Jump to content
  • FORMAS DE POUPAR

  • Abrir actividade como artesã


    Recommended Posts

    Guest Cristina

    Bom dia,

    eatou neste momento desempregada mas pretendo abrir um negócio de artesanato on-line para ajudar nas despesas.

    Sei que tenho de abrir atividade.

    gostaria de saber quais as minhas obrigações com atividade aberta.

    qual o valor a descontar em relação às vendas e se existe um valor mínimo.

    cumprimentos,

    obrigada

    Link to post
    Share on other sites
    • 3 weeks later...
    Guest Ana Carrilho

    Bom dia Cristina,

    Vai produzir as peças e vender online ou vai abrir uma loja online de revenda de artesanato?

    De qualquer forma, o primeiro passo antes de abrir actividade é analisar o mercado, conseguir perceber o seu cliente tipo, fazer um orçamento de despesas, um orçamento de vendas, com que fornecedores quer trabalhar, quantidade de stock inicial que precisa comprar, por aí em diante.

    No primeiro ano, se prevê não ultrapassar 12.500€ de vendas pode ficar enquadrada no regime de isenção de IVA, ou seja pelo art.º 53.º. Caso faça importação e exportação esta opção não se aplica e ficará enquadrada no regime de IVA e terá que o entregar ao Estado.

    Também se é a primeira vez que abre actividade, fica isenta durante 1 ano do pagamento da Seg. Social. Passado o ano de isenção, taxa da Seg Social é de 25,2% e terá que entregar a declaração trimestral com base na facturação do trimestre. Por exemplo: Se facturou 1.000€ em Out + 1.000€ em Novembro e + 1.000€ em Dezembro o cálculo é o seguinte: (1.000 + 1.000 + 1.000) X 0,70 / 3 =700€ x Taxa 25,2% = 176,40€ a pagar nos meses de Janeiro, Fevereiro e Março. Nos meses em que não há facturação o valor mínimo a pagar são 20€.

    Espero ter ajudado.

    Link to post
    Share on other sites
    • 3 weeks later...
    Guest Alegrius
    A 19/06/2021 às 19:56, Visitante Ana Carrilho disse:

    Também se é a primeira vez que abre actividade, fica isenta durante 1 ano do pagamento da Seg. Social. Passado o ano de isenção, taxa da Seg Social é de 25,2% e terá que entregar a declaração trimestral com base na facturação do trimestre. Por exemplo: Se facturou 1.000€ em Out + 1.000€ em Novembro e + 1.000€ em Dezembro o cálculo é o seguinte: (1.000 + 1.000 + 1.000) X 0,70 / 3 =700€ x Taxa 25,2% = 176,40€ a pagar nos meses de Janeiro, Fevereiro e Março. Nos meses em que não há facturação o valor mínimo a pagar são 20€.

    Se for revenda de produtos (e não prestação de serviços), o valor das vendas considerado é 20% (e não 70%) para o rendimento relevante, certo?

    - O valor da prestação de serviços é considerado em 70% para o rendimento relevante. A taxa a aplicar sobre a Base de Incidência Mensal é 21.4%

    - O valor das vendas é considerado em 20% para o rendimento relevante. A taxa a aplicar sobre a Base de Incidência Mensal é 25.2%

    Ou seja, para a revenda de produtos, o cálculo seria (1.000 + 1.000 + 1.000) X 0,20 / 3 = 200€ X Taxa 25,2% = 50,40€/mês (em vez dos 176,40€/mês)

    Total faturado = 3.000€

    Rendimento relevante = 3.000 X 0,20 = 600€

    Base de incidência mensal = 600€ / 3 = 200€

    Contribuição = Base de incidência mensal X Taxa = 200€ X 25,2% = 50,40€/mês

    Estou a pensar bem?

    Link to post
    Share on other sites

    Join the conversation

    You are posting as a guest. If you have an account, sign in now to post with your account.
    Note: Your post will require moderator approval before it will be visible.

    Guest
    Reply to this topic...

    ×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

      Only 75 emoji are allowed.

    ×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

    ×   Your previous content has been restored.   Clear editor

    ×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

    ×
    ×
    • Create New...