JorgeSilva

Montepio Geral - Associado Mutualista

66 publicações neste tópico

Não sabia se havia de colocar isto no tópico "investimentos" se no tópico "poupança" mas como estou numa de investir vai mesmo aqui  :D

Venho submeter este produto à vossa sapiente consideração. ;)

Há 5 anos que sou associado do Montepio Geral, subscrevendo um plano mutualista vulgarmente conhecido por "associado montepio".

Esta aplicação financeira tem um carácter de complemento de reforma.

Sempre tive a ideia de que este produto, para além da vertente poupança para a reforma e dos descontos em lojas/instituições protocoladas, teria um muito bom retorno, maior que os tradicionais depósitos a prazo.

Recebi a primeira comunicação de valorização e, não sei bem porquê, deixei de receber as outras todas.

Como não gosto de andar no escuro, na semana passada questionei-os por mail acerca da real valorização deste produto.

Passado 3 dias recebi a resposta por telefone.

O (s) montante (s) aplicados têm uma valorização anual correspondente a uma taxa europeia (que não a Euribor) que é de 4% menos 0,6 p.p, ou seja 3,4% TANB.

Tirando a retenção na fonte de IRS - Capitais, de 20%, dá-nos uma taxa líquida de 2,72%.

A essa taxa há a somar uma outra, definida em assembleia geral de accionistas de aprovação de resultados.

Ora, pelas expectativas que tinha em relação a este produto (que, se calhar, estavam hipervalorizadas) senti-me desiludido com esta rentabilidade.

É que, se eu tivesse um crédito à habitação estaria a pagar 4,6% (ao certo não sei mas a Euribor é mais ou menos isto) + Spread, enquanto eles a mim utilizariam o meu dinheiro e pagavam-me bastante menos!!

Há mais algum Colega associado do MG por aí? Se sim, o que acha deste produto?

E os não associados? ???

Opiniões precisam-se.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Pois eu deixei de ser associado do montepio no passado mes de dezembro, mas continuo a ser cliente. PAra se ser associado, ter-se-á de ter subscrito um plano da associação mutualista. No meu caso era o Capitais de Reforma (Jovem). A taxa da aplicação apenas é conhecida no final do ano. O ano passado rondou os 4. tal... (tanb). Como tenho quem me dê 5%, decidi resgatar essa aplicação. Foi então que o estatuto de associado deixou de existir. Posso dizer que desde aí coloquei mais dinheiro no montepio do que quando era associado. Para começar na aplicação rendimento top (já encerrada) e nas oportunidades de aforro que eles lançaram. Posso-te dizer que tenho familiares associados no montepio com muitos produtos do grupo montepio que, com essa situação, conseguem todos os anos renegociar o spread.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Pedro, quando falei contigo acerca do produto o MG, referia-me a este tipo de produtos, o problema, digo eu, é não se conhecer exactamente qual a taxa definida pela direcção do MG e quando é entregue.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

A tal taxa apenas é conhecida,na sua totalidade, após o dia 31/03/N+1, ou seja,após a assembleia geral de accionistas.

Bruno, é precisamente aí que queria chegar quando diz "tenho quem me dê 5%..."

É que, no meu caso particular, estão lá 28.000€!!!!

Este montante, parece-me, que não estou a conseguir rentabilizá-lo devidamente neste produto.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

É evidente que consegue taxas mais atractivas, como no bpn e no santander, mas online.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

É evidente que consegue taxas mais atractivas, como no bpn e no santander, mas online.

Ou seja, 5% TANB, correcto? ( ou será "correto" agora como o novo acordo??) :-\

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

É evidente que consegue taxas mais atractivas, como no bpn e no santander, mas online.

Eu sempre tive a ideia de que ir directamente ao banco negociar dava mais frutos do que se ficar pelos produtos que eles apresentam online... Mas se calhar estou a ficar desactualizado ;D Acho muito bem que coloquem todos os melhores produtos deles online...

( ou será "correto" agora como o novo acordo??)

O acordo ortográfico só entra em vigor daqui por uns anos... até lá o correcto é escrever correcto ;)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Mas atenção que nem todos os produtos da banca tradicional se encontra em comercialização via internet. Quando se tratam de quantias avultadas, eles têm uma certa margem de negociação com o cliente em particular, pois passam a pertencer ao grupo de clientes "especiais" que têm serviços "especiais". Sei que o Montepio, acima de 20 000€ costuma oferecer uma taxa superior às outras aplicações correntes. Mas nao deixe de consultar um balcão montepio para se informar sobre as oportunidades de aforro que podem ter naquele momento. Aliás, eu já aproveitei uma dessas oportunidades.

Boa sorte e bons investimentos.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

( ou será "correto" agora como o novo acordo??)

O acordo ortográfico só entra em vigor daqui por uns anos... até lá o correcto é escrever correcto ;)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boas pessoal...

Preciso de ajuda...

Sou Associado Montepio, pago 1€ por mes e ja sou associado a varios anos... 10 talvez...

Acham que vale a pena continuar a ser associado?!

As taxas são uma miseria... no ultimo ano acho que nem a 4% chegou...

O dinheiro tá preso durante todo o ano e e a unica coisa que sei é k da descontos em algumas casas (ja tive a ver e nao tem  nenhuma de jeito...)

Que mais vantagens uma pessoa pode ter?

Retiro de la todo o dinheiro? Deixo de ser associado (é k nunca achei mt piada a isso!)?!

Que me faço?

Fiquem bem! ;)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

<em>pago 1€ por mes</em>

<em>As taxas são uma miseria</em>

<em>O dinheiro tá preso durante todo o ano</em>

<em>unica coisa que sei é k da descontos em algumas casas (ja tive a ver e nao tem  nenhuma de jeito...)</em>

Jorge, acho que tu sabes bem qual é a resposta à tua pergunta ;)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

<em>pago 1€ por mes</em>

<em>As taxas são uma miseria</em>

<em>O dinheiro tá preso durante todo o ano</em>

<em>unica coisa que sei é k da descontos em algumas casas (ja tive a ver e nao tem  nenhuma de jeito...)</em>

Jorge, acho que tu sabes bem qual é a resposta à tua pergunta ;)

;)

Obrigado!

Vou tratar disso!  ;D

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

eu sou associado à 2 anos.... este ano fui lá justamente para cancelar isto e os gajos disseram-me q tinha penalizações e perdia algum do dinheiro q lá meti

resumindo...durante mais 3 anos continuarei a ser associado...depois disso fecho tudo o q lá tenho

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

eu sou associado à 2 anos.... este ano fui lá justamente para cancelar isto e os gajos disseram-me q tinha penalizações e perdia algum do dinheiro q lá meti

resumindo...durante mais 3 anos continuarei a ser associado...depois disso fecho tudo o q lá tenho

Acho que são 6 anos de permanência após o qual o resgate é "sem penalização".

Depois desta conversa que eu iniciei vou dar o "follow up".

Dos 28.000€ que tinha no "Montepio Associado" deixei 5.000€, os restantes 23.000€ constituí uma carteira de acções (muito pouco), 2 fundos de investimento e depósitos a prazo.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

O meu pai é associado do Montepio há alguns anos, mas a entrega de capital que fez foi numa modalidade mínima! apenas 150 €!

isso tudo para usufruir de um conjunto de benefícios nalguns produtos, a saber:

- seguro automóvel (que ainda não subscrevemos, mas é bem vantajoso)

- PPR, que tanto pode ser de uma Seguradora, a Futuro, como da própria Associação

- depósitos a prazo vários e obrigações de caixa

De resto, como não temos empréstimos não sei se por essa via trará algum benefício...

Uma boa notícia que este orçamento de Estado traz é que existem certos produtos da Associação Mutualista que passam a ter benefícios fiscais, sendo equiparados aos PPR das seguradores. Ah, para além dos seguros de vida, que também se podem deduzir no IRS, com algumas restrições e limites... Pelo menos é a notícia do JN que vai nesse sentido...

Os produtos financeiros que funcionam

como complemento ao sistema público de

reforma e que são comercializados por

entidades mutualistas, como por exemplo o

Montepio, vão passar a ter benefícios fiscais

idênticos aos dos PPR e seguros de vida

comercializados pelas seguradoras e

sociedades gestoras de fundos de pensões.

O que ainda não sei é se dará para acumular diversos tipos de produtos (PPR, seguro de vida) e duplicar os benefícios e quais os montantes em causa.

Mas voltando ao tema deste tópico, creio que os benefícios da Associação se cingem sobretudo aos que referi e que não vale a pena aplicar dinheiro na Associação se não tiver proveito fiscal e as rendibilidades forem baixas....

Porque não manter-se como Associado, aproveitando um dos outros depósitos?

 

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boas...

Devo dizer que o montepio foi dos "bancos" que mais problemas me deu...

Alem da "vantagem" de pagar 1€ por mes... essa entao!

Bom, a parte gira da coisa, é que o meu pai tem o dinheiro lá... e é associado... mas vantagens... "tá queto"!

Ou seja, seguro do carro, temos numa companhia que é mais barata! E nem é socio ou la o que dessa companhia! Tb sei k a companhia n é low cost!

Depois o seguro de saude paga tudo se saude... até medicamentos... e ainda por cima é mais barato que no montepio!

No inicio o meu pai começou com tudo lá... mas a medida que foi procurando e ficando a conhecer melhor o mercado, foi mudando!

Neste momento só tem la o dinheiro preso numa fantastica taxa de 3.5%TANB...

Fiquem bem!  ;)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Por acaso vence no próximo mês uma subscrição que tenho "Despesas Periódicas" que pretendo continuar por achar vantajosa:

Entregas mensais (com tx crescimento 5%/ano) e resgate de 5 em 5 anos até limite 15 anos.

Nestes 1ºs 5 anos entreguei:

Ano  Valor mês  Total Ano

1 25         300

2 26,25         315

3 27,56 330,75

4 28,94         347,29

5 30,39 364,65

Total entregas 5 anos: 1657,69

Total a receber 5 anos: 1859,49

Melhorias: 201,8

Não sei como calcular a rentabilidade efectiva das entregas, mas é uma boa forma de juntar uns cobres sem se dar conta!

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

faz as contas às despesas q tens e vais ver q ainda ficas com prejuízo...

é a jóia de inscrição - 9€ (penso eu)

é a quota mensal 1€ x12 = a 12€/ano

mais as despesas com cartão de débito e de crédito se tiveres

agora multiplica por tudo (menos a jóia) por 5 e verás q ficaste a perder ou quase

resumindo n  compensa mesmo  :-[

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

 

    A subscrição de cartões de débito e crédito nada têm que ver com a condição de associado,apenas nessa condição se usufrui de um desconto em relação aos outros clientes: o débito tem anuidade gratuita e o crédito um valor mais baixo.

    Mas influem,isso sim,na oferta do seguro automóvel que, tal como referi, é uma das vantagens de actualmente se ser associado. quem quiser pode saber os requisitos no link que abaixo deixo e,dependendo do seu caso, ver se realmente é vantajoso! só assim se pode discutir seriamente o assunto...

  Quanto ao valor do seguro, pelo menos do mínimo obrigatório, o preço é competitivo, mas arranja-se prémios inferiores nas seguradoras "low-cost": Continente, OkTeleseguro, etc.

 

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

eu devo andar a ser chulado por todos e nem me apercebo  :-[

então eu este ano paguei pelo cartão de débito do montepio 10€ (pq era dos personalizados)

e só n paguei pelo cartão de crédito pq ia lá cancelá-lo e o gajo disse-me para n o fazer q me oferecia a anuidade e q se nos próximos anos quisesse ter outra vez a oferta da anuidade bastava usar o cartão numa ou duas compras e depois ir lá falar com eles  ::)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boas.

Também eu sou associada há coisa de 5 anos (já fez os 5 anos creio que em Fevereiro deste ano) altura em que subscrevi uma Poupança Complementar Jovem (um dos vários produtos mutualistas). Actualmente, e dada a minha idade, este produto denomina-se somente Poupança Complementar.

Desde já peço desculpa pela imagem, pois pode dar a entender que estou a divulgar as minhas contas, no entanto não é o caso.

A minha situação é bastante simples: durante o primeiro ano recebi em casa o "extracto"/comprovativo correspondente ao ponto da situação da poupança. Após isso, nada mais (isto apesar do montante entregue todos os meses e dos rendimentos anuais). Torna-se necessário visitar o site a fim de consultar a evolução da poupança sem mais opções online.

O ponto a que quero chegar é se existe algum período de fidelização para quem não tenha escolhido um prazo fixo no acto da subscrição? E se esse período é mesmo de 6 anos?

(Se for, após esse período resgato a totalidade do montante da poupança e também dos fundos de investimento que por si só também não rendem grande coisa e sou mesmo capaz de encerrar a conta).

Obrigada e cumprimentos a todos.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boas.

Também eu sou associada há coisa de 5 anos (já fez os 5 anos creio que em Fevereiro deste ano) altura em que subscrevi uma Poupança Complementar Jovem (um dos vários produtos mutualistas). Actualmente, e dada a minha idade, este produto denomina-se somente Poupança Complementar.

Desde já peço desculpa pela imagem, pois pode dar a entender que estou a divulgar as minhas contas, no entanto não é o caso.

A minha situação é bastante simples: durante o primeiro ano recebi em casa o "extracto"/comprovativo correspondente ao ponto da situação da poupança. Após isso, nada mais (isto apesar do montante entregue todos os meses e dos rendimentos anuais). Torna-se necessário visitar o site a fim de consultar a evolução da poupança sem mais opções online.

O ponto a que quero chegar é se existe algum período de fidelização para quem não tenha escolhido um prazo fixo no acto da subscrição? E se esse período é mesmo de 6 anos?

(Se for, após esse período resgato a totalidade do montante da poupança e também dos fundos de investimento que por si só também não rendem grande coisa e sou mesmo capaz de encerrar a conta).

Obrigada e cumprimentos a todos.

Também tenho esse produto e não recebo o extracto, pois pedi para que isso acontecesse. Vejo os saldos na Net24.

Quanto à fidelização, estive a confirmar na subscrição, é de 5 anos.

Ao fim de 5 anos logo verei o que fazer......Agora não me interessa tocar-lhes. Foi o acordado para me baixarem o spread, e os acordos são para se cumprirem (ou negociarem) ;)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Cartões

Aviso:

A partir do próximo dia 1 de Agosto será actualizado o preçário aplicável a cartões de débito e de crédito.

Novas anuidades: Visa Electron (8,50Eur), Especial Jovem (2,00Eur), Design (10,50Eur), Portugal (10,00Eur), Multibanco (10,00Eur) e Mega (12,50Eur).

Comissão de substituição dos cartões: Cartões de débito (7,50Eur) e Cartões de crédito (9,50Eur).

Tenho uma amiga que é associada do MG porque o pai assim a aconselhou, no entanto quando foi pedir um empréstimo para comprar casa, de nada lhe valeu o facto de ser associada. Se ficasse com o seu crédito no MG iria pagar um spread de 0,7% muito superior ao spread de alguns bancos da concorrência, por exemplo a CAIXA GALICIA/DECO, que não necessitam de pagar uma quota mensal para serem associadas a esse banco!

É bem verdade que o MG há uns anos era um bom banco, mas isso era no século passado. Agora é um banco comercial como outro qualquer e a prova é este aumento anunciado para Agosto dos cartões do MG, bem como a existência de despesas de manutenção com minimos que ainda há bem pouco tempo não tinham!...

Mas alguém sabe porque todos agora cobram despesas de manutenção?

Se as contas têm um saldo inferior ao que eles desejam cobram e quando têm um saldo superior não cobram! Será para movimentarem o dinheiro à vontade deles, ganhando assim mais umas comissões noutros empréstimos, por exemplo?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

    Caro José,

    Também é uma questão que me aborrece imenso e que até ja me aconteceu, mas foi precisamente por isso que surgiram os tais bancos on-line que não oneram a pessoa com esse tipo de encargos!

    Mas em função do teu perfil de investidor/cliente, assim deves optar pela melhor instituição para depositares o teu dinheiro: já percebi que te faz um pouco de confusão essa situação, mas digamos q do ponto de vista do banco eles consideram que se n lhe dás rendimento (seja por receberes lá o ordenado ou teres aplicações financeiras, ou ainda por teres contraído crédito), tens de pagar para te afiliares a eles e usufruires dos serviços que te prestam por teres lá conta aberta! Isso também se deve, claro, à multiplicação das contas a 0 durantes anos a fio...

    Da mesma forma que as operadoras de tlm exigem p manteres o numero activo que faças carregamentos ou pelo menos recebas chamadas, os bancos não querem (e c alguma razão) clientes com contas c baixa movimentação, que concorram para os custos operacionais e não contribuam com qualquer benefício!

    Agora eles deveriam, isso sim, flexibilizar as condições de isenção da manutenção de contas. A título de exemplo, aconteceu cmg no BPI não me considerarem conta-ordenado a conta à ordem que abri lá p/o sistema informático não receber reconhecer uma bolsa de estágio que recebo mensalmente como vencimento por não vir identificada com um código específico (apesar de não existir duvidas que se trata, efectivamente, de um ordenado, até porque vem identificada a entidade pagadora! Apesar perguntar: então e para que servem os funcionários!?

  Fiz queixa ao BP e junto da DECO e a resposta que obtive foi que os bancos não são obrigados a conceder contas-ordenado a ninguém, sendo que aquilo que se pode solicitar são os "serviços minimos bancários", mas, nesse caso, apenas se pode ter conta em uma única instituição e, mm assim, o banco tem legitimidade para cobrar uma comissao, ainda que pequena, calculada em função da remuneração mensal mínima...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Cartões

Aviso:

A partir do próximo dia 1 de Agosto será actualizado o preçário aplicável a cartões de débito e de crédito.

Novas anuidades: Visa Electron (8,50Eur), Especial Jovem (2,00Eur), Design (10,50Eur), Portugal (10,00Eur), Multibanco (10,00Eur) e Mega (12,50Eur).

Comissão de substituição dos cartões: Cartões de débito (7,50Eur) e Cartões de crédito (9,50Eur).

Tenho uma amiga que é associada do MG porque o pai assim a aconselhou, no entanto quando foi pedir um empréstimo para comprar casa, de nada lhe valeu o facto de ser associada. Se ficasse com o seu crédito no MG iria pagar um spread de 0,7% muito superior ao spread de alguns bancos da concorrência, por exemplo a CAIXA GALICIA/DECO, que não necessitam de pagar uma quota mensal para serem associadas a esse banco!

É bem verdade que o MG há uns anos era um bom banco, mas isso era no século passado. Agora é um banco comercial como outro qualquer e a prova é este aumento anunciado para Agosto dos cartões do MG, bem como a existência de despesas de manutenção com minimos que ainda há bem pouco tempo não tinham!...

Mas alguém sabe porque todos agora cobram despesas de manutenção?

Se as contas têm um saldo inferior ao que eles desejam cobram e quando têm um saldo superior não cobram! Será para movimentarem o dinheiro à vontade deles, ganhando assim mais umas comissões noutros empréstimos, por exemplo?

Muito bom post.

De facto assino por baixo o que referes neste post. Entendo que o montepio já foi muito melhor banco e que agora é quase um banco comercial disfarçado de mutualista. Começa a ter uma base de clientes maior e começa já a cobrar por tudo e por nada.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead