Beck

Profissional liberal - regime simplificado

4 publicações neste tópico

Estou inscrito como profissional liberal no regime simplificado. O volume de negócios deste ano vai ultrapassar os 10.000€.

[glow=red,2,300] Questões:[/glow]

1.      Tenho de fazer algum tipo de retenção este ano (IRS e IVA)?

2.      Quais as alterações que tenho de fazer para o próximo ano (IRS e IVA)?

3.      Os serviços que presto são a empresas nacionais e internacionais (Espanha). No próximo ano como devo proceder na passagem dos  recibos, sabendo-se que no estrangeiro não fazem retenção (IRS e IVA)?

4.      No preenchimento dos recibos quais as opções que devo selecionar nos campos Regime de IVA e Base de Incidência em IRS e Retenção na Fonte de IRS?

E o Imposto de Selo do recibo, tem de se preencher? Como se procede neste caso?

6.      Uma parcela do meu rendimento é trabalho dependente. Neste âmbito já desconto para a Segurança Social. Sou obrigado como profissional liberal a descontar alguma coisa para este efeito?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Olá a todos. Tenho uma dúvida: pode uma entidade recusar-se a RECEBER um recibo de acto isolado? Já li tudo sobre o acto isolado e penso que cumpro todos os requisito para poder usá-lo neste caso, mas a entidade pagadora não o quer aceitar. Pode fazê-lo? A quem poderei reclamar da situação? Muito obrigada!

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

bump

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

1- Este ano... quanto ao Iva não tem de fazer nada, continua isento. Em relação à retenção na fonte de irs, a opção pela não retenção cessa no mês seguinte àquele que ultrapassa os 10 mil. Imagine que ultrapassa os 10 mil em Setembro, então em Outubro as entidades obrigadas a reter na fonte já devem reter-lhe irs.

2- No próxmo ano... Quanto ao iva tem de entregar uma declaração de alterações em Janeiro, onde declara ter ultrapassado os 10 mil em 2012. E com isto, passará a ter de cobrar iva a partir de Fevereiro de 2013. Quanto à retenção de irs, continua sujeito à retenção.

3 - No Iva escolhe: "Artigo 6º - regras de localização". Na retenção de irs: " Sem retenção - Entidade não residente". Não sei se as expressões são exactamente assim, mas é algo parecido, facilmente encontra.

4- Se for para uma empresa estrangeira, é como lhe disse no ponto 3. Se for empresa portuguesa, selecciona iva a 23% e na retenção irs escolhe 21,5% - artigo 101º, nº 1 do cirs.

5- O imposto de selo só é aplicado a certas actividades, como por exemplo, a mediação de seguros (comissão de seguros). No seu caso certamente não se aplica.

6- Os descontos que faz na actividade dependente é sobre um salário a tempo inteiro? Se sim, na actividade independente fica isento de descontar.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead