Visitante mgpedro

IRS 2013

8 publicações neste tópico

Boa tarde,

Gostava que alguém me explicasse o seguinte:

- Se descontamos mensalmente de acordo com a nossa taxa de IRS com base no nosso rendimento, como é possível chegar à altura de entregar a declaração anual de rendimentos e voltarmos a pagar?

Todos os anos pago IRS e o único rendimento é aquele que aufiro fruto do meu trabalho. Todos os meses desconto uma boa quantia de IRS e quando entrego a declaração de IRS, volto a pagar. Como se explica? :o

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Será má aplicação da tabela de retenção na fonte?

Ou seja, teria de descontar uma taxa mensal maior do que aquela que está a descontar...

Já falou com a empresa para eles verificarem se estão a proceder bem?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boa tarde,

Gostava que alguém me explicasse o seguinte:

- Se descontamos mensalmente de acordo com a nossa taxa de IRS com base no nosso rendimento, como é possível chegar à altura de entregar a declaração anual de rendimentos e voltarmos a pagar?

Todos os anos pago IRS e o único rendimento é aquele que aufiro fruto do meu trabalho. Todos os meses desconto uma boa quantia de IRS e quando entrego a declaração de IRS, volto a pagar. Como se explica? :o

O que desconta mensalmente não é mais que um pagamento por conta, na altura da entrega da declaração as finanças fazem o acerto, consoante o rendimemento, as deduções á colecta etc, se aquilo que descontou foi a mais, paga menos ou recebe mais, se foi a menos recebe menos ou paga mais.

Se paga IRS é porque as despesas não são suficientes para cobrir o imposto, agora imagine se não descontasse por mês...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

David, o que ele diz, no meu ponto de vista, tem razão de ser.

Porque a retenção mensal de um rendimento dependente deve ser suficiente para cobrir no final do ano a proporção de irs liquidado desse mesmo rendimento.

Neste caso vejo dois possiveis erros: Má aplicação da tabela ou aplicação de situação agregado familiar errada.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Já agora era de bom tom sabermos os números envolvidos  :)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Já agora era de bom tom sabermos os números envolvidos  :)

salário bruto: 1.286,72€

solteiro, sem dependentes

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

2012 = 13%

Confirme nos recibos de vencimento se a taxa eram bem aplicada.

Para 2013 = 16,5% + sobretaxa 3,5 % sobre (Rendimentos brutos sujeitos a irs - SS - IRS - 485)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Mesmo sem despesas ainda dava para receber á volta dos 95€....

Fiz simulação como rendimento de 2012 a entregar este ano..

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead