Junaid

NIF 999999990

6 publicações neste tópico

Boa noite,

Os meus pais costumam ir à farmácia comprar medicamentos mas anteontem reparei na factura da farmácia porque a minha mãe tinha lá ido comprar umas coisas... O problema é que onde é suposto aparecer o NIF da minha mãe estava lá o número 999999990! O que é isso?! O que significa?! Não há qualquer problema em meter essa despesa de saúde no IRS, pois não?!

Obrigado.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Ui não sei, esse NIF foi colocado ao calhas, mas hoje em dia é melhor colocar o certo, senão arrisca a que não aceitem a despesa no IRS!

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

O NIF 999999990 corresponde a "Contribuinte final".

Pode ser utilizado quando existe a obrigação de passar a factura e não se sabe / não se quer dar o próprio NIF. É utilizado no SAFT-PT exactamente para esses casos.

Para mais informações ver Portaria 1192/2009 (http://www.igf.min-financas.pt/inflegal/codigos_tratados_pela_igf/IRC/Leg_complementar/PORTARIA_1192_2009.htm)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

A mim também já me aconteceu o mesmo. Mas então, se no nome estiver o nosso, e no NIF o 999999999, acredito que possamos deduzir o recibo da farmácia no IRS.

Já se estiver no nome: Consumidor Final e o NIF: 999999999, duvido que possamos fazer a dedução.

Afinal, era o que podíamos fazer antigamente (recibos sem estarem identificados), e que deixou de ser assim, julgo que no ano passado.

As 2 faturas que eu tinha assim, levei-as à farmácia e pedi para as trocarem, o que fizeram sem problemas.

E tenho de ter eu o cuidado sempre que lá vou, de dar o meu nome e o NIF, se bem pelo que percebi, desde que tenha o nome, o NIF não é fundamental (ainda)...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

A mim também já me aconteceu o mesmo. Mas então, se no nome estiver o nosso, e no NIF o 999999999, acredito que possamos deduzir o recibo da farmácia no IRS.

Já se estiver no nome: Consumidor Final e o NIF: 999999999, duvido que possamos fazer a dedução.

Afinal, era o que podíamos fazer antigamente (recibos sem estarem identificados), e que deixou de ser assim, julgo que no ano passado.

As 2 faturas que eu tinha assim, levei-as à farmácia e pedi para as trocarem, o que fizeram sem problemas.

E tenho de ter eu o cuidado sempre que lá vou, de dar o meu nome e o NIF, se bem pelo que percebi, desde que tenha o nome, o NIF não é fundamental (ainda)...

Eu acho que sou da opiniao diferente, o NIF é bem capaz de prevalecer, nomes por vezes até há iguais, NIFs não, é melhor ter sempre o NIF na dúvida.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

GOSTARIA DE SABER PORQUE E QUE ALGUMAS FATURAS SIMPLIFICADAS SAO EMITIDAS COM O NIF 999999990 E OUTRAS A TERMINAR EM 9 NO LUGAR DO ZERO

OBRIGADO PELA ATENÇAO

LUIS

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead