Entrar para seguir isto  
Seguidores 0
MariaEuribor

Amortizar... eis a minha questão

13 publicações neste tópico

Boa noite a todos.

Tenho lido atentamente o Blog do Pedro, e as perguntas e respostas aqui do forum que tenho achado fantásticas. Parabéns!

Já me sinto mais esclarecida sobre todos estes pormenores que chegam a ser confusos dos empréstimos/versus/spreads com a v / ajuda.

Andei a fazer umas simulações com a ajuda da calculadora e gostava da v/ opinião para fortalecer os meus cálculos:

Tenho um crédito habitação em que o valor da dívida é = 84005,00 € à  taxa 4,486% + 0,330% spread, estou com a mensalidade de 533,89 com as ditas despesas já incluídas e com seguro mensal de 21,44 €

+ crédito multi opções em que o valor da dívida é = 4658,00 € à taxa 4,326% + 0,330% spread, com a mensalidade de 31,76 € com as ditas despesas já incluídas + seguro mensal de 1,20 €

Faltam 246 prestações em ambos e estou a beneficiar de spread 0% também em ambos até 2 Agosto de 2008.

Tenho 5000€ para amortizar. Pensei em liquidar o crédito muliti opções, mas não tenho a certeza se será a melhor opção.

Será que alguém me pode ajudar?

Obrigada,

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Assim de repente, amortize o que tem a taxa mais alta. Pagará menos de juros...

Pensando mais a frio, há outros factores a ter em conta, nomeadamente:

- há penalização por amortizações antecipadas? É igual nos dois créditos?

- são indexados à mesma taxa? as taxas variam da mesma forma?

- actualmente paga por mês 588,29€. Se amortizar no crédito habitação em quanto reduz a prestação + seguro desse lado? Mais ou menos do que 32,96€? Se for mais, então amortize nesse lado. Se for menos, então liquide o crédito multi-opções.

- liquidar o crédito mais pequeno tem uma grande vantagem - tem que fazer menos contas no futuro pois só precisa de acompanhar a evolução de um crédito e não de 2.

Tem a certeza dos valores que referiu? É que na <a href="http://www.pedropais.com/calculadora-de-prestacoes/">calculadora de prestações</a> inseri os valores 84005, 4.816% e 246 e não obtive o mesmo valor para a prestação...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Olá Pauloaguia, obrigada pelo contributo...  já serviu para reflectir sobre o mesmo.

Não domino este campo, por isso as minhas desculpas pela falta de informação para poder dar uma resposta mais correcta. 

Depois de uma análise aos meus documentos, nesta altura só tenho a certeza no valor que pago todos os meses no crédito habitação  que  é de 533,89 €  (inclui o tal 1,5 € de despesas diversas). O crédito multi-opções  tem de prestação 31,76 € e também tem os tais 1,5 € incluídos para  despesas) e faltam 246 para acabar com o crédito, e tenho os seguros à parte como já disse, isto é 21,44 € e 1,20 € respectivamente.

A indicação que tenho nos meus documentos é que possuo as taxas de juro que indico anteriormente, 4,486% + 0,330 % para o crédito habitação e 4,326% + 0,330% spread no outro; e que tenho spread 0 até Agosto... e são ambas indexadas a  euribor a 6 meses; agora usando a calculadora as dúvidas persistem... não encontro estes valores por lá...

Mas mesmo fazendo as contas por "alto", se amortizar  no crédito habitação parece-me que o ganho é  muito superior a 32,96 € o que pode ajudar a resolver.

A penalização é de 0.5% nos dois casos, mas não sei em quanto ficará o seguro depois de amortizar.

Obrigada

;)

Um grande abraço

MariaE

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Os valores não batem certo com os da calculadora provavelmente por causa desse spread 0 nos primeiros meses. Passou-me despercebido no primeiro post... e talez por causa dos tais 1,5€...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Mais uma vez obrigado... Esta partilha é excelente. Tenho acerteza que vou conseguir poupar com a v/ ajuda.

Um abraço

MariaE

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Um olá a todos,

não directamente relacionado com o assunto em discussão, mas é uma dúvida que tenho,

qual é a prática geral do bancos quanto a amortizações antecipadas de créditos pessoais.

Costumam penalizar bastante quem o faz?

Cumprimentos e um agradecimento especial para todos aqueles que participam neste fórum,

partilhando informação e raciocínios.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

não directamente relacionado com o assunto em discussão, mas é uma dúvida que tenho,

qual é a prática geral do bancos quanto a amortizações antecipadas de créditos pessoais.

Costumam penalizar bastante quem o faz?

O crédito pessoal é regido pelo Decreto-Lei 359/91 (penso que ainda não foi substituído por outro mais recente). Provavelmente neste caso não se levantam tantas questões deste género porque os prazos são mais curtos e não devem surgir tantas oportunidades de amortizar antecipadamente como isso... Relativamente ao pagamento antecipado diz este Decreto:

Artigo 9.º

Cumprimento antecipado

1- O consumidor tem direito de cumprir antecipadamente, parcial ou totalmente, o contrato de crédito, sendo-lhe calculado o valor do pagamento antecipado do montante em dívida com base numa taxa de actualização, que corresponderá a uma percentagem mínima de 90% da taxa de juro em vigor no momento da antecipação para o contrato em causa.

2- No caso de cumprimento antecipado parcial, o direito consagrado no número anterior só pode ser exercido uma vez, se as partes não acordarem em sentido diverso no próprio contrato.

...

4- O credor pode, todavia, exigir os juros e outros encargos correspondentes a um período convencionado que não exceda a primeira quarta parte do prazo inicialmente previsto, quando o consumidor cumprir as suas obrigações antes do decurso daquele período.

...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

alerto que existem bancos que na amortização ate 25% do capital em divida, não existem penalização.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

alerto que existem bancos que na amortização ate 25% do capital em divida, não existem penalização.

Sim, há vários... assim como no Crédito Habitação também há os que não cobram nada por amortizações antecipadas... A lei apenas estabelece o máximo que podem cobrar, só estava a chamar a atenção para esse máximo. E obviamente, tem que ficar explícito no contrato a forma de cálculo da penalização, caso contrário, não podem cobrar nada...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boa Noite

Estava à procura de informações relativas à amortização do crédito a habitação, quando, em boa hora encontrei este blog. Aproveito para felicitar o autor do mesmo, o Pedro, pela sua criação, e pela forma diligente e simpática como responde às dúvidas das pessoas.

Pedi, à cerca de 5 e meio 60 000 eur ao banco, num empréstimo a 30 anos.

A taxa de juro que consta no contracto inicial é de 5,125% variável a 6 meses, o spread era de 1,5%

À algum tempo atrás, pedi a revisão do spread, que passou para 0,9%, a variação passou para 3 meses, quanto à taxa de juro, não sei o valor

exacto pois está sempre a mudar.

A dívida neste momento é de 53 880 eur. A prestação actual é 245 eur.

Aquilo que eu noto, é que pago cerca de 2/3 de juros e 1/3 de amortização, e que esta tendência, segundo me informaram no banco, apenas mudará daqui a 10 anos.

Como tenho algum dinheiro disponível, estou a pensar amortizar cerca de 10 ou 15 mil, uma vez que, segundo o exemplo que o Pedro deu, é mais vantajoso amortizar a dívida do que ter o dinheiro a render a prazo.

O que eu gostaria de saber, é a fórmula que os bancos usam para calcular a prestação nova, para que pudesse comparar as minhas contas com as deles, e ver se coincidiriam minimamente.

Gostaria de saber, também, quanto pagaria +/- de juros ao fim de 30 anos se nunca amortizasse;

E quanto pagaria no mesmo período se amortizasse neste momento 15 000 eur.

Uma última dúvida. A amortização incide apenas sobre o capital em dívida, certo?

Isto é, 53 880 - 15 000 = 38 880 a nova dívida?

Bom, não quero ocupar mais o teu tempo…

Gostaria que quando possível, Pedro, me respondesses a algumas destas dúvidas…

obrigado pela atenção e até breve…

Pedro Freitas

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Vamos por partes:

À algum tempo atrás, pedi a revisão do spread, que passou para 0,9%, a variação passou para 3 meses, quanto à taxa de juro, não sei o valor

exacto pois está sempre a mudar.

A taxa de juro estará indexada à Euribor à qual se soma o spread. Tipicamente, a Euribor considerada é a média do mês anterior à data da última revisão. Podes encontrar essas médias no blog: http://www.pedropais.com/media-mensal-da-euribor/

Atenção que a fórmula de cálculo pode ser diferente. Convém reler o contrato com o banco pois lá diz qual é a fórmula de cálculo usada para a taxa. Mas, já agora, se recebe algum tipo de extracto sobre o crédito ou mesmo no site do banco, na sua conta, deve existir indicação da taxa actual.

A dívida neste momento é de 53 880 eur. A prestação actual é 245 eur.

Aquilo que eu noto, é que pago cerca de 2/3 de juros e 1/3 de amortização, e que esta tendência, segundo me informaram no banco, apenas mudará daqui a 10 anos.

Efectivamente. Isto é a consequência de se pagar uma prestação sempre com o mesmo valor (se ignorarmos as variações introduzidas com a variação da taxa). Inicialmente deve-se muito dinheiro e, por isso, os juros a pagar também são de valor elevado. À medida que se vai devendo cada vez menos, o peso dos juros no total da prestação vai também diminuindo e a dívida abate cada vez mais rápido. Só um bocado depois do meio de vida do empréstimo é que se começa a amortizar mais do que o que se paga de juros. Podes fazer esta análise recorrendo ao Mapa de Juros: http://www.pedropais.com/mapa-de-juros/

O que eu gostaria de saber, é a fórmula que os bancos usam para calcular a prestação nova, para que pudesse comparar as minhas contas com as deles, e ver se coincidiriam minimamente.

Usa a calculadora de prestações: http://www.pedropais.com/calculadora-de-prestacoes/

O valor da dívida será de 38880 para um prazo de 294 meses, e à taxa actual.

Já agora, alguns bancos cobram penalizações por amortização antecipada. Confirme no seu contrato - se nada constar nada pagará; se constar algum valor, este não pode ultrapassar os 0,5% da amortização (mesmo que no contrato estivesse previsto outro valor - esta lei foi criada recentemente e teve efeitos retroactivos). Ou seja, neste caso, se usar 15000 € para amortizar ao crédito, na realidade apenas irá abater 14925€, pois os 75€ restantes (15000*0.5%) serão para pagar essa penalização.

Gostaria de saber, também, quanto pagaria +/- de juros ao fim de 30 anos se nunca amortizasse;

E quanto pagaria no mesmo período se amortizasse neste momento 15 000 eur.

Mais uma vez o Mapa de juros dá esta informação. É só jogar com os valores da dívida inicial (53880 ou 38880) para o prazo de 294 meses, e a taxa actual.

Uma última dúvida. A amortização incide apenas sobre o capital em dívida, certo?

Isto é, 53 880 - 15 000 = 38 880 a nova dívida?

Certo.

Já agora, depois da amortização aproveite para tentar renegociar o spread novamente. Argumente com o facto de estar a provar ser um bom pagador, da dívida representar uma parte francamente menor do valor da avaliação da casa e junte duas ou três simulações feitas nos sites dos bancos da concorrência, onde consegue spreads mais baixos...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

alerto que existem bancos que na amortização ate 25% do capital em divida, não existem penalização.

Será por isso que eu nunca vi cobrado nada?? O meu crédito é no bes e pelo que li (na escritura), são cobrados 0.5%. Acontece que amortizei 5000 e à uns dias mais 2500, e não foi cobrada nenhuma %. Seja como for, não vou reclamar por isso  ;D

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Será por isso que eu nunca vi cobrado nada?? O meu crédito é no bes e pelo que li (na escritura), são cobrados 0.5%. Acontece que amortizei 5000 e à uns dias mais 2500, e não foi cobrada nenhuma %. Seja como for, não vou reclamar por isso  ;D

A percentagem pode ser descontada ao valor a amortizar. Ou seja, para uma penalização de 0.5%, dos 5000 que entregou, só 4975 é que seriam efectivamente abatidos ao montante em dívida. Isso é uma questão de confirmar nos extractos que o banco envia, ou a partir do site...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

Entrar para seguir isto  
Seguidores 0