Visitante a

Trazer dinheiro de África para Europa.. numa mala?!

8 publicações neste tópico

Boa noite,

Estou neste momento a trabalhar em Moçambique (salário pago na moeda local, meticais) e encontro-me em vias de regressar à Europa. Tenho todo o dinheiro acumulado em 13 meses numa conta de um banco daqui, mas muitas vezes o sistema que conhecemos por “multibanco” não funciona, acontece-me não conseguir levantar dinheiro, enfim, tenho algum receio de me ir embora e deixar cá o dinheiro. Tenho cartão de crédito.

Melhor solução, levantar todo o dinheiro no balcão, meter numa mala e transportar comigo no avião? Quais são os limites de valor em numerário?...Em euros? Em libras? (país de destino)

E em câmbios, que informação adicional me podem dar?... foi a minha primeira aventura de emigração, vou para a segunda agora, em libras.

Obrigado!

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boa noite,

Estou neste momento a trabalhar em Moçambique (salário pago na moeda local, meticais) e encontro-me em vias de regressar à Europa.

Tenho todo o dinheiro acumulado em 13 meses numa conta de um banco daqui, mas muitas vezes o sistema que conhecemos por “multibanco” não funciona, acontece-me não conseguir levantar dinheiro, enfim, tenho algum receio de me ir embora e deixar cá o dinheiro. Tenho cartão de crédito.

Melhor solução, levantar todo o dinheiro no balcão, meter numa mala e transportar comigo no avião? Quais são os limites de valor em numerário?...Em euros? Em libras? (país de destino)

E em câmbios, que informação adicional me podem dar?... foi a minha primeira aventura de emigração, vou para a segunda agora, em libras.

Obrigado!

E arrisca-se a ficar quase sem nenhum...

Antes de se meter numa "aventura" dessas, nessa parte do globo terrestre ou noutra, deveria informar-se primeiro para saber se lhe compensa...

Qualquer residente ou não residente, caso traga moeda estrangeira, o limite máximo é de 15.000 dólares americanos para residentes com mais de 18 anos, de 5.000 dólares americanos para os que têm menos de 18 anos. Para os não residentes esses limites são, respetivamente de 10.000 dólares americanos e de 3.000 dólares americanos.

Os cidadãos residentes cambiais poderão realizar transferências para Portugal desde que respeitados dois limites: 5.000 dólares americanos por mês num total de 60.000 dólares americanos por ano. Os pagamentos a realizar no estrangeiro poderão respeitar à importação de bens e equipamentos ou no âmbito de contratos de prestação de serviços de gestão e de assistência técnica estrangeira, em qualquer dos casos as transferências são possíveis mediante a apresentação dos documentos comprovativos do destino dos valores a transferir.

Assim, aconselho-o a dirigir-se ao seu banco "dai" e tentar transferir o valor máximo possível pagando a respectiva comissão (70 a 140€. Trata-se de um valor exemplificativo. Varia consoante o banco e a moeda em si que pretende transferir).

Trate o quanto antes de saber esta informação, pois os bancos nem sempre têm dinheiro disponível. E aquilo que pode ser quase imediato (ao ponto da maioria não perceber a razão de ser do caso apresentado) numas partes do "globo", pode ser um "pesadelo" noutras...

Na mala/bagagem, tem limites (também pode confirmar esta informação no aeroporto) como lhe disse.

Outra solução, seria transferir o capital para um banco que tenha agência em portugal. Um BIC, caixa geral, montepio,... Mas, lá está. Está dependente do valor disponível na agência. Tanto pode estar 1€ no próprio dia, como 10000€ dai a um mês...

Agora, "esqueça" a solução do tópico. Arrisca-se a ficar apenas com a roupa e até mesmo a ver o sol aos "quadradinhos", passe o pleonasmo da ideia...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

A legislação da UE permite viajar com dinheiro dentro de uma mala. Exige apenas que montantes superiores a 10.000€ sejam declarados antes de entrar / sair do espaço europeu com o dinheiro.

http://www.dgaiec.min-financas.pt/pt/informacao_aduaneira/viajantes/controlo_dinheiro/ (deixo o site da Autoridade Tributária e Aduaneira, em português, mas as regras são idênticas para o Reino Unido)

Agora, não sei se Moçambique tem legislação que te impeça de sair do país com mais do que um determinado montante. Há vários países que têm esse tipo de restrições, convém informares-te com as autoridades locais.

As próprias companhias aéreas não se responsabilizam acima de um determinado valor em caso de problemas com a bagagem (aqui há que ler as condições de transporte da companhia aérea).

Concordo com o ABCD: é muito mais seguro (e prático) fazê-lo por via bancária. Consulta o banco para saber que alternativas te propõem...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Fazendo uma pesquisa rápida pelo google, parece que o BPI tem uma parceira com o BCI. Se por acaso tiver conta aqui, deve ser fácil.

Outra hipótese são os processadores de pagamentos virtuais: Paypal, Payza, Neteller...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

1. Fazendo uma pesquisa rápida pelo google, parece que o BPI tem uma parceira com o BCI. Se por acaso tiver conta aqui, deve ser fácil.

2. Outra hipótese são os processadores de pagamentos virtuais: Paypal, Payza, Neteller...

1. Esse e outras entidades bancárias (CGD, Montepio, BIC,...). Mesmo assim, fácil não é... Atente-se ao pais em si. É mais fácil levar... do que trazer.

2. Pode tentar, mas também me parece pouco viável.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

A legislação da UE permite viajar com dinheiro dentro de uma mala. Exige apenas que montantes superiores a 10.000€ sejam declarados antes de entrar / sair do espaço europeu com o dinheiro.

http://www.dgaiec.min-financas.pt/pt/informacao_aduaneira/viajantes/controlo_dinheiro/ (deixo o site da Autoridade Tributária e Aduaneira, em português, mas as regras são idênticas para o Reino Unido)

Agora, não sei se Moçambique tem legislação que te impeça de sair do país com mais do que um determinado montante. Há vários países que têm esse tipo de restrições, convém informares-te com as autoridades locais.

As próprias companhias aéreas não se responsabilizam acima de um determinado valor em caso de problemas com a bagagem (aqui há que ler as condições de transporte da companhia aérea).

Concordo com o ABCD: é muito mais seguro (e prático) fazê-lo por via bancária. Consulta o banco para saber que alternativas te propõem...

Uma coisa é a realidade europeia. Outra coisa é a realidade de África... Neste continente há muitas restrições na saída de capitais. Dai que aconselhe as pessoas a se informarem muito bem antes de ir, para depois não correrem o risco de ficarem "descalças" (Exemplo: ganham 600 000 num ano e o pais só deixa sair 60 000 por ano... Como fazer? Deixam 540 000 num cofre caseiro ou num banco? Depositam num banco. Passado uma semana a agência já não o tem disponível...)

Conselho: informem-se antes de ir... e não depois de lá estar!

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
Uma coisa é a realidade europeia. Outra coisa é a realidade de África...

Por isso mesmo acrescentei o parágrafo seguinte ;)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Isso do dinheiro que pode sair por ano aplica-se também a compras feitas com cartão de crédito?

É que no caso do Neteller, é possível adicionar dinheiro à conta através de cartão de crédito. No Payza também, mas de momento o serviço não está disponível.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead