Ir para o conteúdo
Visitante André Rodrigues

cancelamento do subsidio de desemprego injustamente

Recommended Posts

Visitante André Rodrigues

Boa noite. no dia 23 de abril dirigi me ao centro de emprego para entregar os papeis para o fundo de desemprego visto k trabalhava á 3 anos e fui despedido.o pedido do subsidio foi aceite e deram me m documento a dizer que tinha direito a 360dias...ate aí tudo normal,mas para meu espanto hoje fui ao multibanco e vi k nao estava o dinheiro todo, entao dirigi me á seg.social e lá disseram me k o meu subsidio tinha acabado,k eu so tinha direito a 270 dias e nao os 360 dias como estava no tal documento.disseram me no dia 23 de março saiu uma lei k mudou estes dias k se tinha direito e como eu so tinha entregue os papeis a partir do dia 23 de abril ja nao tinha direito aos 360 dias mas só aos 270 dias. mostrei o documente k dizia k tinha direito a 360 dias e disseram me k foi erro de sistema k no computador nao assumiu. eu estava á espera k fosse receber os 360 dias e entao 1 mes antes ia pedir o requerimento para mais 6 meses. agora fikei sem nada,ja nao posso pedir nenhum subsidio porque disseram me k acabou. se alguem me puder ajudar a dar alguma dica do k deva de fazer agradeçia imenso pois nao sei o que fazer

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
master-chief

se está na lei isso, agora resta pedires o outro subsidio de desemprego, nao sei o nome agora! é a outra opçao! Esse (o vulgar subsidio de desemprego) por lei pelos vistos ja acabou, agarra-te ao outro!

So nao percebo porque nao te informaram...

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
Visitante André Rodrigues

e será k se eu pedir o livro de reclamaçoes na segurança social e depois enviar para a entidade competente uma reclamaçao com esse tal documento k mostra k tinha 360 dias e k eles deviam ter me avisado e por isso sai prejudicado vai fazer algum efeito??é k eu nao vou ter direito a mais nenhum subsidio nem nenhum rendimento do estado,nenhum apoio!!

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
master-chief

Entao se afirmas que nao tens direito a mais nenhum rendimento do estado é justo eu supor que tens algumas posses economicas para sobreviver mais uns tempos?

É que se tens menos de 100 000€ no banco

e

o teu agregado familiar ganha menos de (nao m recordo o valor)

tens direito a uma ajuda do estado!

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
Visitante André Rodrigues

Eu não tenho possibilidades de sobreviver se não for a ajuda dos meus pais visto k moro com eles.hoje fui á segurança social entregar os papeis para ver se tenho direito a ao rendimento mas ela disse k era provável não ter visto k os meus pais trabalham e eu moro com eles. Mas o k me revolta e não sei o k fazer é k tenho um documento a dizer k tinha direito aos 360 dias de subsidio de desemprego e não 270 dias. Normalmente um mês antes do subsido desemprego acabar pudemos pedir o recurso k é metade do k nos foi dado inicialmente. . Foi culpa deles pk nem me notificaram do erro deles e visto que eu estava á espera de receber os 360 dias  e agora não devo receber nada. Como eu deve haver muita gente na mesma situação…e como eu tb deve haver mt gente sem saber o que fazer por causa de uma injustiça da parte da segurança social

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
master-chief

André....eu tambem vivo com os meus pais...

e tambem tenho esse problema!

Alias, até posso adicionar aqui a minha situação... eu tenho duas casas, uma no campo e outra na cidade e claro é do campo que conseguimos poupar mais algum!

Já estive a ler na segurança social, como poderia obter um subsidio, visto o meu subsidio de desemprego ter terminado em 2012 (Janeiro) desde ai nunca mais recebi nada!

Só que para se ter direito tens que viver sozinho, ou seja, o teu agregado familiar tens que ser apenas tu! No meu caso eu nao sei ate que ponto isso poderia funcionar! Ainda nao ganhei coragem para ir à segurança social perguntar! Eu poderia alegar que vivo sozinho... que em parte até é verdade...tenha facturas de agua e luz e gas em meu nome entre outras despesas mensais... despesas que claro só sao possiveis com a ajuda dos meus pais!

Bem... voltanto à tua questao é que identica à minha...

se vives mesmo com os teus pais, digo-te já...estás lixado! Os teus pais ganham menos de 335,38 EUR? Se sim podes ter esperança de ajuda!

http://www4.seg-social.pt/subsidio-social-de-desemprego

deixo-te  o link que eu tenho estado a ler... a tentar perceber se consigo alguma ajuda nem se fosse para as depesas básicas agua luz e gas! Nao pedia mais!

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
Ra

Aquando da alteração/redução dos períodos de concessão de subsidio de desemprego em Abril de 2012, ficou salvaguardado as situações em que o beneficiário tenha em 31 de Março de 2012 condições para garantir subsidio de desemprego. Nessas situações o período é concedido pela tabela anterior (antes da alteração).

http://www4.seg-social.pt/subsidio-de-desemprego

Agora para se tirar as duvidas visite o link acima e veja na tabela "quadro II" da parte " Qual a duração e valor a receber " qual o período que tinha direito.

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoticons maximum are allowed.

×   Foi criada uma pré-visualização automática a partir da ligação que colocou.   Mostrar apenas como ligação

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.


×
FinancasPessoais.pt

Subscreva a newsletter e tenha acesso a todas as novidades do grupo de sites FinancasPessoais.pt e a conteúdos exclusivos.

Os sites FinancasPessoais.pt respeitam a sua privacidade e vontade:

Não mostrar mais esta caixa