Tatiana

Rendas em atraso

10 publicações neste tópico

Olá boa tarde a todos os membros do Forum :)Tenho 3 meses de rendas em atraso e o meu senhorio ameaçou-nos com uma ordem de despejo. O pior é que o meu marido foi despedido sem direitos nenhuns e eu tambem estou desempregada sem receber nada neste momento. Falamos com o senhorio sobre a nossa situação e este mês infelizmente depois de ele saber que o meu marido foi despedido deixou um papel na porta a dizer que se não pagassemos ia pôr-nos uma ordem de despejo. O que eu gostava de saber é o que poderemos fazer pois estamos mesmo numa situação desesperada porque não temos como pagar e decaminho nem para comer nem dar aos nossos filhos. Por favor, podem ajudar? O que posso fazer até ter condições de poder sair desta casa, isto é, até pelo menos arranjar-mos um trabalho (e está dificilimo actualmente em arranjar trabalho, quanto mais emprego)?

Agradeço desde já a vossa disponibilidade.

Atentamente

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

boa tarde Tatiana

Caso se encontre numa situação de sobreendividamento e tenha dificuldades em negociar com as entidades credoras poderá recorrer aos Gabinetes de Apoio ao Sobreendividado (GAS) da DECO. Existem em Lisboa e nas delegações regionais do Norte, Viana do Castelo, Coimbra, Santarém, Évora e Algarve.

Envio-lhe tambem os contactos que pudera efectuar através do url: http://www.deco.proteste.pt/deco/contactos-gas-s607121/decominisite-p189597.htm

Espero que isto a consiga ajudar nos seus problemas.

votos de muita sorte!

rui t

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Ola a todos membros deste forum, e um olá especial a família da Sr.ª Tatiana.

Pois somos a família Correia (casal com dois menores), e na qual estamos numa situação praticamente idêntica, estamos ambos desempregados e na qual som um  adulto a receber 410€ da segurança social, e na qual eu (esposo ), pus uma queixa na ACT de vila franca de xira para que possa receber o ordenado que não me pagaram, e para que possa ter os papeis para um fundo de desemprego, e na qual um pouco o meu espanto quando a ACT me comunica a dizer que a sede (escritórios) da firma é dentro da própria habitação que não podem intervir. E na qual eu me pergunto ??? Se a ACT (Autoridades de fiscalização do trabalho ) não pode intervir, quem pode ??? Cada vez mais ( isto já lá vão 8 meses) que eu me digo a mim próprio...... eu próprio faço justiça com as minhas mãos, e assim não engana mais ninguém. Mas antes de não enganar mais ninguem faço-lhe de maneira que me paga o que me deve de trabalho, me assina os papeis para o fundo de desemprego, e outra , não me fez os descontos para a segurança social, e depois faço o que tenho de fazer.

Eu pergunto a todos PORTUGUÊSES !!!!!! ??? ? Será que resolvo alguma coisa ???

Eu por mim respondo... resolver não resolvo tudo mas pelo menos assim com o meu pagamento de ordenado, os meus devidos descontos e o papel assinado para o meu fundo de desemprego, com isto não andava a dar em "" maluquinho "" a perguntar onde vou arranjar comida para por em cima da mesa para os meus filhos e um tecto para nós.

Pois neste mês que vem vamos ter de sair da casa, pois não temos para a renda, cada uma 330€. Familiares tem-nos ajudado no que podem mas já não da mais, pois também não podem, porque para nos ajudarem também iam ter falta na mesa, e isso também não quero.

Sei que paresse um testamento mas ao que eu ( nós) chegamos....... Não já não se consegue por mais que se tente raciocinar a 100% pois estas situações dão com uma pessoa em "" doidinha "".

Para quem leia e possa ajudar não hesite em ajudar de quem mais precise, pois nunca se sabe o seu procimo dia.

O nosso obrigado por nos deixarem desabafar um pouquinho aqui.

Obrigado.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Nestes casos qd estão a falar em despedimento o que significa em concreto?

Neste último caso creio que se está a referir em salários em atraso, certo?

Quando o trabalhador tem salários em atraso por período superior a 15 dias pode requerer a suspensão do contrato de trabalho e receber o subsídio de desemprego.

Quando tenham retribuições em atraso por um período superior a 15 dias e em caso de execução de sentença de despejo motivado por rendas em atraso a execução fica suspensa e as pessoas podem continuar no local arrendado.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Viva    Sr. ildemaro

Sim são ordenados em atraso, são dois é o ordenados.

