sollis

Conta criança com menos de 5 anos - opções?

6 publicações neste tópico

Olá

Venho saber a vossa opinião para abertura de uma conta para criança.

Objectivos:

- Poupança por DP

- Maturidade até 2 anos de cada DP

Movimentos (para fora) pontuais:

Cartão de débito (se for sem anuidade) ou livro de cheques

Sem despesas manutenção

Ideias??

Grato

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

A poupança seria mesmo só em DPs?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Olá

Venho saber a vossa opinião para abertura de uma conta para criança.

Objectivos:

- Poupança por DP

- Maturidade até 2 anos de cada DP

Movimentos (para fora) pontuais:

Cartão de débito (se for sem anuidade) ou livro de cheques

Sem despesas manutenção

Ideias??

Grato

Se a conta é para uma criança com menos de 5 anos, não vejo muita logica pedires um livro de cheques ou um cartão de multibanco. São gastos desnecessários para uma conta que em principio não deverá ter muitos movimentos.

As contas de menores são por principio contas isentas de despesas de manutenção, por isso também é um factor irrelevante, atendendo aos anos que faltam para a maioridade.

Quais são os problemas das contas dos menores?

Remuneração baixa comparativamente a outros produtos com igual montante. O motivo é simples, por norma não existe uma continua procura por melhores condições ou negociação.

Sugestões:

Abrir conta onde a familia já tem conta, de modo a incluir sempre no pacote de renegociação de juros. Este factor pode ser importante desde o valor investido de todas as contas seja relevante para o banco.

Se tiver a sorte de ter filhos, provavelmente vou investir as suas poupanças a longo prazo de modo a maximizar a rentabilidade, na medida que com 5 anos eles não precisam para já do dinheiro nem para daqui a 2 anos. Por exemplo eu considero os certificados do tesouro um bom investimento para perfil do cliente em questão.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Os montantes recebidos pelas crianças são, na maioria dos casos, valores baixos e parcelares [50€ a 250€], desta forma seria facil agrupar e criar DP.

A ideia entre o cartão de Débito ou livro de cheques prende-se como os poucos movimentos.

Um banco online pode ter custos para transferir da conta para fora, um cartão de débiyo pode ter uma anuidade de 5€ ou 6€, mas um cheque para eventualidades custa cerca de 0.40€ ou 0.60€, pode vir em packs de 5 e até pode ser sem validade.

Quanto aos certificados do tesouro, são taxas de 5% a 10 anos? mas isso consegue-se em DP, cm alguma criatividade.

Agradeço as ideias e continuo a recolher opiniões.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Num banco online não tens despesas de manutenção.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Os montantes recebidos pelas crianças são, na maioria dos casos, valores baixos e parcelares [50€ a 250€], desta forma seria facil agrupar e criar DP.

A ideia entre o cartão de Débito ou livro de cheques prende-se como os poucos movimentos.

Um banco online pode ter custos para transferir da conta para fora, um cartão de débiyo pode ter uma anuidade de 5€ ou 6€, mas um cheque para eventualidades custa cerca de 0.40€ ou 0.60€, pode vir em packs de 5 e até pode ser sem validade.

Quanto aos certificados do tesouro, são taxas de 5% a 10 anos? mas isso consegue-se em DP, cm alguma criatividade.

Agradeço as ideias e continuo a recolher opiniões.

Um transferência interbancária pode não ter custos (Activo, BEST) ou então qualquer coisa como 0.30€. Sai mais barato do que um cheque.

Quanto aos certificados de tesouro, as taxas são 7,1% a 10 anos. Certamente que não arranja nenhum DP com esta taxa, por muito ginástica que faça. Mas não recomendo muito para este caso, já que é uma aplicação que não permite reforços e é necessário um mínimo de 1000€.

Cá para mim as contas para crianças não tem grandes atractivos. O melhor mesmo é tratar da conta para a criança como se tratasse de um adulto: Arranjar um banco que remunere bem os depósitos, permita reforços e por aí o dinheiro a crescer. Temos por exemplo o PrivatBank, que tem os melhores depósitos a longo prazo - 6% a 5 anos - e tem também produtos a 1 ano (pé-de-meia) onde se pode ir reforçando com as pequenas somas que a criança vai recebendo.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor