dand25

Declaraçao de IRS - herança

6 publicações neste tópico

Boas pessoal, preciso de uma ajuda de quem percebe

A minha sogra herdou entre outros uma casa através do falecimento do seu pai em 2010, casa essa que so passou para nome dela em 2013 através de escritura e registada nas finanças, essa mesma casa foi logo vendida + ou - 30 dias apos essa mesma escritura.

A minha duvida é como declarar essa venda no anexo G, a casa aquando da venda tinha um valor patrimonial de cerca de 70000€, no entanto só a conseguiu vender por 48000€.

Perguntei nas finanças e baralharam-me por completo ainda mais.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Sabe o valor da compra?

Creio que deveria entrar com esse valor e com o valor da venda. Despesas que tenham efetuado com a venda também devem ser declaradas.

Obs.: O valor patrimonial, provavelmente não foi atualizado.

O que lhe disseram nas finanças?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Neste caso o valor da compra será o valor declarado/apurado nas finanças para pagamento de imi aquando dos registos apos escritura de partilhas? ou o valor patrimonial da casa aquando do falecimento?

Quanto ao valor patrimonial tinha sido atualizado á não muito tempo, nas finanças a própria funcionaria baralhou-se e 1º disse que deveria se apurar quando a mae da minha sogra faleceu, depois já dizia que se deveria colocar o valor real da venda mas passado um pouco já dizia que não e que tinha de se apurar qual a percentagem que a minha sogra tinha dessa casa, quando a casa ficou so para ela, depois já dizia que o ideal era trazer todos os documentos ao balcão das finanças para melhor analise.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

O "valor de compra" é o valor por que veio à posse dela, ou seja, o valor da avaliação na altura em que foram feitas as partilhas. Aliás, foi sobre esse valor que ela pagou a escritura, certo?

Se a casa tinha vários proprietários deve ser indicada a quota parte dela. Se ela herdou a casa em dois momentos diferentes (na altura da morte da mãe e na altura da morte do pai, como me parece estar insinuado nesse último comentário) então cada uma das quotas partes deve ser declarada em separado pois terá provavelmente "valores de compra" diferentes.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

A casa quando foi vendida ja tinha sido feita escritura de partilha onde constava que lhe tina sido atribuida a apenas ela uma vez que cada herdeiro ficou com uma.

E o facto de apenas ter sido feita escritura 3 anos apos o falecimento faz com que seja o valor da avaliacao aquando do falecimento ou da escritura do qual foi apurado o imt a  pagar? É que se nao estou em erro entretanto tinha sido actualizado.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

A casa quando foi vendida ja tinha sido feita escritura de partilha onde constava que lhe tina sido atribuida a apenas ela uma vez que cada herdeiro ficou com uma.

E o facto de apenas ter sido feita escritura 3 anos apos o falecimento faz com que seja o valor da avaliacao aquando do falecimento ou da escritura do qual foi apurado o imt a  pagar? É que se nao estou em erro entretanto tinha sido actualizado.

Creio ser essa a hipótese correta. No entanto, leve a documentação que possui e tente esclarecer-se na repartição de finanças onde foi ou noutra para dissipar dúvidas.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor