Jump to content
  • FORMAS DE POUPAR

  • José Ribeiro

    Simulador do Salário Líquido

    Recommended Posts

    Miguel Reis

    Com este simulador podem calcular quanto vão ganhar no final do mês ou quanto deduzem em impostos e segurança social!

    Simulador do Salário Líquido: http://www.agenciafinanceira.iol.pt/simuladores/salario

    Bom uso!

    O simulador está porreiro só peca por não deixar inserir o subsidio de alimentação dos dias trabalhados.

    Foi um bom contributo :)

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites
    José Ribeiro

    Não deve ser assim tão difícil calcular o valor do subsídio de alimentação. Basta somar o valor deste subsídio, que é fixo e não sofre descontos, por cada dia de trabalho efectivamente cumprido ao longo do mês.

    Não há nada que enganar!...  :D

    Cumps  ;)

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites
    Pedro Pais

    Não deve ser assim tão difícil calcular o valor do subsídio de alimentação. Basta somar o valor deste subsídio, que é fixo e não sofre descontos, por cada dia de trabalho efectivamente cumprido ao longo do mês.

    O subsídio de refeição só não sofre descontos se for até €7,26/dia.

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites
    José Ribeiro

    O subsídio de refeição só não sofre descontos se for até €7,26/dia.

    SUBSÍDIO DE REFEIÇÃO / 2009

    Foi fixado para os funcionários públicos em € 4,27. Este é também o limite mínimo obrigatório a pagar aos trabalhadores a título de subsídio de refeição pelo sector privado. 

    Está excluído do pagamento de contribuições para a segurança social (TSU) e de IRS o subsídio de refeição pago até ao montante, inclusive:

        * de € 6,41 (€ 4,27 + 50%) (€ 6,17 em 2008), quando pago em dinheiro; ou

        * de € 7,26 (€ 4,27 + 70%), sendo pago em senhas/vales de refeição.

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites
    Miguel Reis

    SUBSÍDIO DE REFEIÇÃO / 2009

    Foi fixado para os funcionários públicos em € 4,27. Este é também o limite mínimo obrigatório a pagar aos trabalhadores a título de subsídio de refeição pelo sector privado. 

    Está excluído do pagamento de contribuições para a segurança social (TSU) e de IRS o subsídio de refeição pago até ao montante, inclusive:

        * de € 6,41 (€ 4,27 + 50%) (€ 6,17 em 2008), quando pago em dinheiro; ou

        * de € 7,26 (€ 4,27 + 70%), sendo pago em senhas/vales de refeição.

      :) Esta para mim foi uma grande novidade, vê-se logo que o meu subsidio de refeição não atinge esse valor. Já diz o ditado " estamos sempre a aprender e..." ;D

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites
    m.elis
      :) Esta para mim foi uma grande novidade, vê-se logo que o meu subsidio de refeição não atinge esse valor. Já diz o ditado " estamos sempre a aprender e..." ;D

    Para mim também é novidade. JRibeiro, onde colheste essa informação?

    Qual será a razão dessa diferença de tratamento (em dinheiro ou em senhas)? Não entendi!

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites
    José Ribeiro
      :) Esta para mim foi uma grande novidade, vê-se logo que o meu subsidio de refeição não atinge esse valor. Já diz o ditado " estamos sempre a aprender e..." ;D

    É verdade. Estamos sempre a aprender!...  ;)

    Para mim também é novidade. JRibeiro, onde colheste essa informação?

    Qual será a razão dessa diferença de tratamento (em dinheiro ou em senhas)? Não entendi!

    No decreto de lei respectivo.

    Aliás, até criei um tópico só sobre este assunto!...

    Aqui: http://www.pedropais.com/forum/index.php/topic,2478.0.html

    Cumps  ;)

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites
    m.elis

    Obrigada. Quanto à legislação já a encontrei. Quanto à 2ª questão continuo sem perceber qual a razão de tratamento desigual, em termos de tributação, se o susídio for pago em dinheiro ou em senhas/vales de refeição. Do que entendi, então posso concluir que para o trabalhador é compensatório receber em senhas?Se sim por que é que as empresas não usam esse meio de pagamento?

    Obrigada pela paciência, mas tenho a mania de perguntar  ;)

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites
    pauloaguia

    Do que entendi, então posso concluir que para o trabalhador é compensatório receber em senhas?Se sim por que é que as empresas não usam esse meio de pagamento?

    Talvez porque os trabalhadores nao lho peçam ;)

    Eu ate´ conheço algumas pessoas que recebem o subsidio de refeiçao em senhas (a pedido dos proprios).

    Nao sei o porque da diferença de tratamento em termos fiscais. Mas talvez tenha a ver com o facto de serem efectivamente meios bem diferentes de pagamento - as senhas de refeiçao so´ se podem gastar de uma forma: em refeiçoes; enquanto que os pagamentos em dinheiro podem ser gastos em qualquer coisa... no limite, gastas 4€ ou 5€ para almoçar e guardas o resto para gastar da forma que entenderes.

    Alem disso, so´ e´ um regime mais favoravel para o trabalhador se o seu subsidio de refeiçao for superior a 6,41€. Na maior parte dos casos nem a esse valor chega...

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites
    José Ribeiro

    ... então posso concluir que para o trabalhador é compensatório receber em senhas? Se sim por que é que as empresas não usam esse meio de pagamento?

    Depende do trabalhador e do empregador.

    Supor a profissão de "caixeiro viajante" ou motorista. Será preferível para o empregador pagar-lhe o valor dos recibos das refeições ou entregar-lhe senhas/vales de refeição, obrigando o empregado a deslocar-se apenas a estabelecimentos/refeitórios onde haja acordo entre as partes?

    Creio que pode haver uma multiplicidade de razões ou de hipóteses para as diferentes formas de pagamento do subsídio de refeição consoante a profissão de cada um.

    Uma empresa que tenha refeitório e que não queira que os seus funcionários percam tempo a sair para almoçar fora, se calhar fornece a cada um dos seus empregados senhas válidas apenas para aquele refeitório!...

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites
    Spizel

    Xi, e eu que devo receber 3,30 por dia!!!!!!!!!!!!!!1

    Pago em senhas de refeição, possivelmente estarão a fugir de pagar mais qq coisa, não?!

    Disseram-me que se regem pela Industria Gráfica, eu que nem trabalho numa gráfica mas sim no sector de embalagens para alimentação, só por terem uma outra empresa do grupo que é uma gráfica. Isto será legal?

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites
    pauloaguia

    Xi, e eu que devo receber 3,30 por dia!!!!!!!!!!!!!!1

    Pago em senhas de refeição, possivelmente estarão a fugir de pagar mais qq coisa, não?!

    Disseram-me que se regem pela Industria Gráfica, eu que nem trabalho numa gráfica mas sim no sector de embalagens para alimentação, só por terem uma outra empresa do grupo que é uma gráfica. Isto será legal?

    Não há como perguntar à Autoridade para as Condições do Trabalho: http://www.act.gov.pt/(pt-PT)/Itens/Contactenos/LinhaApoio/Paginas/default.aspx

    Share this post


    Link to post
    Share on other sites

    Your content will need to be approved by a moderator

    Guest
    You are commenting as a guest. If you have an account, please sign in.
    Reply to this topic...

    ×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

      Only 75 emoji are allowed.

    ×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

    ×   Your previous content has been restored.   Clear editor

    ×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.


    ×
    FinancasPessoais.pt

    Subscreva a newsletter e tenha acesso a todas as novidades do grupo de sites FinancasPessoais.pt e a conteúdos exclusivos.

    Os sites FinancasPessoais.pt respeitam a sua privacidade e vontade:

    Não mostrar mais esta caixa