se7en

Crédito para Habitação vs "a crise"

39 publicações neste tópico

Viva,

Não tendo residência própria, estou neste momento a pensar observar o que o mercado de venda de imóveis me pode oferecer.

Tendo em conta todos os alertas da actual crise, vê-se como uma boa ou má oportunidade a compra de casa para primeira habitação, com recurso a um empréstimo de 2/3 a 3/4 do valor de aquisição?  ???

Obrigado

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Muito boa do ponto de vista de encontrares casas baratas. :)

Ja do ponto de vista de conseguires excelentes condiçoes no emprestimo a coisa ta um pouco mais complicada... Mas se a tua taxa de esforço (valor da prestaçao sobre o teu rendimento liquido) for relativamente baixa (abaixo dos 30%) nao deves ter grandes dificuldades em conseguir financiar a casa...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

A Banca não esta a conceder empréstimos.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

A banca continua a conceder creditos tem é de ser tb um bom negocio para eles ou seja a garantia tem de ser boa assim como a taxa de esforço é claro q tb depende da estratégia de cada banco e na maior parte deles o credito ñ é a principal prioridade.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Pode-se amortizar qualquer valor que pretendemos ou há um limite?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Pode-se amortizar qualquer valor que pretendemos ou há um limite?

Frequentemente há um limite inferior (por exemplo, mais de 1000€ de cada vez). Normalmente não há limite superior, até porque tens sempre a hipótese de amortização total em caso de transferência para outro banco (ou caso te saia o EuroMilhões ;D).

De qualquer forma, podes confirmar a existência de limites no teu contrato ou junto do banco...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Frequentemente há um limite inferior (por exemplo, mais de 1000€ de cada vez). Normalmente não há limite superior, até porque tens sempre a hipótese de amortização total em caso de transferência para outro banco (ou caso te saia o EuroMilhões ;D).

De qualquer forma, podes confirmar a existência de limites no teu contrato ou junto do banco...

Por lei no credito habitação ñ podem cobrar mais do que 0,5% do valor da amortização.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Esses 0,5% que os bancos cobram nas amortizações dos CH, são sobre o valor em dívida à data da amortização, ou sobre o valor a amortizar?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Sobre o valor a amortizar. atenção que nos contratos de taxa fixa o valor é de 2% e não de 0,5% que se aplica aos de taxa variável.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Antes de mais, obrigado pelos vossos comentários.

Em relação ao esforço, estou nos 30% com alguma estabilidade profissional (com projecção para valores inferiores a curto prazo), por isso talvez não seja complicado.

De qualquer forma, como é que normalmente analisam o "esforço" financeiro, chega a que ponto? Olham mais para o vencimento per se ou para o salário total (incluindo subsídios e ajudas de custo, p.ex.)?

Ademais, seria expectável eles aceitarem nas condições que vos falei para um empréstimo de 80-150 m€, com valor de entrada na ordem dos 30-40 m€?

Muito obrigado pela vossa ajuda. ;)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Ademais, seria expectável eles aceitarem nas condições que vos falei para um empréstimo de 80-150 m€, com valor de entrada na ordem dos 30-40 m€?

Nao sei como andam hoje em dia as contas mas aqui ha uns tempos atrás tipicamente eram usados como referencia os valores de empréstimo ate´ 80% do valor da avaliação (quanto menor, melhor) e menos de 30% de taxa de esforço como valores abaixo dos quais seria fácil contratar credito.

Nos dias que correm, com a cautela acrescida `a analise dos créditos e as taxas particularmente baixas, estes valores podem ter descido um pouco...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Esses valores continuam actuais ;) embora a taxa de esforço possa ir até aos 40% para podermos continuar a ter um bom poder de negociação depende um pouco de cada banco alias há alguns que preferem que voce invista em vez de dar uma entrada e pagam lhe juros acima do que voce contrata para o crédito. ;)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

...embora a taxa de esforço possa ir até aos 40%...

Quem contratar um empréstimo hoje e ficar com uma taxa de esforço de 40% com as taxas baixas como estão, quando estas começarem a subir arrisca-se a passar um mau bocado... :/

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Quem contratar um empréstimo hoje e ficar com uma taxa de esforço de 40% com as taxas baixas como estão, quando estas começarem a subir arrisca-se a passar um mau bocado... :/

Claro tens toda a razão o que eu tava a tentar transmitir é o que vai no mercado ;)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Para concluir, então e ... os bancos?

Eu sempre fui cliente da CGD (inicialmente BNU), e nunca fui muito de me chatear com andar à procura de mudar de banco para 0,5 % niisto e 0,3% para aquilo, e o que é certo é que estou habituado à caixadirecta (só faltava era uma ligaçãozita ao Quicken ou ao Money)... Enfim, chamem-me comodista, prefiro pensar que se me chatearem a cabeça tiro o dinheiro todo no dia e deposito no banco mais próximo que encontre no meu caminho. :P

Mas quando penso em créditos a coisa já não deverá ser tão linear. Valerá a pena eu chatear-me mesmo em visitar bancos dos quais nunca fui cliente e negociar ou talvez fazer um bluff tremendo e negociar tremendamente (salvo o pleonasmo) com a CGD...? Que bancos recomendam neste momento...?

Obrigado!

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Para concluir, então e ... os bancos?

Eu sempre fui cliente da CGD (inicialmente BNU), e nunca fui muito de me chatear com andar à procura de mudar de banco para 0,5 % niisto e 0,3% para aquilo, e o que é certo é que estou habituado à caixadirecta (só faltava era uma ligaçãozita ao Quicken ou ao Money)... Enfim, chamem-me comodista, prefiro pensar que se me chatearem a cabeça tiro o dinheiro todo no dia e deposito no banco mais próximo que encontre no meu caminho. :P

Mas quando penso em créditos a coisa já não deverá ser tão linear. Valerá a pena eu chatear-me mesmo em visitar bancos dos quais nunca fui cliente e negociar ou talvez fazer um bluff tremendo e negociar tremendamente (salvo o pleonasmo) com a CGD...? Que bancos recomendam neste momento...?

Obrigado!

O simples facto de seres cliente há alguns anos faz toda a diferença no pedido de crédito.

Sou cliente no BCP quase desde que nasci (quando ainda se chamava nova-rede). Os meus pais são clientes lá à mais de 30 anos. Hoje em dia os bancos não tão a facilitar o crédito a ninguem... No entanto, eu cheguei ao BCP e disse que queria um crédito habitação no valor de 110 mil euros. Os gajos nem me pediram nada (nem recibos de ordenado, nada...). Só disseram "claro que aprovamos o seu crédito, traga cá os seus documentos (BI e contribuinte) e assina logo o documento da aprovação de crédito na hora. Fazemos-lhe o spreed mais baixo que o banco oferece: 0,6%".

Nem sequer levei o IRS nem recibos de ordenado... NADA.

Como vês, se fores cliente à muitos anos e fores um bom cliente, não procures mais banco nenhum... de certeza que te vão fazer o spread mais baixo que podem oferecer.

Ah, outro pormenor: Já ouvi falar pessoas que pediram o crédito e ficaram várias semanas à espera de aprovação. Eu pedi o crédito numa segunda-feira, na terça foi o engenheiro avaliar o imovél e na quarta o crédito foi aprovado e eu fui assinar os documentos.

Se fores a um banco do qual não sejas cliente, espera muitos entraves...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

(...)Valerá a pena eu chatear-me mesmo em visitar bancos dos quais nunca fui cliente e negociar (...)

Não acho que seja uma chatice, antes considero uma preocupação em encontrar o melhor.

Por vezes perdesse uma tarde para comprar uma camisa e para fazer um crédito habitação não se quer perder um dia.

Se não te preocupares com a tua vida quem se vai preocupar?

Que bancos recomendam neste momento...?

Não é necessariamente por esta ordem.

http://www.bancopopular.pt

http://www.caixagalicia.pt

http://www.cajaduero.pt

Claro que também deves saber as condições do teu banco.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Ah, outro pormenor: Já ouvi falar pessoas que pediram o crédito e ficaram várias semanas à espera de aprovação. Eu pedi o crédito numa segunda-feira, na terça foi o engenheiro avaliar o imovél e na quarta o crédito foi aprovado e eu fui assinar os documentos.

Se fores a um banco do qual não sejas cliente, espera muitos entraves...

Pensei da mesma forma, mesmo tendo condições um pouco melhores noutro banco e até hoje ainda não tive essa sorte e sempre me disseram que a aprovação demoraria um mês ou um pouco mais...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Eu aconselho todos os meus clientes a trabalharem com 2 bancos para quando surge este tipo de negociações. Em relação ao ser cliente á muitos anos isso já foi "chão que deu uvas" ou se é muito bom cliente ou então os anos quase que ñ contam para nada alias grande parte dos bancos estão mesmo adoptar algumas politicas que lhes vão sair caras pq a crise vai passar e eles vão voltar a precisar dos clientes >:(

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Ah, outro pormenor: Já ouvi falar pessoas que pediram o crédito e ficaram várias semanas à espera de aprovação. Eu pedi o crédito numa segunda-feira, na terça foi o engenheiro avaliar o imovél e na quarta o crédito foi aprovado e eu fui assinar os documentos.

Se fores a um banco do qual não sejas cliente, espera muitos entraves...

Pensei da mesma forma, mesmo tendo condições um pouco melhores noutro banco e até hoje ainda não tive essa sorte e sempre me disseram que a aprovação demoraria um mês ou um pouco mais...

O facto de ser cliente há longos anos só por si não chega. Agora, por ser um cliente fiel, o gestor de conta tem logo acesso aos vencimentos dos últimos meses e sabe qual vai ser a tua taxa de esforço, por exemplo. Sabe qual o capital que tens investido no banco e o número de produtos para poderes usufruir das condições preferenciais. E sabe se os tens há muito tempo ou se foram contratados agora à pressa antes de ires pedir o empréstimo. Provavelmente até conhece o perfil de cliente dos pais que, se calhar, até são co-titulares da conta...

Portanto, se vir que tu cais no perfil dos bons clientes, que vens de uma boa família, e que a tua situação financeira é estável, provavelmente até tem alguma liberdade para acelerar o processo e a aprovação é quase imediata. O que não quer dizer que, com alguma paciência, não conseguisses negociar melhor noutro lado...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Sou cliente CGD e Montepio (tb sou do BES, mas não conta...  ;D ).

Como sou cliente Montepio desde os meus 1 ou 2 anos de idade, qd fiz as simulações perguntei se esse facto me tornava um cliente diferente (todo o dinheiro, ou quase´que ganho, é lá depositado, são os cartões deles que utilizei sempre, contas a prazo estão lá, pagamentos, cheques... a CGD pouco lhe toco (apenas a poupança habitação e pouco mais).

Respondeu que os anos não lhes interessam. O que me podia favorecer no spread e outras condições era se já lá tivesse outros créditos, ou se adquirisse um crédito para comprar não sei o quê.

E nessa altura tinha por ex. em depósitos a prazo 40 mil euros (dos quais 20 mil não os iria usar nos próximos tempos, nem para a compra da habitação).... Aliás de todas as simulações que fiz (e fiz umas sete ou oito), só o BES me apresentou condições mais gravosas que eles.

Por isso ser cliente parece que não ajuda muito. Isto sendo clientes normais. Se for um Ronaldo creio que terá vantagens...

Alguém que faça no seu banco poderá é ter a "vantagem" de já ter o ordenado domiciliado, débitos directos, e cartões de crédito nesse banco e não precisa de estar a mudar tudo, mas de resto.

Qt ao facto de ser mais rápido. A minha "esposa" é cliente desde sempre da CGD e tb pediu o credito em nome dela, tem contas (a prazo e à ordem)apenas neste banco, seguros são da Fidelidade, trabalha há sete anos sempre com domiciliação de ordenado. Apresentamos como fiadores os pais dela (ambos com contas na CGD, domiciliação de ordenados e emprestimo à habitação tb na CGD) e os meus tb podiam entrar na conta (ambos com contas na CGD, domiciliação de ordenados e emprestimo à habitação tb na CGD). Dois pais, 3 são funcionários públicos (um deles é reformado da BT) com rendimentos iguais aos meus...

A nossa taxa de esforço não chega aos 30% e sempre disse que demoraria um mês e talvez um pouco mais.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Sou cliente CGD e Montepio (tb sou do BES, mas não conta...  ;D ).

Como sou cliente Montepio desde os meus 1 ou 2 anos de idade, qd fiz as simulações perguntei se esse facto me tornava um cliente diferente (todo o dinheiro, ou quase´que ganho, é lá depositado, são os cartões deles que utilizei sempre, contas a prazo estão lá, pagamentos, cheques... a CGD pouco lhe toco (apenas a poupança habitação e pouco mais).

Respondeu que os anos não lhes interessam. O que me podia favorecer no spread e outras condições era se já lá tivesse outros créditos, ou se adquirisse um crédito para comprar não sei o quê.

E nessa altura tinha por ex. em depósitos a prazo 40 mil euros (dos quais 20 mil não os iria usar nos próximos tempos, nem para a compra da habitação).... Aliás de todas as simulações que fiz (e fiz umas sete ou oito), só o BES me apresentou condições mais gravosas que eles.

Por isso ser cliente parece que não ajuda muito. Isto sendo clientes normais. Se for um Ronaldo creio que terá vantagens...

Alguém que faça no seu banco poderá é ter a "vantagem" de já ter o ordenado domiciliado, débitos directos, e cartões de crédito nesse banco e não precisa de estar a mudar tudo, mas de resto.

Qt ao facto de ser mais rápido. A minha "esposa" é cliente desde sempre da CGD e tb pediu o credito em nome dela, tem contas (a prazo e à ordem)apenas neste banco, seguros são da Fidelidade, trabalha há sete anos sempre com domiciliação de ordenado. Apresentamos como fiadores os pais dela (ambos com contas na CGD, domiciliação de ordenados e emprestimo à habitação tb na CGD) e os meus tb podiam entrar na conta (ambos com contas na CGD, domiciliação de ordenados e emprestimo à habitação tb na CGD). Dois pais, 3 são funcionários públicos (um deles é reformado da BT) com rendimentos iguais aos meus...

A nossa taxa de esforço não chega aos 30% e sempre disse que demoraria um mês e talvez um pouco mais.

Isso não é bem assim... há casos e casos. O meu crédito demorou 48 horas a ser aprovado. Não acredito que se fores um bom cliente (há vários anos sempre com um excedente consideravel na conta) demore 1 semana a ser aprovado, quanto mais 1 mês...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Isso não é bem assim... há casos e casos. O meu crédito demorou 48 horas a ser aprovado. Não acredito que se fores um bom cliente (há vários anos sempre com um excedente consideravel na conta) demore 1 semana a ser aprovado, quanto mais 1 mês...

E qual foi a percentagem de financiamento? Deixa-me adivinhar, ficou bem aquém dos 80%... ;)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Dados concretos:

Emprestimo: 75 mil euros

Valor da escritura: 130 mil euros

Avaliação (estimativa para quem diz que está dentro disto): entre 150 a 160 mil

Rendimento liquido mensal: 1800 euros

Depositos no banco: 80000 euros

Não existe qq outro crédito em nome dos requerentes...

E sempre me disseram que a aprovação demoraria um mês, mas que não teria qq problema em que o empréstimo fosse aprovado.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

E qual foi a percentagem de financiamento? Deixa-me adivinhar, ficou bem aquém dos 80%... ;)

Por acaso foi exactamente 80%  ;D

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead