investidorx

Ouro

11 publicações neste tópico

Olá a todos,

Não sei se já existe algum tópico relativo ao investimento em ouro.

Pelas várias noticias que tenho lido, tendo em conta a volatilidade existente nos mercados, bem como a possibilidade iminente de Portugal sair da zona euro, ou mesmo existir mesmo um possível (mas muito pouco provável) desmembramento da zona Euro, o ouro será o investimento mais seguro.

Qual a vossa opnião?

Será mesmo, uma vez que o preço está em máximos históricos?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Investimento seguro?

Dificilmente. Ouro é uma matéria-prima. Negociar matérias-primas não se costuma considerar um investimento seguro. São importantes na diversificação de carteiras de investimento, já que não estão demasiado correlacionadas com outro tipo de activos, mas por si só não dão grande segurança.

O ouro é um bem físico e pode dar a noção de segurança a quem o detém, mas o seu preço está sujeito a grandes variações. Sendo um metal nobre e raro, há de sempre ter valor. Mas é o mercado que define quanto ele vale. Por exemplo, o outro pode muito bem vir a cair 50%, que continua a ser um metal caro e raro. Mas tendo investido em ouro perde-se 50% do valor investido.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Investimento seguro?

Dificilmente. Ouro é uma matéria-prima. Negociar matérias-primas não se costuma considerar um investimento seguro. São importantes na diversificação de carteiras de investimento, já que não estão demasiado correlacionadas com outro tipo de activos, mas por si só não dão grande segurança.

O ouro é um bem físico e pode dar a noção de segurança a quem o detém, mas o seu preço está sujeito a grandes variações. Sendo um metal nobre e raro, há de sempre ter valor. Mas é o mercado que define quanto ele vale. Por exemplo, o outro pode muito bem vir a cair 50%, que continua a ser um metal caro e raro. Mas tendo investido em ouro perde-se 50% do valor investido.

Em parte concordo com o teu comentário Ruicarlov. Contudo, não nos podemos esquecer que na "hipótese do euro terminar" ter um bem físico como o ouro permite ter alguma segurança, num cenário destes até não será descabido.

Concordo inteiramente com a questão do ouro cair 50%...mas hoje em dia até se mantido "estável"

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Na hipótese de o euro terminar, ter umas obrigações alemãs é que é um bem que dá segurança.

É certo que em tempos de crise o preço do ouro costuma aumentar, mas a palavra chave é "costuma".

Uma obrigação de um estado forte só não é paga se se entrar em default. Lidar com uma cotação de uma matéria-prima não tem garantia nenhuma, apenas se especula sobre o que é mais provável acontecer.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Na hipótese de o euro terminar, ter umas obrigações alemãs é que é um bem que dá segurança.

É certo que em tempos de crise o preço do ouro costuma aumentar, mas a palavra chave é "costuma".

Uma obrigação de um estado forte só não é paga se se entrar em default. Lidar com uma cotação de uma matéria-prima não tem garantia nenhuma, apenas se especula sobre o que é mais provável acontecer.

Não falei das obrigações alemãs porque é sabido que são seguras. A taxa negativa há uns tempos levou-me a pensar que alguns tinham acesso a informações especiais (se calhar até tem...) Mas ter um bem físico independentemente das flutuações que o mesmo possa ter é um "bem" e terá valor. Contrariamente às poupanças numa moeda que pode terminar (Euro) e que mesmo que se faça conversão para a nova moeda, não poderá garantir-se que não serão congeladas pelo estado.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Então mas está a falar de comprar barras de ouro para ter em casa?

Isso também tem a sua dose de problemas. Lembro-me de isso já ter sido discutido aqui algures.

Para além dos problemas em comprar/vender, que não é do mais elementar (se não quiser ser aldrabado numa loja de ouro da esquina), imagine que fica sem a casa por causa de um incêndio ou terramoto.

Pode muito bem perder o ouro que lá tinha.

Pondo num cofre do banco sujeita-se aos tais cenários possíveis de o estado congelar-lhe o acesso se as coisas ficarem muito caóticas.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Pondo num cofre do banco sujeita-se aos tais cenários possíveis de o estado congelar-lhe o acesso se as coisas ficarem muito caóticas.

Não é que seja impossivel, mas não tenho conhecimento de isto ter acontecido em nenhum pais ocidental, pelo que me parece improvavel.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Mas ter o ouro no cofre do banco traduz-se mais num encargo do que outra coisa.

sem duvida que é necessário considerar o encargo do aluguer do cofre, mais o spread mas por outro lado...

au00-pres.gif

como diria um ex governador do BDP, em 2005 ou 2006:

"Caros concidadãos, decidi vender parte do nosso ouro, pq a cotação do metal está em máximos historicos  e as obrigações gregas são seguras e estão em saldos."

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

É um erro olhar para um gráfico e esperar que essa tendência se mantenha ou que tais subidas se venham a repetir. Na minha opinião o ouro é um investimento demasiado incerto, hoje pode valer 1600€ a onça mas daqui a um mês pode valer muito menos, ou muito mais. Mesmo olhando para o gráfico pode-se ver que atingiu o seu pico em 2011, depois daí nunca mais subiu desse patamar. Sinceramente só aconselho a investir em ouro quem tenha bastante dinheiro e que o faça apenas numa ótica de diversificação e a quem não precise desse valor para manter o seu nível de vida.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

É um erro olhar para um gráfico e esperar que essa tendência se mantenha ou que tais subidas se venham a repetir. Na minha opinião o ouro é um investimento demasiado incerto, hoje pode valer 1600€ a onça mas daqui a um mês pode valer muito menos, ou muito mais. Mesmo olhando para o gráfico pode-se ver que atingiu o seu pico em 2011, depois daí nunca mais subiu desse patamar. Sinceramente só aconselho a investir em ouro quem tenha bastante dinheiro e que o faça apenas numa ótica de diversificação e a quem não precise desse valor para manter o seu nível de vida.

Exactamente. Vejam o tópico do Super PPR para terem uma noção do ouro a actuar como uma forma de diversificação de investimento.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor