Ir para o conteúdo
pedrofelgueiras

Onde investir +50.000 euros [averso a risco]

Recommended Posts

pedrofelgueiras

Boa noite,

Sou novo neste fórum, que encontrei enquanto investigava a possibilidade de adquirir obrigações da EDP.

Pelo tópico das obrigações, de Novembro, fiquei "desencantado" com a perspectiva de as adquirir. Como me pareceu, também, que havia no fórum vários utilizadores profissionais e/ou conhecedores da área, propunha-me expor a minha situação para aconselhamento.

Não percebi se havia uma secção de apresentações ou passos a cumprir antes, portanto desculpem se estou a saltar algumas regras.

De momento, tenho uma poupança com 30000 euros, da ocidentalvida, que teve uma rendibilidade de 2.4% o ano passado. Parece-me baixo.

Acresce a isto cerca de 50 mil numa conta da CGD, cujos juros devem saber ser risíveis, tendo no último pagamento rendido 0.95%

Há ainda cerca de 25mil,de outra pessoa, que estão no fundo Santander Global, que teve resultados catastróficos este ano ( -11%), e que quereria também reinvestir, embora em separado (outro titular).

Pensei inicialmente em converter tudo em obrigações da EDP, visto que os 6% pareciam apelativos, mas já vi que com as diversas comissões fica bastante menos apetecível, e segundo o negócios, a taxa máxima possível seria de 4.47%. Acresce ainda o risco de incumprimento, que penso ser reduzido, tendo em conta a empresa.

O que perguntava aqui era, então, como acham ser a maneira mais rentável de investir o dinheiro. A ideia seria qualquer coisa até 3 anos, até por ter alguma fé que a partir de 2015 a conjuntura económica seja mais favorável, começando a haver recuperação assinalável. Dava preferência a instrumentos que pagassem regularmente, mas não é absolutamente essencial, se o trade-off for uma rendibilidade declaradamente maior.

Desde já agradecido por qualquer ajuda.

Cumprimentos,

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
ruicarlov

Se é avesso a risco, então não há nada como começar a discutir os melhores depósitos a prazo. As obrigações podem de uma forma geral dar melhores rendimentos, mas isso é acompanhado de um risco maior (não são cobertas pelo fundo de garantia de depósitos).

Já que tem muito capital disponível, uma hipótese é tentar negociar taxas ao balcão de alguns bancos. Para isso recomendo o Banif ou então o PrivatBank (agência do Porto é a melhor para negociar, ao que parece).

Dentro de taxas tabeladas, uma opção rentável seria o banco Finantia.

http://www.finantia.pt/dynamic.aspx?one=on&type=_DEPOSITOS&itemIndex=4.1&menuid=_DEFAULT

Como pode ver, tem depósitos a 3 anos com 6% (a partir de 50.000€, pagam juros anuais) ou 6.5% (a partir de 100.000€)

São os valores mais altos para taxas tabeladas, seguidas do PrivatBank (5.5% a 3 anos), Invest (5.25% 1 ano)

Se quiser mesmo ir para as obrigações, procure comprá-las no mercado secundário e não no primário (como foi o caso da EDP 6%).

As obrigações que pagam mais são as Obrigações to Tesouro português - 11,6% YTM bruta até Setembro de 2013. Mas dado o que aconteceu na Grécia, muitos especulam que o mesmo pode acontecer a estas.

Por esse motivo obrigações de empresas são consideradas mais seguras.

Para que tem pouco capital só estão acessíveis EDP 2015 - 7,2% YTM; Brisa 2013 - 5,5% YTM; REN 2013 - 5,9%

e mais umas da EDP com outras maturidades com YTMs  6.9-7.1%

Mas no seu caso, como tem pelo menos 50.000€, já tem acesso a obrigações de bancos, que exigem mínimos de investimento maiores. O mais rentável de momento são as do BCP para 2014 (10,2% YTM)

Pode consultar uma lista aqui https://www.bigonline.pt/OndeInvestir/Obrigacoes

Caso opte por investir em obrigações, faça-o através do Big ou do Invest, que são os mais baratos. O BEST é careiro.

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
Netbird

Com tal capital, a negociação é a palavra chave como lhe sugeriu o ruicarlov. Atente neste artigo:

http://www.deco.proteste.pt/investe/20111018/719-Attach_s4921324.pdf

exemplo:

"no PrivatBank o funcionário disponibilizou-se para aumentar 0,5% a cada uma das taxas brutas dos depósitos a três, seis e doze meses para o montante de 25 mil euros. Assim, em vez dos 5,15% brutos, o nosso “cliente mistério” conseguiu 5,65% a seis meses."

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
Netbird

Sim mas tens de autenticar os docs!

Por vezes e se não ficar muito longe de uma das agências, eles deslocam-se para recolher os docs necessários, segundo o que me disseram na agência do Porto. Mas nada que um telefonema (ou email), não resolva.

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
afer

já tenho muitas ot e o principio fundamental é : não aplicar o dinheiro todo no mesmo produto nem no mesmo banco , diversificar...........................

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
afer

imoveis! um desastre ainda pior no meio disto tudo e neste momento sobra pouco ou nada em termos de investimentos rentaveis e com segurança futura

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
Cardoso24

Sim mas tens de autenticar os docs!

Por vezes e se não ficar muito longe de uma das agências, eles deslocam-se para recolher os docs necessários, segundo o que me disseram na agência do Porto. Mas nada que um telefonema (ou email), não resolva.

A parte chata é a autenticação dos documentos uma vez que só pode ser feita por notários, advogados e pela própria instituição bancária, ou seja, como não me posso deslocar a uma agência do privat bank teria de pagar pela autenticação dos documentos. Será que existirá outra opção sem custos?

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
Netbird

Acho que, segundo o que ouvi, que nas Juntas de freguesia é mais barato! Ainda segundo o que ouvi, nos CTT é caro! Mas nada que um telefone não esclareça!

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
pedrofelgueiras

Obrigado a todos pelas opiniões e sugestões.

Acabei por investir numa obrigação do BCP, 50mil, com rendibilidade de 4.75%, a 360 dias, com resultado líquido de cerca de 1780 euros.

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
ruicarlov

O quê? Só 4.75? Para 50k em obrigações séniores?

Meu caro amigo, se estava interessado em dívida de bancos podia ter mencionado isso aqui antes de se meter logo nisso. Se olhar para a minha primeira resposta menciono logo lá obrigações do BCP a acabar em Junho de 2014 (logo +/- 2 anos) com 10.2%

Actualmente estão com 9.5%, mas continua a ser uma grande diferença, ainda que o período de investimento seja mais longo.

Pronto, o que está feito está feito, mas não deixa de uma boa oportunidade perdida.....

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
FilipeV

Boas,

Dentro do teu perfil tinhas o deposito a prazo de 1 ano do barclays, a 5%, dar-te-ia 1875€ líquidos.

Cumprimentos.

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
Katolo

Obrigado a todos pelas opiniões e sugestões.

Acabei por investir numa obrigação do BCP, 50mil, com rendibilidade de 4.75%, a 360 dias, com resultado líquido de cerca de 1780 euros.

Péssimo investimento para o produto em questão. Até num mero depósito a prazo 5,25% TANB (ainda tens muitas alternativas e melhor no Finantia para esse valor) terias uma rentabilidade superior: +/- €1.970

Nunca se compra dívida com rentabilidades inferiores a DP's

Foste bem enganado!

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
afer

o melhor ainda era este num curto espaço de tempo: 6,96%[table]  [tr][td]BCPPL 28/02/2013[/td] [td]

BANCO COMERCIAL PORTUGUÊS

[/td] [td]

95,8385

[/td] [td]

6,9680

[/td] [td]

1,9060

[/td] [td]

28-02-2013

[/td][/tr]  [/table]

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
D@vid

Obrigado a todos pelas opiniões e sugestões.

Acabei por investir numa obrigação do BCP, 50mil, com rendibilidade de 4.75%, a 360 dias, com resultado líquido de cerca de 1780 euros.

Era uma questão de procurar e ter um outro tipo de aconselhamento :) daqui a 360 dias procura melhor!!

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
Katolo

se calhar a rentabilidade de 4,75% já é liquida o que dá no minimo 6% brutos!

Se fizeres as contas vês que são 4,75 brutos, ou seja, 3,56% líquidos

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
Cardoso24

Péssimo investimento para o produto em questão. Até num mero depósito a prazo 5,25% TANB (ainda tens muitas alternativas e melhor no Finantia para esse valor) terias uma rentabilidade superior: +/- €1.970

Nunca se compra dívida com rentabilidades inferiores a DP's

Foste bem enganado!

Não percebi muito bem porque disseste "péssimo negócio" uma vez que não estamos a falar de milhões... É verdade que a opção não foi muito feliz, mas tendo em conta as taxas actuais no máximo iria ganhar uns 2.250€ (6%) o que corresponde a menos 470€ (quase um salário mínimo) no final do ano ou aprox. 40€ mensais.

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
Katolo

Precisamente pelo que referiste. Não sendo um investimento de milhões há que o capitalizar ao máximo. Se eu tivesse milhões investia em dívida alemã ou depositava-o na Suiça. Não ganhava nada, mas sentia-me seguro.

Reitero que nunca se deve comprar um produto de risco superior com uma TIR inferior a um produto de menor risco. Não é lógico nem faz sentido.

Portanto, tal como vários comentadores afirmaram, para obrigações tinha investimentos bem melhores. E esses 470€ que referes, num DP a 6%, é uma diferença considerável.

É simplesmente um aviso para novos pequenos aforradores que vão surgindo pelo fórum à procura de conselhos. Há que ter calma e não assumir tudo o que o nosso gestor de conta nos diz ao balcão por melhor relação que tenhamos com ele(a). Há que reflectir e ponderar com calma e, depois de alguma pesquisa, tomarmos as nossas próprias decisões sem influência de terceiros.

É o nosso dinheiro que está em jogo e como actualmente não abunda em grande parte das carteiras e a tendência é diminuir há que o alavancar com a maior eficácia possível.

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
ruicarlov

Não percebi muito bem porque disseste "péssimo negócio" uma vez que não estamos a falar de milhões... É verdade que a opção não foi muito feliz, mas tendo em conta as taxas actuais no máximo iria ganhar uns 2.250€ (6%) o que corresponde a menos 470€ (quase um salário mínimo) no final do ano ou aprox. 40€ mensais.

Por acaso é mais do que isso. Optando pelas obrigações do BCP, mas no mercado secundário, seria qualquer coisa como 3562€ líquidos. (Fazendo umas aproximações e já considerando o pior cenário da declaração de mais-valias onde 20% é tributado.)

Ou seja +1782€ num ano - o dobro do que vai receber. Todos podemos concordar que duplicar a rentabilidade, qualquer que seja o valor, não é de desperdiçar.

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoticons maximum are allowed.

×   Foi criada uma pré-visualização automática a partir da ligação que colocou.   Mostrar apenas como ligação

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.


×
FinancasPessoais.pt

Subscreva a newsletter e tenha acesso a todas as novidades do grupo de sites FinancasPessoais.pt e a conteúdos exclusivos.

Os sites FinancasPessoais.pt respeitam a sua privacidade e vontade:

Não mostrar mais esta caixa