Jump to content
  • FORMAS DE POUPAR

  • Desemprego


    Recommended Posts

    NÉLIA Pereira

    Bom dia,mais uma vez, necessito de ajuda relativamente a Segurança Social. Estou a finalizar o meu contrato a termo certo de 7+7 meses, em regime partime 23h semanais,  já  fui informada pela entidade patronal de que não irá ser renovado...A minha questão é a seguinte terei direito ou não  ao subsidio de desemprego? Estou farta de ler as condições de acesso e vejo que falam em 360 dias de descontos, fui consultar a seg.social direta e os dias que vejo nos descontos nunca são de 30 dias, é  sempre na base de 17, 18... por ser regime partime, assim sendo quem trabalhe em partime  mesmo trabalhando um ano inteiro, os dias contabilizados são menores...como se consegue ter acesso ao subsidio de desemprego assim?? Alguém que me consiga explicar??? Grata desde já 🙏🌟

    Link to post
    Share on other sites
    JRJordao

    Nunca estive nessa situação (felizmente), mas

    Nas condições de acesso

    Citação

    Ter o prazo de garantia exigido: 360 dias de trabalho por conta de outrem com registo de remunerações nos 24 meses anteriores à data do desemprego.

    No seu caso precisaria normalmente de uns 21 meses de descontos (durante 24 meses de calendário) para ter acesso ao subsídio.

    Em 2020 aligeiraram as condições

    Citação

    Até 31 de dezembro de 2020, os trabalhadores que tenham entre 180 dias e 360 dias de trabalho por conta de outrem, com o correspondente registo de remunerações, num período de 24 meses imediatamente anterior à data do desemprego e que tenham ficado sem emprego durante o período de 19 de março a 30 de junho, têm direito ao subsídio de desemprego.

    Pode ser que este ano criem semelhante regime para quem ficar desempregado durante o confinamento.

    Link to post
    Share on other sites
    Guest nelmpereira

    Obrigado pela resposta, infelizmente acho que vou mesmo ficar sem direito ao acesso de subsidio de desemprego.... apesar de ter trabalhado 14 meses, não encontro nada na lei que fale sobre estes casos de contratos em partime... o que sinceramente é uma injustiça 

    Link to post
    Share on other sites
    PaulaSar
    A 04/03/2021 às 10:11, Visitante nelmpereira disse:

    Obrigado pela resposta, infelizmente acho que vou mesmo ficar sem direito ao acesso de subsidio de desemprego.... apesar de ter trabalhado 14 meses, não encontro nada na lei que fale sobre estes casos de contratos em partime... o que sinceramente é uma injustiça 

    pode não ter direito ao subsidio de desemprego mas pode ter direito ao subsidio social de desemprego. Penso é que não pode estar a trabalhar em lado nenhum. 

    http://www.seg-social.pt/subsidio-social-de-desemprego

    Edited by PaulaSar
    Link to post
    Share on other sites
    Wakka
    A 03/03/2021 às 14:49, NÉLIA Pereira disse:

    Bom dia,mais uma vez, necessito de ajuda relativamente a Segurança Social. Estou a finalizar o meu contrato a termo certo de 7+7 meses, em regime partime 23h semanais,  já  fui informada pela entidade patronal de que não irá ser renovado...A minha questão é a seguinte terei direito ou não  ao subsidio de desemprego? Estou farta de ler as condições de acesso e vejo que falam em 360 dias de descontos, fui consultar a seg.social direta e os dias que vejo nos descontos nunca são de 30 dias, é  sempre na base de 17, 18... por ser regime partime, assim sendo quem trabalhe em partime  mesmo trabalhando um ano inteiro, os dias contabilizados são menores...como se consegue ter acesso ao subsidio de desemprego assim?? Alguém que me consiga explicar??? Grata desde já 🙏🌟

     

    A 04/03/2021 às 10:11, Visitante nelmpereira disse:

    Obrigado pela resposta, infelizmente acho que vou mesmo ficar sem direito ao acesso de subsidio de desemprego.... apesar de ter trabalhado 14 meses, não encontro nada na lei que fale sobre estes casos de contratos em partime... o que sinceramente é uma injustiça 

    Posso estar a ser um pouco "brusco" mas a verdade é que nesses 14 meses trabalhou menos e deu menos à segurança social do que quem trabalhou 12 meses em full time. A verdade é essa, não acho que seja injustiça nenhuma. A lei parece-me clara e neste caso não são cumpridas as condições de acesso. 

    Link to post
    Share on other sites
    Guest nelmpereira
    A 12/03/2021 às 00:08, Wakka disse:

     

    Posso estar a ser um pouco "brusco" mas a verdade é que nesses 14 meses trabalhou menos e deu menos à segurança social do que quem trabalhou 12 meses em full time. A verdade é essa, não acho que seja injustiça nenhuma. A lei parece-me clara e neste caso não são cumpridas as condições de acesso. 

    Pois, mas trabalhei e descontei conforme o regime de trabalho, assim sendo deveria ter direito na proporção ao tempo que trabalhei e descontei. Continuo a achar que é injusto. Mas grata pela sua intervenção. 

    Link to post
    Share on other sites

    Join the conversation

    You are posting as a guest. If you have an account, sign in now to post with your account.
    Note: Your post will require moderator approval before it will be visible.

    Guest
    Reply to this topic...

    ×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

      Only 75 emoji are allowed.

    ×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

    ×   Your previous content has been restored.   Clear editor

    ×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

    ×
    ×
    • Create New...