Visitante joses

Crédito à habitação / mudança de morada fiscal

5 publicações neste tópico

Boa noite

Gostaria de colocar a seguinte questão. Possuo uma casa que foi comprada com recurso a crédito bancário (concedido para habitação própria permanente) onde residi durante uns anos. De momento, desejo mudar para outra região do país, sem vender a referida casa, no entanto, necessito de alterar a minha residência no cartão de cidadão, e consequentemente o domicilio fiscal. Deverei informar o banco? O banco tem acesso a esta alteração de morada fiscal? Coloco esta questão porque tenho receio que aumentem o valor da prestação.

Abraços a todos

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

é certo que se informares o banco eles alteram-te as condições, deram crédito para uma habitação permanente, e não para uma habitação secundária que tem condições de crédito diferentes.

agora existe muita gente que faz isso e não informa o banco, por isso desconfio que os bancos não devem ser informados de forma automatica

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

A mudança de morada normalmente não há problema poderá haver problema se for comprar um novo imóvel ou arrendar o actual imóvel.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Agradeço-vos imenso as vossas respostas.

Mas, então se eu alterar a minha morada no cartão de cidadão sei que as finanças, a seg social e outras entidades têm conhecimento. O banco não terá também esse conhecimento através das finanças?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Salvo melhor opinião:

Lei n.º 59/2012 de 9 de novembro

Cria salvaguardas para os mutuários de crédito à habitação e altera o Decreto -Lei n.º 349/98, de 11 de novembro

Artigo 28.º -A

Proibição de aumento de encargos com o crédito

1 — As instituições de crédito mutuantes não podem

agravar os encargos com o crédito, nomeadamente aumentando

os spreads estipulados em contratos de concessão

de crédito à aquisição ou construção de habitação

própria permanente em caso de renegociação motivada

por qualquer uma das seguintes situações:

a) O mutuário tenha celebrado com terceiro um contrato

de arrendamento da totalidade ou parte do fogo na

sequência de um dos seguintes eventos:

i) A mudança de local de trabalho do mutuário ou de

outro membro do agregado familiar não descendente,

para um local que diste não menos de 50 km, em linha

reta, do fogo em causa e que implique a mudança da

habitação permanente do agregado familiar;

ii) Situação de desemprego do mutuário ou de outro

membro do agregado familiar;

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor