Jump to content
  • FORMAS DE POUPAR

  • Sign in to follow this  
    mano

    INDECISÂO CONSTANTE!

    Recommended Posts

    mano

    Boas pessoal!

    Estou a deixar este topico com o intuito de obter alguma ajuda num campo no qual sou um zero à esquerda. Vou tentar explicar o melhor possivel.

    Eu sou solteiro, não tenho filhos e trabalho numa empresa na qual estou a contrato e recebo 750eur mês (este valor já inclui descontos SS, IRS).

    E a minha indecisão é a seguinte:

    Eu trabalhando por conta propria no mesmo ramo consigo uma média de 1200-1300eur mês ou seja 14400-15600eur ano. Só que não sei que descontos de SS, IRS, etc. é que tenho de fazer, ou seja não consigo saber o lucro que terei no final dos descontos para saber se vale a pena arriscar em deixar a empresa onde trabalho e aventurar-me num negócio meu. Porque uma coisa é certa, 'trabalhar para os outros' não dá com nada :P

    Se alguém me puder elucidar um pouco agradecia.

    Cumpriementos

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites
    pauloaguia

    Em primeiro lugar deves comparar valores brutos com brutos... Se ganhas 750€/mês depois dos descontos (11% SS + 6%? IRS) deves ganhar cerca de 900€ brutos. A diferença já não parece tão grande...

    Enquanto trabalhador independente tens de descontar também para a SS (embora a uma taxa de mais de 20%) e como passas os 10.000€/ano deverás fazer retenção na fonte (21,5%). No primeiro ano, no entanto, estás isento de descontar para a SS.

    A retenção na fonte pode parecer muito maior, no entanto, o mais provável, é que ao entregar a declaração de IRS venhas a ter um reembolso muito superior ao que terias enquanto trabalhador independente.

    Quanto à SS o motivo da diferença é que enquanto trabalhador independente a empresa para a qual trabalhas já faz uma parte dos descontos por ti (que nem chegam a aparecer no recibo de vencimento). No entanto, a protecção concedida aos trabalhadores por conta de outrem é muito maior (trabalhadores independentes podem não ter acesso ao subsídio de desemprego, por exemplo).

    Seja como for, isto depende também do tipo de negócio, e eu confirmava estes valores junto da SS e das Finanças... até porque no caso da SS vem aí o novo código contributivo e podem-me estar a escapar algumas das mudanças...

    À primeira vista não parece muito prometedor optar por seguir a via independente. No entanto, enquanto trabalhador por conta de outrem é mais difícil evoluir, enquanto que como trabalhador por conta própria só depende da nossa capacidade de conseguir levar o negócio para a frente (pode correr muito melhor; pode correr muito mal também).

    Nada te impede, no entanto, de conjugares as duas coisas (a menos que o teu contrato actual não o permita, claro). Podes tentar começar um negócio aos poucos, acrescentando algum rendimento ao teu salário actual; e quando tiveres a certeza que a coisa tem pernas para andar, deixar o teu emprego e ficar por conta própria.

    Enquanto a maior parte dos teus rendimentos provier do trabalho por conta de outrem ficas isento de descontar para a SS enquanto trabalhador independente.

    Seja como for, recomendo novamente que consultes as entidades em causa para esclarecer tudo...

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites
    mano

    Muito obrigado pelo esclarecimento.

    Mas a a diferença que eu me esqueci de referir é que ganho os 1300 em media apenas em 4h por dia, provavelmente conseguindo ter trabalho durante mais 2h ou 3h ja deve compensar. Mas lá está, é uma questão de arriscar ou não. Só mais uma questãozinha, se não ultrapassar os 10000eur ano quanto será a retenção que terei de fazer?

    Cumprimentos e mais uma vez muito obrigado pela disponbilidade!

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites
    pauloaguia

    Só mais uma questãozinha, se não ultrapassar os 10000eur ano quanto será a retenção que terei de fazer?

    A taxa é a mesma mas nesse caso podes optar entre fazer retenção na fonte ou não.

    Já agora, este é também o limite a partir do qual és obrigado a cobrar IVA. Até lá podes optar entre estar ou não no regime de IVA.

    Mas se for para fazer menos de 10.000€ brutos por ano, mais vale deixares-te como estás porque estás a ganhar mais do que isso por conta de outrem...

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites

    Join the conversation

    You are posting as a guest. If you have an account, sign in now to post with your account.
    Note: Your post will require moderator approval before it will be visible.

    Guest
    Reply to this topic...

    ×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

      Only 75 emoji are allowed.

    ×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

    ×   Your previous content has been restored.   Clear editor

    ×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

    Sign in to follow this  

    ×
    ×
    • Create New...
    FinancasPessoais.pt

    Subscreva a newsletter e tenha acesso a todas as novidades do grupo de sites FinancasPessoais.pt e a conteúdos exclusivos.

    Os sites FinancasPessoais.pt respeitam a sua privacidade e vontade:

    Não mostrar mais esta caixa