Pirexx

O que entra para o IRS

6 publicações neste tópico

Boa Tarde!!!!

Gostava que me podessem ajudar eu fui pai a cerca de 6 meses, mas ainda hoje estou para saber o que entra para o IRS. Isto porque porgunto as pessoas conhecidas e familia e nunca dizem a mesma coisa, uns dizem que dá e outros dizem que não. Por exemplo as fraldas entra para descontos???? e podiam me dizer o que entra mais!!! (material de bebe e medicamentos etc...) Gostava que me tirassem estas duvidas.

Cumprimentos

Obrigado

Luís Pires

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

o que pode entrar é despesas de saúde.

despesas de saúde com iva reduzido entram sempre, com iva máximo apenas de tiver receita médica.

material de bebe ou fraldas não entra, agora os medicamentos se seguirem o tópico de cima, claro que entram

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

ola! Se me pudessem ajudar gostaria de saber o k posso apresentar para a deduçao de irs alem de medicamentos? tenho casa e um filho com 2 anos.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

ola! Se me pudessem ajudar gostaria de saber o k posso apresentar para a deduçao de irs alem de medicamentos? tenho casa e um filho com 2 anos.

Quanto a habitação não sei.

No que diz respeito a saúde, pode incluir qualquer despesa de saúde isenta de IVA (por exemplo, consultas e taxas moderadoras), com IVA a 6% (lentes, medicamentos) e com IVA a 23% (armações/óculos, cremes dermatológicos - desde que apresente receita médica a comprovar).

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Casa: pode deduzir apenas 15% dos montantes gastos em juros de dívidas com a compra de um imóvel e até um limite 591 euros, sendo que esta dedução é válida apenas para os contratos celebrados até 31 de Dezembro de 2011. Portanto, se comprou casa depois desta data, já não tem direito a qualquer dedução.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Educação: este sector escapou às alterações. Assim sendo, continuam a ser dedutíveis 30% dos gastos até um limite de 760 euros.

Seguros: os prémios de seguros exclusivamente relativos a riscos de saúde passam a ser dedutíveis em apenas 10% com um limite de 50 euros, quando até aqui eram dedutíveis 30% até um limite de 85 euros.

Pensões de alimentos: era possível deduzir 20% do montante pago por pensões de alimentos com o limite de 1.048,05 mas agora esse limite passa para os 419,22 euros.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead