajoso, principalmente porque as menos-valias com ações só poderá abater em hipotéticas mais-valias dos 2 anos seguintes, logo não há certezas que possa sair beneficiado. Tudo tem de ser bem planeado e calculado.

    3 - Quando se opta pelo englobamento, efetivamente pode-se usar os 28% dos juros ganhos no banco. No entanto, as menos-valias de ações NÃO baixam o escalão de rendimentos. Logo se o seu escalão tem uma taxa superior a 28%, não há vantagem nisso.

    4 - Pode-se usar o simulador de IRS e fazer simulações para os dois cenários (tributação autónoma e englobamento). Mas em muitos casos nem é preciso simular. Se o seu rendimento colectável é superior a 7000€, não compensa o englobamento. Só mesmo de houver menos-valias avultadas é que pode dar origem a dúvidas.

    Partilhar esta publicação


    Link para a publicação
    Partilhar noutros sites

    Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

    Visitante
    Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
    Responder a este tópico

    ×   Colou conteúdo com formatação.   Paste as plain text instead

      Only 75 emoji are allowed.

    ×   Foi criada uma pré-visualização automática a partir da ligação que colocou.   Mostrar apenas como ligação

    ×   Your previous content has been restored.   Clear editor

    ×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

    Entrar para seguir isto  

    ×
    FinancasPessoais.pt

    Subscreva a newsletter e tenha acesso a todas as novidades do grupo de sites FinancasPessoais.pt e a conteúdos exclusivos.

    Os sites FinancasPessoais.pt respeitam a sua privacidade e vontade:

    Não mostrar mais esta caixa