Jump to content
  • FORMAS DE POUPAR

  • Referee

    Euribor a 6 Meses - Qual é o mês de referência

    Recommended Posts

    Referee

    Bom dia a todos,

    Venho colocar aqui esta questão, para ver se alguém me pode informar:

    Tenho o crédito habitação indexado á EURIBOR a 6 Meses, que vai ser renovado em 19/01/2009 e perguntei qual o mês de referência que iria ser aplicado, pensei que fosse Dezembro mas dizem-me que é referente à média do  mês de Novembro será que é assim ou será do mês de Dezembro, se é o anterior.

    Coloquei esta questão ao banco e eles deram-me a resposta abaixo descrita.

    Agradecemos a mensagem, a qual mereceu a nossa especial atenção.

    Em resposta à sua questão informamos que, a Euribor utilizada nos empréstimos de Crédito Habitação é sempre apurada em cada mês (mês da alteração da taxa de juro, no seu caso Dezembro para surtir efeito mês seguinte (Janeiro), tendo sempre por base a média aritmética simples das taxas Euribor a seis meses dos dias úteis do mês anterior ao período de contagem de juros (Novembro), arredondada à milésima e calculada a 360 dias.

    Atendendo ao exposto e caso pretenda mais informações informamos que, poderá consultar os seguintes Decretos-Lei:

    - Decreto-lei nº 240/2006 de 22 de Dezembro, incluindo o Artigo 3º - Taxa de Juro; Artigo 4º - Arredondamento da taxa de juro e

    - Artigo 4º do Decreto-lei nº 51/2007, de 07 de Março, com base na alteração ao referido decreto.

    Fui ver o decreto Lei que está aquiu descriminado, e continuo com duvidas, alguém me poderá esclarecer se de facto é assim ou não.

    Artigo 3.º

    Taxa de juro

    Quando a taxa de juro aplicada aos contratos de crédito abrangidos pelo disposto no presente decreto-lei for indexada a um determinado índice de referência, deve a mesma resultar da média aritmética simples das cotações diárias do mês anterior ao período de contagem de juros.

    Artigo 4.º

    Arredondamento da taxa de juro

    1 - O arredondamento da taxa de juro deve obrigatoriamente ser feito à milésima da seguinte forma:

    a) Quando a 4.ª casa decimal é igual ou superior a cinco, o arredondamento é feito por excesso;

    B) Quando a 4.ª casa decimal é inferior a cinco, o arredondamento é feito por defeito.

    2 - O arredondamento deve incidir apenas sobre a taxa de juro, sem adição da margem (spread) aplicada pela instituição de crédito sobre uma Artigo 4.º

    Cálculo dos juros

    O cálculo dos juros aplicados aos contratos abrangidos pelo presente decreto-lei é feito tendo como referência 365 dias. taxa de referência ou indexante.

    Muito obrigado pela vossa atenção.

    Boas Festas

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites

    Your content will need to be approved by a moderator

    Guest
    You are commenting as a guest. If you have an account, please sign in.
    Reply to this topic...

    ×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

      Only 75 emoji are allowed.

    ×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

    ×   Your previous content has been restored.   Clear editor

    ×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.


    ×
    FinancasPessoais.pt

    Subscreva a newsletter e tenha acesso a todas as novidades do grupo de sites FinancasPessoais.pt e a conteúdos exclusivos.

    Os sites FinancasPessoais.pt respeitam a sua privacidade e vontade:

    Não mostrar mais esta caixa