D@vid

Crédito Pessoal com Colateral

46 publicações neste tópico

Nesta modalidade de crédito é possivel efectuar novos investimentos e/ou financiar  projectos pessoais, sem ter de mobilizar os activos e com spreads muito interessantes, chegando em vários casos (dependendo do produto de investimento que se deu em garantia) de os juros ficarem pagos com os juros recebidos nas aplicações, exemplo em Junho:

Investimento de 20.000€

CLN EDP 2015 6% Tanl

Crédito com Colateral de 10.000€ Spread máximo de 5%+Euribor 6M = 5,93%

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Para ver se eu entendi, o exemplo é de um pedido de crédito para investir em obrigações, ficando com um empréstimo por assim dizer a custo zero? Se não se importar fale um pouco sobre as vantagens disto. Cumprimentos.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Estes tipos de crédito são para qualquer finalidade, tanto pode ser usado para mais investimentos como para outra coisa qualquer, dando uma aplicação como garantia durante o prazo, dei o exemplo do CLN porque é a aplicação que actualmente tem pago mais, mas para este caso o valor de crédito é de 50%, noutras aplicações pode ser de 70/80/90% no caso de Fundos de Investimento,  ou de 100% em DP.

A vantagem é sempre a possibilidade de não se descapitalizar para se voltar a investir ou para outra finalidade qualquer, tendo a vantagem de em alguns casos os juros do empréstimo serem mais baixos que na aplicação dada como garantia.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Dando um exemplo mais em concreto:

CLN EDP 3Yr 6% TANL 20 000€

Crédito Colateral de 10 000€ taxa Euribor12M + Spread de 4.75% 36 meses

CLN  recebe 100€/mês

Crédito paga 330€/mês de prestação (Capital+Juros)

Fica portanto uma prestação de 230€, ora se fizermos 230€ * 36 meses é igual a 8280€....

Espero que tenham ficado elucidados sobre a vantagem deste tipo de crédito  ;D

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Diga-me se estou a ver bem mas a vantagem disto é poder fazer uma poupança/aplicação de um valor, neste caso 20000€, e em vez de ter que ter que dispor do total do capital vai-se pagando ao mês como se fosse uma poupança. Isto versus por exemplo a colocação dos 230€ todos os meses numa conta tipo Invest money box a 3,5&TANB como se coloca? Desculpe as perguntas mas ou estou a perceber mal ou isto parece-me bom demais.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

A ver se sou claro... imagine, precisa de um crédito para qualquer situação, imaginando de 10000€, quer comprar um carro sei lá.

Tem várias hipoteses, ou se descapitaliza desse valor no seu património, ou pede crédito correcto? imaginando que vai pedir um crédito Auto ou pessoal dito standard, estamos a falar muito provavelmente em taxas a rondar os 10/11/12/13/14% de taxa....e a garantia é o carro.

O que acontece aqui, é que no final do prazo, paga 11ou 12mil pelo carro, (contas por alto), no crédito colateral em vez do carro como garantia, essa é dada pela aplicação que subscrever, que pode ser várias como deve de calcular, dei o exemplo dos CLN na altura porque é que paga mais de juros.

Os spreads praticados neste tipo de crédito varia entre os 2.75% e 4.75% + euribor 6M ou 12M, ou seja, estamos a falar por alto em taxas nas piores das hipoteses actualmente a rondar os 5,75%, em contraponto dos 10% por ai acima nos créditos standard.

Claro que no crédito propriamente dito vai pagar também mais que os 10mil pelo carro, mas está ao mesmo tempo a receber juros da aplicação, a "brincadeira" que eu fiz atras foi só um exemplo, imagine estar a receber de uma aplicação 5% liquidos e estar a pagar um crédito de 5,75%? aquilo que recebe da aplicação paga os juros e ainda abate no capital...não sei se me fiz entender, mas é só uma questão de fazer contas, se paga 300€ de um lado e recebe por exemplo 100€ de outro se fizermos um menos o outro ao fim do tempo do crédito acaba por dar menos do que pediu no crédito...

MAs claro que depende da aplicação, como eu disse o colateral pode ir dos 50% até 90% salvo erro.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Percebo a ideia, mas a mim parece-me mais vantajoso descapitalizar.

Vejamos, peguemos nos exemplos anteriores. Tenho 20000€ que posso aplicar em algo, mas por outro lado pensava em pedir um empréstimo para compra de carro pelo valor de 10000€.

Seguindo essa ideia e assumindo uma cobertura de 50%, investindo os 20k na CLN que dá 5% líquidos, podia pedir o tal empréstimo de 10k, ficando a pagar os tais 5,75%

É certo que os juros da aplicação vão abatendo nos juros do crédito e no próprio capital. Mas no caso da descapitalização, nem sequer haveria esses juros para pagar, embora o capital aplicado fosse menor.

Vejamos mais uns números por alto.

Caso 1: 20k rendem 5% líquidos = 1000€/ano juros

10k no crédito 5,75% = 575€/ano juros

Balanço global = 1000-575 = 425€/ano de "lucro" da aplicação.

Caso 2 - descapitalização: 10k vão para logo para o carro

10k vão para CLN 5% líquidos = 500€/juros por ano = "lucro" da aplicação

Por estas contas, descapitalizar traduz-se numa maior rentabilização do nosso dinheiro, já que a taxa do crédito, embora baixa, continua a ser superior à taxa líquida da aplicação.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Percebo a ideia, mas a mim parece-me mais vantajoso descapitalizar.

Vejamos, peguemos nos exemplos anteriores. Tenho 20000€ que posso aplicar em algo, mas por outro lado pensava em pedir um empréstimo para compra de carro pelo valor de 10000€.

Seguindo essa ideia e assumindo uma cobertura de 50%, investindo os 20k na CLN que dá 5% líquidos, podia pedir o tal empréstimo de 10k, ficando a pagar os tais 5,75%

É certo que os juros da aplicação vão abatendo nos juros do crédito e no próprio capital. Mas no caso da descapitalização, nem sequer haveria esses juros para pagar, embora o capital aplicado fosse menor.

Vejamos mais uns números por alto.

Caso 1: 20k rendem 5% líquidos = 1000€/ano juros

10k no crédito 5,75% = 575€/ano juros

Balanço global = 1000-575 = 425€/ano de "lucro" da aplicação.

Caso 2 - descapitalização: 10k vão para logo para o carro

10k vão para CLN 5% líquidos = 500€/juros por ano = "lucro" da aplicação

Por estas contas, descapitalizar traduz-se numa maior rentabilização do nosso dinheiro, já que a taxa do crédito, embora baixa, continua a ser superior à taxa líquida da aplicação.

Rui, os 5,75% é por alto, há spreads de 2,75% e a Euribor a 1 ano está abaixo dos 1%, contudo, este tipo de crédito está muito direccionado para empresas e empresários, que têm liquidez, embora não se queiram descapitalizar, e quando vão pedir crédito aos Bancos...a resposta é por vezes não e ou se sim com taxas mais elevadas do que neste crédito especifico.

O exemplo é genérico, e vai no critério de cada um, mas na minha opinião pessoal, tendo 20000€ e precisando de 10000€ preferia recorrer a este tipo crédito, até porque na pior das hipóteses como se falou, esses 10000€ de crédito traduz-se na prática em 8250€, podendo ainda ser mais baixo uma vez que dei o exemplo do spread máximo e euribor a 1%.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Não percebo muito das políticas financeiras das empresas, logo é possível que isso lhe dê jeito.

Mas cá para mim só me metia numa coisa dessas de o spread+euribor fosse mesmo inferior à rentabilidade líquida da aplicação a servir como colateral. Para mim tudo se resume aonde se poupa/ganha mais dinheiro.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Mas neste momento até consegues isso Rui, ainda mais com a  tendência da baixa da Euribor, hoje o BCE é capaz de reduzir a taxa de referência, mais as Euribor vêm por ai abaixo  ;)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

De qualquer forma, não tenciono comprar carro nem nada parecido.

Só seria giro se a ideia maluca lá em casa de comprar uma pequena piscina fosse avante... :P

Mas se os spreads forem assim baixos, até estou a ver pessoal a pedir empréstimo com colateral para investir o dinheiro do empréstimo numa aplicação que dê mais.

As CLNs da EDP e as obrigações da REN são das coisas mais rentável de rendimento fixo que há por aí (dentro dos mesmos prazos). Tendo em conta que as rentabilidades líquidas são para aí dos 4,5%-4,6% (dependendo das custódias), um crédito mais baixo que isso daria lucro no global. Mas se calhar mesmo no melhor cenários as taxas não seriam assim muito diferentes, pelo que não valeria o esforço.

Logo volta-se ao ponto inicial de ser mesmo para quem precisar de comprar alguma coisa "grande".

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

De qualquer forma, não tenciono comprar carro nem nada parecido.

Só seria giro se a ideia maluca lá em casa de comprar uma pequena piscina fosse avante... :P

Mas se os spreads forem assim baixos, até estou a ver pessoal a pedir empréstimo com colateral para investir o dinheiro do empréstimo numa aplicação que dê mais.

As CLNs da EDP e as obrigações da REN são das coisas mais rentável de rendimento fixo que há por aí (dentro dos mesmos prazos). Tendo em conta que as rentabilidades líquidas são para aí dos 4,5%-4,6% (dependendo das custódias), um crédito mais baixo que isso daria lucro no global. Mas se calhar mesmo no melhor cenários as taxas não seriam assim muito diferentes, pelo que não valeria o esforço.

Logo volta-se ao ponto inicial de ser mesmo para quem precisar de comprar alguma coisa "grande".

Acredita que ha quem o faça mesmo, aplica, pede o crédito e replica...

Quanto á piscina, vem ai o Inverno ahaha! a não ser que seja de água aquecida e coberta, nesse caso faço-me de convidado (desde que tenha pé que isto de nadar não é muito comigo) :)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Gostei desta troca de opiniões... ;)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Acredita que ha quem o faça mesmo, aplica, pede o crédito e replica...

Quanto á piscina, vem ai o Inverno ahaha! a não ser que seja de água aquecida e coberta, nesse caso faço-me de convidado (desde que tenha pé que isto de nadar não é muito comigo) :)

Também não seria para agora, claro. E sendo uma piscina muito pequena, claro que teria pé (modelos pré-fabricados disponíveis). Mas com a viagem ao Brasil em Dezembro falta mesmo di$to. Depois durante o inverno passa a vontade, e depois só em pleno Agosto é que regressa a vontade, mas como já é tarde, deixa-se para outra altura, e assim vai ficando o projecto em espera....:P

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Também não seria para agora, claro. E sendo uma piscina muito pequena, claro que teria pé (modelos pré-fabricados disponíveis). Mas com a viagem ao Brasil em Dezembro falta mesmo di$to. Depois durante o inverno passa a vontade, e depois só em pleno Agosto é que regressa a vontade, mas como já é tarde, deixa-se para outra altura, e assim vai ficando o projecto em espera....:P

Sempre digo, também à que investir em lazer...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Também não seria para agora, claro. E sendo uma piscina muito pequena, claro que teria pé (modelos pré-fabricados disponíveis). Mas com a viagem ao Brasil em Dezembro falta mesmo di$to. Depois durante o inverno passa a vontade, e depois só em pleno Agosto é que regressa a vontade, mas como já é tarde, deixa-se para outra altura, e assim vai ficando o projecto em espera....:P

Mas com a viagem ao Brasil não sei se passa a vontade, é que desse modo andas por climas quentes durante todo o ano hahaha!!

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Com tanta praia aqui vais para tão longe  :D queres melhor paraíso que a costa alentejana? desde Tróia á Arrifana  ;D um dia convido-te.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Não é preciso que já lá passei muitos anos. A água é fria demais para mim. Só mesmo mediterrâneo ou terras tropicais.

Fria? vai a São Torpes que até escalda :P

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Não é preciso que já lá passei muitos anos. A água é fria demais para mim. Só mesmo mediterrâneo ou terras tropicais.

Não podemos comparar...eu estou (muito) perto dessas zonas lindissimos de praia do nosso Portugal...mas Caraibas para quem gosta de praia é inesquecivel com água morninha.

Que saudades!!!

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Não podemos comparar...eu estou (muito) perto dessas zonas lindissimos de praia do nosso Portugal...mas Caraibas para quem gosta de praia é inesquecivel com água morninha.

Que saudades!!!

Eu tenho esperança de um dia se organizar uma viagem desse tipo aqui com membros do forum, com o dinheiro que esta malta ganha em aplicações dá para uma 5 viagens ahaha, com o alto patrocinio do Pedro Pais claro....

Update: se nem o tal falado jantar de alguns anos atrás se concretizou então a viagem é para esquecer mesmo :)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Eu tenho esperança de um dia se organizar uma viagem desse tipo aqui com membros do forum, com o dinheiro que esta malta ganha em aplicações dá para uma 5 viagens ahaha, com o alto patrocinio do Pedro Pais claro....

Update: se nem o tal falado jantar de alguns anos atrás se concretizou então a viagem é para esquecer mesmo :)

o encontro/almoço/jantar pode sempre acontecer, com alguns(os possiveis) membros basta combinar...

quanto à 1ª hipotese acho mais deficil, mas não impossivel, já que acho que viajar um bom investimento, pois com a cabeça fresquinha, no regresso fazemos grandes investimentos financeiros...ahahaha

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Algum de vós sabe se no Banco Invest faze este tipo de crédito e quais as taxas que andam a praticar? Ficando com o spread + a euribor abaixo do rendimento do depósito a prazo e depois contrapondo o rendimento dos dois D até que me parece que poderia ficar interessante.

Imaginemos este caso, tenho 10000€ num DP 5% no Invest, se pedir o máximo que me permitirem, imaginemos 5000€, e aplicando de novo esses 5000€ em DP a 4,5% qual seria o balanço no final de contas? Ou numa comparação direta será mais benéfico o invest money box? 

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Algum de vós sabe se no Banco Invest faze este tipo de crédito e quais as taxas que andam a praticar? Ficando com o spread + a euribor abaixo do rendimento do depósito a prazo e depois contrapondo o rendimento dos dois D até que me parece que poderia ficar interessante.

Imaginemos este caso, tenho 10000€ num DP 5% no Invest, se pedir o máximo que me permitirem, imaginemos 5000€, e aplicando de novo esses 5000€ em DP a 4,5% qual seria o balanço no final de contas? Ou numa comparação direta será mais benéfico o invest money box? 

O único banco que tenho conhecimento que faz algo parecido mas de outra forma é o Deutche Bank, tirando esse só conheco o Best.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor