Entrar para seguir isto  
Seguidores 0
mariasus

Repúdio da herança

3 publicações neste tópico

O meu pai falecei e eu e os meus irmãos decidimos fazer o repudio da herança, devido a o meu ter casado com outra mulher após a morte da nossa mãe, e nós não ficamos com boas relações, eu e um dos meus irmãos temos filhos menores, caso fizermos o repudio como poderemos fazer para que os nossos filhos também possam repudiar tal herança.

Se no caso de houver dividas os nossos filhos poderam se chamados á responsabilidade?

Obrigado pela vossa atenção.

Desculpem eu sou nova neste forum e nao sei bem como isto funciona. Muito honestamente nem sei como entrar no forum e expor o meu caso muito semelhante ao desta senhora. O meu pai faleceu há cerca de ano e meio e eu e o meu irmao temos andado um pouco confusos sobre o que fazer. O meu pai deixou uma divida grande as finanças e praticamente nada de herança. Mas tendo em conta toda a conjuntura estamos com medo que venham a penhorar os poucos bens que temos, como a casa e ordenado. Assim decidimos repudiar a herança, mas nao sabemos bem como o fazer pois ambos temos filhos menores. Tambem nao sabemos se é necessário fazer habilitaçao de herdeiros e depois repudiar, ou so repudiar sem fazer habilitaçao de herdeiros. É possivel? e quanto aos nossos filhos tambem têm de repudiar e como fazê-lo? Quais os custos medios para proceder ao repudio? Obrigada

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Já conseguiste escrever o teu problema e, inclusive, citar uma mensagem de outro tópico num tópico novo que é mais do que a maior parte das pessoas sabe fazer ;)

Quanto à questão, as Finanças, enquanto credor do falecido, têm prioridade na distribuição da herança (há que pagar as dívidas primeiro). Mas a responsabilidade é limitada ao capital da herança - se a dívida for superior, paciência, não podem ir atrás dos vossos bens, não se preocupem com isso...

Aliás, se vocês repudiarem a herança creio que os vossos filhos são chamados a exercer o direito de representação (e sendo menores não podem repudiar), pelo que eu nem me metia nessas confusões.

Vão ao cartório tratar da habilitação de herdeiros e aproveitem para colocar todas essas questões... melhor do que ninguém eles saberão esclarecer-vos quanto ao vosso caso concreto...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boa Noite , sou novo no fórum mas gostaria se for possível que alguém me ajudasse nesta situação que a seguir vou relatar. A minha esposa tinha um tio com um filho deficiente a morarem na casa da minha sogra. Esse senhor como a minha sogra é que tratava deles decidiu fazer um testamento em nome da minha sogra e da minha esposa de tudo o que pode pois não podia deixar em testamento o que era do filho. Entretanto esse meu tio morreu e ao fim de alguns anos o filho como tinha muitos problemas acabou por morrer também  Nessa altura apareceram  os tios do rapaz a quererem fazer a partilha. Foi então feita a habilitação de herdeiros que quando souberam que havia um testamento disseram que já não queriam nada. Depois disto a minha sogra e a minha esposa têm pago o imposto sucessório e o IMI que deveria ser pago por todos os herdeiros. A minha pergunta é se os outros herdeiros não querem nada, será possível fazer uma nova habilitação de herdeiros não os incluindo, ja que em vida esse tio da minha esposa dizia que quando morresse tudo o que ele tinha era para aquela irmã e sobrinha. Obrigado desde já.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

Entrar para seguir isto  
Seguidores 0