Visitante madboy

[Help] DP: 1 ano ou 4 anos?

11 publicações neste tópico

Boas!

Em meados de Dezembro fico com 20k disponiveis.

Caso as taxas de DP se mantenham até lá, acham que devo optar por:

- 6% 1 ano no Invest

- 5% (média) 4 anos no Montepio

Por um lado a taxa do Invest é maior, mas será que daqui a 1 ano consigo taxas parecidas?

Não será melhor garantir desde já uma taxa média bastante razoável para 4 anos?

Agradeço opiniões!

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Se quer investir no longo prazo, porque não olhar para os depósitos de longo prazo do Privatbank?

5.8% - 5 anos

5.5% - 4 anos

5.3% - 3 anos

5.25%  - 1-2 anos

Com um bocado de sorte, em Dezembro já têm a constituição de DPs online disponível, onde pode beneficiar de +0.2%, o que efectivamente dava uma taxa de 6% a 5 anos.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Provavelmente é uma falsa preocupação, mas em caso de falência do Banco (e não estou a dizer que haja grande risco de isso acontecer) talvez seja mais difícil accionar o Fundo de garantia de uma pais estrangeiro do que o Fundo português.

Confesso que sou um bocado leigo nessa questão, mas imaginemos que o banco vai à falência e os balcões fecham em Portugal. Como é que se vai tratar de receber os depósitos? O Banco de Portugal pode servir de intermediário? É preciso tratar de tudo à distância com o Fundo da Letónia? É preciso ir à Letónia? E será que o Fundo não vai privilegiar primeiro os depositantes do próprio pais e se depois não chegar para os outros não dirão "azar"?

De qualquer forma, voltando às opções que apresentei, qual lhe parece o melhor caminho?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Se a alternativa a considerar é os 5% a 4 anos, então acho que prefiro os 6% a 1 ano. Penso que para o ano ainda se deve conseguir taxas boas num conjunto restrito de bancos.

Quanto ao caso de uma falência do PrivatBank, é o Fundo de Garantia de Depósitos Português que deve servir de intermediário. Os prazos de reembolso são os mesmos (20 dias, prorrogáveis por mais 10 dias), e não há credores preferenciais. Penso que há normas europeias que assim o exigem.

Se o fundo da letónia não tiver dinheiro suficiente, bem, transcrevo aqui o Artigo nº 25 da Lei da garantia de depósitos

Artigo 15º – Se o Fundo de Garantia de Depósitos não dispuser de fundos suficientes

para efectuar pagamentos de remunerações garantidas como previsto na presente lei, a

Comissão informará imediatamente o Ministério das Finanças deste facto. Os fundos

provenientes do orçamento do Estado para assegurar os pagamentos de remunerações

garantidas, como previsto por lei, serão alocados de acordo com as disposições legais

relativas à Gestão do Orçamento e Finanças. O Ministério das Finanças assegurará

estes pagamentos através de dotação do orçamento do Estado, de acordo com as

disposições legais relativas à Gestão do Orçamento e Finanças, consequentemente

assegurando que as remunerações garantidas são pagas de acordo com os requisitos

do artigo 20º da presente lei.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Mas qual Ministério das Finanças, o de Portugal ou da Letónia?

Peço desculpa se estas dúvidas são básicas, mas realmente não estou nada por dentro deste tema...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Se o Banco falir e dependendo do motivo a que isso deu origem o Lat pode desvalorizar e então aí na conversão para euros.....já foste ???

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Outra vez isto?

Esse processo não é assim tão de caras.

http://www.forumfinancas.com/index.php?topic=4962.msg42585#msg42585

Mesmo assumindo o worst case scenario de irem todos os acordos económicos ao ar num abrir e fechar de olhos sem dar tempo de resposta e o Lat desvalorizar, o maior perigo seria se a falência se desse logo no momento da conversão. O grosso da desvalorização seria nos primeiros tempos. O câmbio Lat/Euro só terá muita relevância se estivermos precisamente no processo de rápida desvalorização da moeda, enquanto se espera pela activação do fundo. Claro que é possível, mas não provável.

Ou então se estivermos muito próximo do limite dos 100000€, e a desvalorização do Lat implique que parte do capital deixe de ficar coberto pelo fundo, já que 100000€ passam a valer muito mais Lats.

Penso eu de que....  :P

Numa situação de caos completo pouco se pode afirmar. Numa situação mais controlada de certeza que a Europa intervinha, até porque este banco tem uma estrutura com muitas filiais em vários países.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Outra opcao para medio/longo prazo sao os Certificados de Tesouro: 6,80% para 5 a 9 anos, 7,10% para 10 anos.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Mas aí já estamos a falar de classes de risco diferentes. Se nesta discussão já se está com reticências em relação a depósitos a prazo, então nem falemos de dívida pública.

Indo por essa linha, já agora íamos para OTs a 10 anos, que batem os CTs em rentabilidade, sendo o risco acrescido o da mobilização antecipada em condições desvantajosas.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Penso que no proximo ano que os melhores dep. prazo em termos de juros devem variar entre 4% a 5%, mas com uma tendencia decrescente.

Se os bancos forem intervencionados, vejo esses bancos a reduzirem as taxas de juro mais drasticamente para niveis aceitaveis. Penso que haverá intervenção estatal por parte do governo nos bancos portugueses (principalmente BCP, BANIF e BPI).

Se fosse investir a 4 anos à taxa 5%, então eu preferia investir por 5 anos com Certificados de Tesouro com uma taxa 6.8%.

Ter uma taxa de 6% a um ano ?

Penso que deves ter sempre dinheiro a curto prazo (menos de 1 ano) investido para qualquer imprevisto ou qualquer oportunidade de investimento. No proximo ano poderão as bolsas inverter, e investir em fundos de investimento ser uma boa opção.

Não gosto de recomendar em abrir conta somente por um deposito para novos clientes, mas se limitares a tuas opções a essas duas, então eu recomendaria em investir o deposito a prazo a 1 ano. Mas começa a pensar em investir parte do teu capital a médio e longo prazo.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead