Jump to content
  • FORMAS DE POUPAR

  • Ato isolado - Prova de pagamento


    SHeep

    Recommended Posts

    Vivam,

    Já procurei pelo forum mas não encontrei um tópico com uma situação semelhante à minha.

    No ano passado trabalhei no campo na apanha da fruta para a firma X. Como infelizmente é comum nestes trabalhos, o pagamento é em dinheiro e sem recibos.

    Sei que todos temos o dever de fazer as coisas dentro da lei caso contrário "tudo vai para os porcos", mas o responsável assegurou que "não haveria papeis", "precisamos só do seu cartão cidadão por causa do seguro". Quando me pagaram, assinei umas notas de entrega dos valores.

    Nestas notas de entrega não constam, nem o meu NIF, nem o NIF ou nome da firma X.

    Posto isto, não declarei estes rendimentos obtidos na declaração de IRS.

    Há dias recebo uma carta da AT a informar que por cruzamento de dados de uma guia P2 Autoliquidação da firma X foi detetado uma omissão na minha declaração.

    Além do óbvio, aprender, pagar e não bufar, ainda se coloca outra questão: a empresa X declarou rendimentos bem superiores àqueles que eu recebi.

    Eu tenho as cópias das notas de entrega e simplesmente declararam o dobro à AT.

    Gostava que alguém me conseguisse explicar se para a empresa X ter declarado determinado valor não precisaram de uma prova em conforme me foi entregue realmente esse valor.

    Grato pela atenção.

    Stephan

     

    Link to post
    Share on other sites

    Pois vc está numa situação complicada.

    Tem duas hipótese ou paga, ou reclama, ou nega tudo.  Mas não me parece que negar sirva de alguma coisa. Devem ter tirado copia do seu cartão do cidadão. E Você assinou.

    A empresa declarou mais para receber mais devolução do iva, o que é crime. Vc não declarou também é fuga aos impostos.

    Eu no seu caso, como já está numa situação difícil, tentava pagar o justo.

    Ou seja o que realmente recebeu. Já vai se calhar pagar juros e multas e sabe se mais o quê.  

    No seu caso como vc foi apanhado pelas finanças, não sei. Tudo vai depender da pessoa que está a tratar do seu processo. Se estiver desempregado Peça atestado de insuficiência económica na junta de freguesia. e apresente o comprovativo que está desempregado. Peça para pagar a multa a prestações. 

    Espero ter ajudado em alguma coisa.

     

    Eu quando estive desempregada ofereci-me para trabalhar de borla, para mostrar o que valia a uma empresa. (Fiz isso muitas vezes)

    Depois fiquei a trabalhar ilegalmente. Fui apanhada numa inspecção da segurança social.

    Eu disse aos inspectores que não tinha outra hipótese para conseguir emprego com a idade que tinha. Não apanhei multa nenhuma. 

    O centro de emprego não me arranjava nada e que tinha que me sujeitar porque tinha uma filha para criar, o subsidio estava a acabar, ou fazia isso ou ficava desempregada.

    A empresa apanhou 6 meses de multa por todos os que estavam na trabalhar, por cabeça, mesmo os que estavam a trabalhar a recibos verdes. Até as pessoas que estavam na sala de espera para fazer contratos de publicidade foram contadas para a multa. Conclusão a segurança social faliu empresa. Quando chegou a multa eu fiquei outra vez no desemprego, eu e mais uns quantos..No meu caso nem provas havia pois era tudo feito sem recibos. e apesar de lá estar à uma semana a empresa pagou 6 meses de multa.

    Link to post
    Share on other sites
    • 2 months later...

    Aproveito para dar feedback da situação:

    Segundo consegui averiguar poderia se entrar em contacto com o inspetor (o nome, e por vezes até o contacto consta na notificação) e expor a situação. O que por sua vez iria levar a uma acção inspetiva a empresa por parte da AT.
    No meu caso, desta vez, submeti uma declaração de substituição fora de prazo e passado 15 dias recebi a demonstração de liquidação. Não paguei coima, nem tive que pagar mais nada. Note que nos últimos 5 anos não tenho cometido nenhuma infração fiscal e que depende dos rendimentos e encargos de cada um.

    A quem se vir numa situação destas aconselho que entre em contacto com a AT e que exponha a situação.

    Refiro ainda que já recebi fatura, autofaturação do serviço prestado referente a este ano. E desta vez o valor está correcto e irei declarar como é óbvio.

    Grato pela ajuda.

    Link to post
    Share on other sites

    Join the conversation

    You are posting as a guest. If you have an account, sign in now to post with your account.
    Note: Your post will require moderator approval before it will be visible.

    Guest
    Reply to this topic...

    ×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

      Only 75 emoji are allowed.

    ×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

    ×   Your previous content has been restored.   Clear editor

    ×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

    ×
    ×
    • Create New...