Jump to content
  • FORMAS DE POUPAR

  • Sign in to follow this  
    olivmartins

    Litígio de Herança

    Recommended Posts

    olivmartins

    A minha mãe faleceu à três dias, por questões de quezílias familiares afastei-me, ninguém me comunicou o falecimento, vim a saber através de uma vizinha e quando soube já tinha sido o funeral no dia anterior. Existe como herança uma moradia, bastante recheio, uma viatura e se calhar contas bancárias!!! Comuniquei com duas das minhas duas irmãs, mostrei o meu desagrado pela falta de comunicação. Posteriormente contactei duas vezes com ambas e soube hoje que recebi uma queixa na polícia por andar a pressionar e a querer saber como e de forma querem resolver o assunto. Está-me vedada a entrada na casa uma vez que não tenho sequer a chave. O carro, por sinal ainda em bom estado, nem vê-lo. Também não sei qual foi a funerária que tratou do funeral, se existe ou não certidão de óbito, qual o paradeiro da relação de bens, documentos de minha mãe, etc. Esta-me vedada qualquer informação. Pessoalmente sou uma pessoa com poucas capacidades monetárias e não tenho advogado. Preciso de ajuda para saber o que fazer na situação que enfrento.

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites
    Guest Rita Nunes

    Olá olivmartins!

    Sou jornalista da SIC, do programa Boa Tarde.

    Será que pode enviar-me o seu contacto telefónico (p/ boatarde8@sic.pt) para falarmos um pouco sobre esta questão que levantou acerca da herança?

    Cumprimentos

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites
    carlos2008

    é muito estranho o teu caso: aparentemente foste escorraçado pela família, isso é problema vosso, mas independentemente disso tens com eles um problema a resolver - o da posse da tua parte da herança deixada pela tua mãe.

    Certidão de óbito : existe obrigatoriamente esse documento pois ninguém é enterrado sem que ele seja emitido. A agência funerária entregar-to-ia, mas como não sabes qual é deves dirigir-te à Conservatória do Registo Civil com os dados da tua mãe (nome, última morada, viúva de..., falecida em, ... etc) e com esses elementos eles dão-te isso ( se pagares 20 euros, claro..) . Eu tive que arranjar uma de um familiar que morreu à 46 anos (!!!) e apenas com esses dados entregaram-me a certidão em 20 minutos (na Conservatória dos Registos Centrais, Av. Fontes Pereira de Melo, Lisboa).

    Queixa na polícia : marimba-te nisso (desde que não tenhas proferido ameaças ou agressões contra as tuas irmãs..) , andam entretidas e a fazer perder tempo a polícia - e a gastar mal gasto o dinheiro dos nossos impostos, que devia merecer mais respeito.

    Herança : deverás falar com as tuas irmãs. Se não consegues directamente só através de intermediário - talvez até seja preferível, dadas as circunstâncias que descreves. De qualquer forma elas não podem (sem falsas declarações, o que seria crime e te permitiria impugnar qualquer acção entretanto tomada por elas) desfazer-se de nada (incluindo contas bancárias, a menos que tenham lá o nome na conta...) sem te dar a tua parte.

    O resto é conversa fiada.

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites

    Join the conversation

    You are posting as a guest. If you have an account, sign in now to post with your account.
    Note: Your post will require moderator approval before it will be visible.

    Guest
    Reply to this topic...

    ×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

      Only 75 emoji are allowed.

    ×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

    ×   Your previous content has been restored.   Clear editor

    ×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

    Sign in to follow this  

    ×
    ×
    • Create New...
    FinancasPessoais.pt

    Subscreva a newsletter e tenha acesso a todas as novidades do grupo de sites FinancasPessoais.pt e a conteúdos exclusivos.

    Os sites FinancasPessoais.pt respeitam a sua privacidade e vontade:

    Não mostrar mais esta caixa