Jump to content
  • FORMAS DE POUPAR

  • tssb83

    contrato de arrendamento sem recibos vs irs

    Recommended Posts

    tssb83

    boa noite a todos o que se passa é o seguinte, em agosto do ano passado aluguei uma casa e assinei o respectivo contrato! durante estes meses todos nunca me foi passado um unico recibo. ontem quando perguntei ao senhorio pelos recibos, ele disse que nao podia passar porque o contrato nao estava valido nas finanças, e que eu teria que assinar um novo contrato!

    aqui a duvida e a seguinte, como declarar no irs sem recibos e com um contrato que segundo parece nao esta valido?

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites
    pauloaguia

    Se tens alguma prova de transferencia de dinheiro entre voces os dois, diria que podes declarar sem problemas. Se as Finanças te vierem perguntar alguma coisa, apresentas essas provas e pornto.

    Se os pagamentos foram sempre feitos em dinheiro vivo e´ mais chato... Mas o primeiro contrato, la´ porque nao foi registado nas Finanças nao deixa de ser prova do arrendamento, pelo que diria que tambem nao teras muito com que te preocupar...

    Por via das duvidas podes sempre entrar em contacto com as Finanças e perguntar quais poderiam ser as consequencias para ti se declarares as rendas...

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites
    José Ribeiro

    Na impossibilidade de se deslocar ao serviço das Finanças mais próximo de si, estas disponibilizam um número para atendimento e esclarecimento ao público.

    Tem uma lista de contactos aqui: http://info.portaldasfinancas.gov.pt/pt/dgci/contactos_servicos/enderecos_contactos/

    Ou então use este: http://info.portaldasfinancas.gov.pt/pt/dgci/organica_dgci/servicos/perifericos_locais/

    Cumps

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites
    carlos2008

    com ou sem o Contracto estar válido o senhorio TEM que passar os recibos se forem solicitados. Porque pode o Contracto não estar válido ? Por ter sido mal redigido (falta dos nºs de contribuinte dos contratantes, p.ex) e neste caso as Finanças mandam a pessoa que o for registar ir corrigir e voltar depois. Aparentemente o teu senhorio, de boa ou má fé, não fez isso. Mas isso a ti pouco te deve preocupar SE tiveres comprovativos de depósito em conta do senhorio: isso É um contrato de arrendamento, basta-te juntar isso ao teu IRS, abater a despesa a que tens direito e depois (serás certamente lá chamado para esclarecer) dar o nome e outros elementos do teu senhorio: ele será lá chamado e terá que acertar as contas com eles, não te preocupes, tanto mais que, bem ou mal feito tu tens um Contracto na tua mão que deve ter o nome, morada, etc do senhorio e que serve de prova nas Finanças. Portanto meu caro não te incomodes: avisa apenas o teu senhorio que vais fazer isso. Agora se pagas as rendas em dinheiro vivo e ficas sem qualquer prova fisica de que o fizeste...cometeste um erro, mas nesse caso terás é mesmo que apresentar queixa (nas Finanças) do homem que eles tratam do assunto. Se arrendaste uma casa e anunciaste que querias tudo de acordo com os cânones e isso foi aceite estás apenas a ser vitima de má fé ou de chico-espertismo, nada mais, lixa-o agora tu a ele e não te preocupes muito com esse assunto. Já agora: suponho que tens a tua morada fiscal na casa a que te referes, não ? Convém...

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites
    Julieta1

    Boa tarde a todos,

    sou uma estudante universitária e desde fevereiro de 2011 que estou numa casa alugada com mais duas colegas.

    Acontece que desde essa mesma altura nós pagamos a renda como foi estipulado pela senhoria e ainda uma caução do mesmo valor da renda e, apesar de pedirmos os recibos ela nunca os passou nem algum contrato.

    Com toda esta situação pagamos a renda de agosto e resolvemos sair nesse mesmo mês (a meio de agosto de 2011), quando nos dirigimos à senhoria para a informar e receber o dinheiro da caução ela disse que não nos dava o dinheiro.

    Pergunto-me se existe alguma possibilidade de receber o dinheiro dirigindo-me às finanças, dado que não podemos ficar prejudicadas com esta situação e temos comprovativos dos pagamentos das rendas por multibanco todos os meses o mesmo valor.

    Aguardo uma resposta.

    Obrigado :)

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites
    José Ribeiro

    sou uma estudante universitária e desde fevereiro de 2011 que estou numa casa alugada com mais duas colegas.

    Acontece que desde essa mesma altura nós pagamos a renda como foi estipulado pela senhoria e ainda uma caução do mesmo valor da renda e, apesar de pedirmos os recibos ela nunca os passou nem algum contrato.

    Com toda esta situação pagamos a renda de agosto e resolvemos sair nesse mesmo mês (a meio de agosto de 2011), quando nos dirigimos à senhoria para a informar e receber o dinheiro da caução ela disse que não nos dava o dinheiro.

    Pergunto-me se existe alguma possibilidade de receber o dinheiro dirigindo-me às finanças, dado que não podemos ficar prejudicadas com esta situação e temos comprovativos dos pagamentos das rendas por multibanco todos os meses o mesmo valor.

    Aguardo uma resposta.

    Carta registada com aviso de receção a denunciar o contrato com um mês de antecedência.

    Não havendo contrato, pode ser redigido na carta que vão fazer participação da senhoria nas Finanças!...

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites

    Your content will need to be approved by a moderator

    Guest
    You are commenting as a guest. If you have an account, please sign in.
    Reply to this topic...

    ×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

      Only 75 emoji are allowed.

    ×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

    ×   Your previous content has been restored.   Clear editor

    ×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.


    ×
    FinancasPessoais.pt

    Subscreva a newsletter e tenha acesso a todas as novidades do grupo de sites FinancasPessoais.pt e a conteúdos exclusivos.

    Os sites FinancasPessoais.pt respeitam a sua privacidade e vontade:

    Não mostrar mais esta caixa