Jump to content
  • FORMAS DE POUPAR

  • Sign in to follow this  
    peter.a

    Duvidas sobre Crédito à Habitação

    Recommended Posts

    peter.a

    Bom dia,

    tentei procurar esclarecer as minhas dúvidas no forum sobre o Crédito à Habitação e, embora tenha encontrado muito conteúdo util, gostaria de partilhar convosco a minha situação em particular.

    Eu e a minha namorada (na casa dos 30) estamos a pensar em comprar um apartamento. Temos em mente comprar um T2 usado, com um valor a oscilar entre os 100.000€ e os 115.000€ no máximo.

    Somando os rendimentos de ambos, dá qualquer coisa como 1.300€ euros mensais (líquidos). Possuímos 35.000€ para dar como entrada para o apartamento e temos ainda algum de parte para efectuar obras essenciais no apartamento (nomeadamente cozinha e mobiliário).

    Com os nossos rendimentos, podemos avançar de forma relativamente estável ou o risco será considerável?

    Obrigado e cumprimentos a todos.

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites
    pauloaguia

    Ou seja, um pedido de empréstimo de até 80.000€. Sendo um bocado pessimista e supondo uma taxa de 5% (já prevendo uma subida das taxas) e um prazo de 25 anos dá (usando a calculadora do blog) cerca de € 470€ de prestação.

    Dá um pouco acima de 1/3 do rendimento líquido que normalmente se recomenda como tecto a não ultrapassar, mas também é improvável que as taxas não subam a estes níveis tão depressa e podeis sempre aumentar um pouco ao prazo do empréstimo.

    E de qualquer forma, no cenário que referi, acho que tendes bastante folga para renegociar o contrato se as coisas começarem a ficar apertadas...

    Se a vossa situação profissional for estável, não deveis ter grandes problemas em conseguir o crédito nessas condições...

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites
    peter.a

    Ok, obrigado pela previsão.

    Os empregos são estáveis (se é que se pode "dizer" isso de hoje em dia), felizmente. Próximo passo é melgar os bancos :)

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites
    CFinanceiro

    Ok, obrigado pela previsão.

    Os empregos são estáveis (se é que se pode "dizer" isso de hoje em dia), felizmente. Próximo passo é melgar os bancos :)

    Quando diz que são estáveis quer dizer que são efectivos é isso?

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites
    peter.a

    Quando diz que são estáveis quer dizer que são efectivos é isso?

    Correcto, somos ambos efectivos.

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites
    Speedbird

    È a tua namorada. As condições de emprego são estáves.

    Além de pensar nas condições do empréstimo em si , tens que pensar também como ficarão as coisas e com quem ficarão as coisas em caso de separação. Pode tudo complicar-se bastante.

    Speedbird

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites
    peter.a

    È a tua namorada. As condições de emprego são estáves.

    Além de pensar nas condições do empréstimo em si , tens que pensar também como ficarão as coisas e com quem ficarão as coisas em caso de separação. Pode tudo complicar-se bastante.

    Speedbird

    É uma observação pertinente, pois pelo rendimento conjunto dá para ver que, se desse algo para o torto, seria complicado para qualquer um de nós ficar com a casa. Mas namoramos há quase dez anos e está mesmo na altura de dar o passo seguinte..

    Mas agradeço a chamada de atenção, comprar casa não é brincadeira :)

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites
    m.elis

    É uma observação pertinente, pois pelo rendimento conjunto dá para ver que, se desse algo para o torto, seria complicado para qualquer um de nós ficar com a casa. Mas namoramos há quase dez anos e está mesmo na altura de dar o passo seguinte..

    Mas agradeço a chamada de atenção, comprar casa não é brincadeira :)

    Julgo que o cuidado é o mesmo que devem ter os casados e unidos de facto. O crédito fica no nome dos dois, os dois vão pagar a casa,  logo a casa será dos dois, ou não? Se fossem casados teriam o mesmo problema se se separassem (dificuldade de um  sozinho pagar a casa).

    Felicidades, é o que lhes desejo.

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites
    CFinanceiro

    Sendo vocês efectivos e ao terem capacidade de aforro como dizes ter 35000€, acho que qualquer banco vai querer vos fazer o crédito!

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites

    Join the conversation

    You are posting as a guest. If you have an account, sign in now to post with your account.
    Note: Your post will require moderator approval before it will be visible.

    Guest
    Reply to this topic...

    ×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

      Only 75 emoji are allowed.

    ×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

    ×   Your previous content has been restored.   Clear editor

    ×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

    Sign in to follow this  

    ×
    ×
    • Create New...
    FinancasPessoais.pt

    Subscreva a newsletter e tenha acesso a todas as novidades do grupo de sites FinancasPessoais.pt e a conteúdos exclusivos.

    Os sites FinancasPessoais.pt respeitam a sua privacidade e vontade:

    Não mostrar mais esta caixa