E mais informo de que o que li num artigo  num site do gov. não tinha contrato assinado mas o verbal também é oficial, isto o que li num artigo na qual neste momento não me recordo, pois sou um mero trabalhador ( motorista desempregado ).

Pois tentei falar a bem com a entidade empregadora, e a resposta que sempre me deram desde Outubro de 2011 ate a 3 semanas a trás foi sempre esta : "" ainda não recebemos da pedreira "", e eu na altura telefonei para a pedreira, e na qual me foi depois confirmado por mais três entidades empregadoras que a pedreira á já pelo menos 23 anos que não falta ao pagamento com ninguém aos dias 22 a 25 de cada mês, dai vi que era a entidade patronal o patrão Sr.Nuno, que me andava a mentir, e sempre mas sempre tentei falar com a pessoa a bem, mas cada vês menos paciência, pois alem do ordenado nao me fez os descontos para a segurança social e também não tenho assinado o papel para por no fundo de desemprego dai eu ter feito queixa na ACT de vila franca e morreu o assunto pois ainda perguntei varias vezes na ACT e sempre a mesma resposta: A sede fica dentro de uma propriedade privada residencial não podemos intervir.

E perguntei novamente a segurança social... se as autoridades da ACT não podem entrevir, quem pode por uma barreira nestas pessoas que andam a "" roubar "" o trabalhador e mesmo a segurança social ???

Pois estou de pés e braços atados quando eu próprio desata-lo é a tal situação do proverbio..... não se deve fazer justiça com as próprias mãos .... mas que hei-de de eu fazer ???? me pergunto varias vezes ???? trabalho não estou a conseguir já a alguns meses mesmo fora da minha profissão de motorista profissional, e não estou a conseguir, isto está do piorio para se arranjar trabalho.

Sobre a renda não sei mesmo, pois na junta foi-me dito também tudo o que se fala na televisão muitas das veses é mesmo só fachada, pois diziam quem tivesse entre 3 a 5 redas de renda de atraso que ajudavam, mas nada é bem assim foi o que me disseram na junta.Estou ( estamos ) um pouco perdidos, pois nunca por nunca faltou para por em cima da mesa pelo menos para os miudos (2) e nesta altura esta a faltar . So nos vamos dizendo um ou outro ..... amanha pode ser que seija melhor.... mas já estamos a dizer, fas já alguns meses.Amanha logo se vê o que vai acontecer, mas o certo é !!! pois não se esta a conseguir sair desta situação.Pensamento positivo sim...... mas ate quando ????Obrigada mais uma vez.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

ola boa tarde eu gostaria que me pudessem imformar o que fazer nesta complexa situação e que o meu marido tem a mais de 2 anos a receber smpre a partir do dia 10 de cada mes a minha senhoria esta aborecida com a situação ,no mes passado ja lhe efectuou o pagamento a dia 18 do mes passado este mes não sabe se pode pagar ou se vai pagar.por falta de pagamento de ordenado quais são as leis  quanto a questao da renda.e o que poderei fazer gostaria de uma resposta breve obrigado

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

ola boa tarde, o meu marido esta em suspencao de trabalho devido a falta de pagamentos de ordenados a empresa abriu insolvencia je estou a dever uma parte da renda do mes de setembro e este mes nao sei como poderei pagar a renda porque tambem me encontro de baixa de gravidez de risco e tenho 2 filhos  e o valor que eu recebo nao da para as despesas todas e alimentacao o que poderei fazer aonde poderei pedir ajuda gostaria que me envia sem uma resposta rapida

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Ola

tenho 6 mês de atraso da renda de casa ao banco(Caixa geral deposito),ja la fui para regoneciar a divida mas nada feito.O que eu posso fazer para não perder a caso e receber uma ordem de despejo.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

sou o adérito sou cigano ,e costumo ajudar os da minha etnia tenho conhecimento de alguns arrendatarios ás habitaçôes Sociais ,de  câmaras municipais que devem rendas ...com a lei em vigor de 2013 ,como devo fazer .para que não aconteça estas  desocupação . obrigado 

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

sou o adérito sou cigano ,e costumo ajudar os da minha etnia tenho conhecimento de alguns arrendatarios ás habitaçôes Sociais ,de  câmaras municipais que devem rendas ...com a lei em vigor de 2013 ,como devo fazer .para que não aconteça estas  desocupação . obrigado 

pagarem as rendas em atraso, afinal se são habitações sociais as rendas não são muitos elevadas.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead