Visitante Pinoquio

IRS 2011

4 publicações neste tópico

Olá.

Venho por este meio pedir ajuda para um esclarecimento.

Vou tentar explicar-me o máximo possível.

É o seguinte: Comecei a trabalhar em 2009 ate 2011 para uma empresa de trabalho temporário cedido a outra.

Estava com contrato a termo incerto porque estava vinculado a um trabalho que obrigatoriamente vai a concurso publico ao fim de 3 anos ou 3 + 1 ou 3 +1 +1 (5 anos).

O que acontece é que como o dinheiro entrava ao fim do mês nunca me debrucei muito sobre o assunto e agora sinto-me enganado.

Estranhei agora que fiz o IRS 2011 (ultimo ano que trabalhei com trabalho temporário) porque com declarações da empresa para fins de IRS, declarações de empréstimo de habitação permanente 2000 e tal euros, propinas anuais no valor de 1000 e poucos euros e rendimento anual de quase 7000 € , na simulação dá apenas que iria receber 35€. Isto é possível? Estava à espera de muito mais.

O que estive a investigar é que nos recibos dessa empresa os únicos descontos que aparecia era para a segurança social e não falava nada em descontos para o IRS. Eu estava com ordenado base de 485€ e era desse valor que retiravam descontos de 11% para a segurança social. É legal não haver descontos para o IRS?

O que eu tenho receio é que o desconhecimento da lei é punível e se for com uma queixa para a frente eles não podem dizer que eu me deveria ter informado e ainda me fazerem a mim pagar o tempo que estive assim e se calhar a empresa não declarou?

Porque quando vi nas retenções à fonte apenas 35 € calculei que foi isso que eles declararam ao IRS por mim em 2011 mas isso é impossível.

Sei que é um bocado confuso mas espero que dê para perceber.

Obrigado Pedro pela ajuda.

Aguardo resposta.

Abraço

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Pinoquio, os descontos para o IRS são consoante as tabelas de retenção na fonte, se diz que o seu rendimento base mensal era de 485,00€ então não ha descontos de IRS, pelo menos foi o que eu entendi.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Obrigado D@vid pela resposta.

Pois de facto andei a informar-me e foi exactamente isso que me disseram.

Eu deveria era ter sido informado disso pela minha contabilista que nunca o fez durante esses 3 anos e todas as despesas que eu tinha pelo menos as de saúde dava para meter noutro IRS e foi dinheiro jogado fora durante 3 anos.

Felizmente a minha situação este ano já é diferente para muito melhor.

grande abraço

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor