Jump to content
  • FORMAS DE POUPAR

  • IRS Anexo G teoria?


    Reco

    Recommended Posts

    Agora um pouco de teoria sobre a app da AT e o cálculo do anexo G.
    Hipótese: o contribuinte nõa tiver nenhum outro rendimento senão mais-valias.
    Então "rendimento glocal" =  "rendimento colectável" = 50% das mais-valias
    É fácil fazer as contas "à mão" usando uma folha de cálculo, com os coef. de desvalorização etc.
    Simulando isto no simulador da AT, o resultado devia ser o mesmo.

    Mas não é. 
    Alguém conhece algum método para confirmar que o simulador da AT está correcto?
    porque até pode não estar...

    Link to post
    Share on other sites
    há 55 minutos, Reco disse:

    Agora um pouco de teoria sobre a app da AT e o cálculo do anexo G.
    Hipótese: o contribuinte nõa tiver nenhum outro rendimento senão mais-valias.
    Então "rendimento glocal" =  "rendimento colectável" = 50% das mais-valias
    É fácil fazer as contas "à mão" usando uma folha de cálculo, com os coef. de desvalorização etc.
    Simulando isto no simulador da AT, o resultado devia ser o mesmo.

    Mas não é. 
    Alguém conhece algum método para confirmar que o simulador da AT está correcto?
    porque até pode não estar...

    Pode dar um exemplo dos dados inseridos e dos calculos que fez para percebemos que valores diz estarem diferentes?

    Link to post
    Share on other sites
    há 15 horas, Wakka disse:

    Pode dar um exemplo dos dados inseridos e dos calculos que fez para percebemos que valores diz estarem diferentes?

    Obrigado pela resposta, Wakka.

    Usando valores arbitrários, para ter contas simples.
    Também por simplicidade, despesas de aquisição são zero.
    No caso muito simples, realização (20000) e aquisição (10000) no mesmo ano de 2019.
    A mais-valia = 10000,  vão a IRS 50% = 5000.
    O rendimento global calculado pelo simulador on-line da AT é 5000.
    Até aqui tudo bem, as contas à mão e o simulador deram o mesmo resultado

    Agora vamos supor um caso mais complicado, para entrarem os coef. desv.:
    12,5% do imóvel adquiridos em 1999 por 1000, coef. desv. 1,45
    37,5% do imóvel adquiridos em 2003 por 3000, coef. desv. 1,24
    Realização em 2019 por 20000
    Cálculo à mão:
    4001   5000  (2019)  1000 (1999) == 1450  12,5%
    4002 15000  (2019) 3000  (2003) == 3720  37.5%
    Mais valia = (15000+5000) - (1450+3720) = 14830
    14830 * 50% = 7415
    mas o simulador da AT dá 7520

    Com outros números:
    4001   5000  (2019)  3000 (1999) ==   4350  12,5%
    4002 15000  (2019) 9000  (2003) == 11160  37.5%
    Mais valia = (15000+5000) - (4350+11160) = 4490
    4490 * 50% = 2245
    mas o simulador da AT dá 2560

    De onde virão estas disparidades?

     

    Link to post
    Share on other sites

    IRS 2019 Mod3 Anexo G
    Algo está mal na lógica do simulador de IRS do quadro 4 do anexo G
    Testando com um caso teórico para revelar a falha:
    a) o único rendimento em 2019 são as mais valias de uma venda de imóvel
    b) as despesas de aquisição são zero
    c) Os valores de aquisição e realização são números redondos:
    d) houve uma aquisição em 1999, outra em 2003 e realização em 2019
    ValReal1999_2019  5000 ValAq_1999  3000 euros 12,50%
    ValReal2003_2019 15000 ValAq_2003  9000 euros 37,50%
    Realização total 20000

    O quadro 4 do anexo G seria algo como:
               Realização      Aquisição
    4001 2019/3  5000  1999/2 3000 12,50%
    4002 2019/3 15000 2003/2 9000 37,50%
                  total  20000
         
    Os coeficientes de desvalorização são:
    Coef1999 = 1,45
    Coef2003 = 1,24
    Calculando as mais valias "à mão":
    20000 - (3000*1,45 + 9000*1,24) = 4490
    logo o rendimento global seria 4490/2 = 2245

    Mas usando o simulador de IRS o redimento global =  2560
    logo as mais valias calculadas pelo simulador seriam 5120

    O simulador está a calcular mal as mais-valias!
    E de facto, se alterar o ano de 1999 para outro qualquer, p.ex 1950, o simulador não liga e
    continua a dar o mesmo resultado - é-lhe indiferente o ano de aquisiçaõ da linha 4001
    (com mais algum trabalho, verifica-se que para 1999 o simulador não usa o 
    coeficiente correcto de 1,45 mas sim repete o coeficiente de 2003 erradamente)

    Algum comentário?

    Link to post
    Share on other sites
    • 2 weeks later...

    Vejo que mais alguém chegou à conclusão que o simulador erra no cálculo das mais-valias.
    Ver este post:

    Agora, como convencer a AT a mandar rever a aplicação?
    Até pq isso vai trazer consequências para muitas mais-valias...

    Link to post
    Share on other sites

    Join the conversation

    You are posting as a guest. If you have an account, sign in now to post with your account.
    Note: Your post will require moderator approval before it will be visible.

    Guest
    Reply to this topic...

    ×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

      Only 75 emoji are allowed.

    ×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

    ×   Your previous content has been restored.   Clear editor

    ×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

    ×
    ×
    • Create New...