Ir para o conteúdo
pedroval

Como declarar no IRS mais valias relativas a venda de uma quota herdada

Recommended Posts

pedroval

Olá a todos, gostaria de pedir um esclarecimento relativo a esta situação:

A minha esposa juntamente com a minha sogra herdaram uma quota de uma empresa pelo falecimento do meu sogro em 2009 que mantiveram até 2013.

Em 2013 decidiram colocar a quota à venda tendo sido adquirida pela própria empresa após acordo com os restantes sócios.

Em termos de IRS esta venda deverá ser declarada no anexo G como mais-valia, mas como a herança tem dois beneficiários (a minha sogra e a minha esposa) como devem ser declaradas entre elas em termos de repartição de mais-valias ?

em suma as minhas duas questões são:

1) O termo de mais valias corresponde ao valor obtido com a venda ou à diferença entre o valor da venda e o capital da sociedade detido pelo meu sogro no ato de constituição da empresa?

2) Na declaração de IRS que entrego em conjunto com a minha esposa qual a fracção que devo declarar no anexo G?

cumps.

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
Ra

1) Diferença entre o valor da venda e o valor de aquisição. O valor da aquisição, se não estiver enganado, é o valor do capital próprio que corresponde à quota (capital próprio = capital social + reservas - prejuízos acumulados) com referência ao ultimo balanço antes da sucessão.

Podem também ver o valor na declaração de bens entregue às finanças (feita após o falecimento) para efeitos de imposto de selo.

2) 50%. Metade da filha (esposa) e metade da mãe (sogra).

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
Visitante SUSANA  BATATA

Boa tarde,

Gostaria que me esclarece-se algumas estões:

1- Quando se vende um terreno rústico, com data de quisição do ano de 1967,não foi herdado. Quais os anexos que se devem preencher?

2-Quando se vende um terreno rústico, com data de quisição do ano de 1967, foi herdado. Quais os anexos que se devem preencher?

3-Quando se vende um terreno rústico, com data de quisição do ano de 1967,não foi herdado. Quais os anexos que se devem preencher?

4-Quando se vende um terreno rústico, com data de quisição do ano de 1990, foi herdado. Quais os anexos que se devem preencher?

5-EM IRS quem é o arrendatario na questão de arrendamentos?

6-Na questão de arrendamentos ao preencher o anexo F QUADRO 4 é obrigatório preencher o quadro 5 B - opta pelo englobamento dos rendimentos não mencionados no quadro 5A, BEM COMO DOS RENDIMENTOS REFERIDOS NO QUADRO 6 ? EM QUE CASO DEVO RESPONDER SIM E NÃO . AGRADEÇO QUE ME ESPLIQUE ESTA QUESTÃO.

AGUARDO UMA RESPOSTA RÁPIDA

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
pauloaguia

Boa tarde,

Gostaria que me esclarece-se algumas estões:

1- Quando se vende um terreno rústico, com data de quisição do ano de 1967,não foi herdado. Quais os anexos que se devem preencher?

2-Quando se vende um terreno rústico, com data de quisição do ano de 1967, foi herdado. Quais os anexos que se devem preencher?

3-Quando se vende um terreno rústico, com data de quisição do ano de 1967,não foi herdado. Quais os anexos que se devem preencher?

4-Quando se vende um terreno rústico, com data de quisição do ano de 1990, foi herdado. Quais os anexos que se devem preencher?

5-EM IRS quem é o arrendatario na questão de arrendamentos?

6-Na questão de arrendamentos ao preencher o anexo F QUADRO 4 é obrigatório preencher o quadro 5 B - opta pelo englobamento dos rendimentos não mencionados no quadro 5A, BEM COMO DOS RENDIMENTOS REFERIDOS NO QUADRO 6 ? EM QUE CASO DEVO RESPONDER SIM E NÃO . AGRADEÇO QUE ME ESPLIQUE ESTA QUESTÃO.

1. Imóveis vindos à posse antes até 31/12/1989 estão isentos de tributação sobre as mais-valias. Mesmo assim a sua venda deve ser declarada no anexo G1.

2. Foi herdado antes ou depois de 1989? Se depois do fim de 1989 então a venda deve ser declarada no anexo G. Se antes deve ser declarada no anexo G1.

3. Não é igual à 1?

4. Como disse na 2 - anexo G.

5. O arrendatário é o inquilino, como se pode comprovar em qualquer dicionário ;)

6. Se não sabes é porque provavelmente não podes optar pelo englobamento. A opção pelo englobamento implica a declaração de todos os outros rendimentos em que se pode fazer esta opção e que já foram sujeitos a uma taxa autónoma (juros de depósitos a prazo ou de aplicações de aforro, por exemplo). Para esse fim devia ter sido pedida uma declaração junto das instituições que deram esses rendimentos com a discriminação desses mesmos rendimentos para serem englobados agora.

Quanto às consequências e à decisão entre optar ou não pelo englobamento, é melhor ler esta outra mensagem: http://www.forumfinancas.com/index.php?topic=10404.msg93466#msg93466

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoticons maximum are allowed.

×   Foi criada uma pré-visualização automática a partir da ligação que colocou.   Mostrar apenas como ligação

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.


×
FinancasPessoais.pt

Subscreva a newsletter e tenha acesso a todas as novidades do grupo de sites FinancasPessoais.pt e a conteúdos exclusivos.

Os sites FinancasPessoais.pt respeitam a sua privacidade e vontade:

Não mostrar mais esta caixa