rumbelino

Gestão do Fundo de Emergência

8 publicações neste tópico

Olá,

Como costumam fazer a gestão dos vossos fundos de emergência?

Vão colocam esse montante em depósitos a prazo, fica sempre numa conta à ordem, ou usam outro tipo de produtos?

Os produtos BiG Aforro e Caixa Aforro parecem ser boas soluções, até porque as taxas de juros dos Depósitos a Prazos irão baixar bastante, não acham?

Cumprimentos

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Sobretudo não o deixar numa conta à ordem!

O importante é que se trate de produtos que podes movimentar rapidamente quando acontecer a tal emergência. No caso do BIG Aforro, a taxa terá uma bonificação se lhe adicionares 150€ todos os meses... No início pode ser boa ideia mas queres continuar a adicionar 150€ por mês a um fundo de emergência? É que assim que o deixares de fazer, a taxa cai um bocado e precisas de 3 meses para lá voltar...

Seja como for, as taxas dos produtos de aforro também são indexadas - quando os depósitos a prazo descerem, essas também vão descer.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Pois, as vantagens destes é que podes lá colocar o dinheiro sempre que quiseres e este começa logo a ganhar juros, de resto...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Fundos de emergencia terão de ser (a meu ver) moderados, não acho necessário que sejam de montantes levados, por isso uso depositos a prazo (via internet), geralmente a 7 ou 15 dias.

Normalmente, melhor remunerados e em caso de mobilização beneficias sempre do juro correspondente ao período decorrido.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Para estar sempre a fazer DP's de tão curto tempo, mais vale usar os produtos de Aforro que tem as mesmas taxas e estão sempre activos, não achas? :)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Os depósitos de curto prazo permitem-me acumular capital para, aí sim, optar por outras soluções de aforro ou investimento.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Eu tenho o meu fundo de emergência (ainda em "formação" porque ainda não cheguei aos 6 salários) a prazo a 30 dias no BEST e todos os meses, depois de transferir os 20% do salário para "a poupança", volto a meter mais 30 dias.

Provavelmente não é óptimo mas sinto-me bem com isto... dá um boost no ego quando recebo o extracto mensal e vejo a coisa a crescer ;)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Acredito :)

Eu ainda tenho muito pouco, por isso...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead