adec

Fundo de garantia

14 publicações neste tópico

Boa tarde, o fundo de garantia dos depósitos a prazo cobre a totalidade do valor dos depositos? É possivel o fundo (em caso de bancarrota do bancos) não garantir os montantes depositados?

Obrigado

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Se forem vários bancos grandes à falência, então o FGD não tem capacidade para restituir todos os depósitos. Se for um banco mais pequeno, não deverá haver problema.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

A Lei diz que o FGD garante até 100 000€ por depositante em cada Banco, na realidade o FGD não tem capacidade para isso, nem de perto, o Estado também está falido, é bom que ninguém pense que será o FGD ou o Estado a garantir o seu património...

Infelizmente é a realidade...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Então por esse ponto de vista, o melhor é arranjar um cofre e meter lá o dinheiro  :D Desvaloriza com a inflação, mas ao menos não se fica sem ele.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

É uma questão probabilidades e de perfil.

Há pouco tempo respondi a um inquérito sobre o meu perfil de investidor.

Uma das perguntas era qualquer coisa como se preferia perder 200 com 100% de probabilidade, ou perder 1000 com 5% de probabilidade.

Acho que é importante frisar que o sistema pode colapsar ao ponto de o FGD não chegar para as enconmendas, mas não é nem de longe o cenário mais provável. Nem na Grécia se chegou a isso (para já), e todos sabemos o caos que por lá vai.

Não assustemos os mais ingénuos com cenários do pior. Já bem basta o nosso pessimismo ser dos maiores da Europa. Se as pessoas optam pelo coclhão, então é que estamos tramados.  ::)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

O dinheiro não se vai todo evaporar de repente.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

O dinheiro não se vai todo evaporar de repente.

Todo também não acredito. Mas uma (boa) parte, já será "fácil" desaparecer.

Só menos de um décima parte do "dinheiro" do sistema financeiro corresponde a dinheiro físico. Tudo o resto é crédito/divida/promessas de receitas e pagamentos futuros.

E mesmo o dinheiro emitido está sobrevalorizado face à economia/criação de riqueza.

Isto é uma realidade mundial e Portugal é dos Países desenvolvidos um dos que está em pior situação.

Aquilo que nos custa a ganhar e supostamente está guardado nos bancos acaba por ser uma ilusão. Infelizmente, o dinheiro é mesmo virtual, fácil de evaporar, portanto.

É só os "mercados", os politicos, os Países encontrarem um motivo para um downgrade. Esperemos é que não seja à custa de conflitos bélicos.

Parece uma opinião fatalista mas creio que antes de todas as grandes crises mundiais quem viveu esses tempos também não acreditaria no pior.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

peço ajuda:

Se o dinheiro se pode "evaporar", onde deve uma pessoa prudente, de classe média, que nada percebe de bolsa e quejandos, com um pequeno pe-de-meia "guardar" o seu valor?

percebe-se, por este fórum, que as acções tem grande probabilidade de serem prejudiciais (de facto o novo "accionista" não tem qualquer hipótese pois os mercados compram e vendem com "máquinas" que parecem empurrar para cima ou para baixo, conforme dá mais jeito. o valor das empresas, está pois , longe do seu real valor e pode despencar a todo o momento, parece-me a mim que não sou economista)

percebe-se também que as obrigações são ou podem ser um grande buraco ...

e agora os depósitos estão a ser prejudicados pelo governo...!!!!

o que escolher?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Apesar de tudo os depósitos continuam a ser a coisa mais segura. Mesmo com esta limitação, não quer dizer que não haja boas taxas. 5% continua a ser um bom valor para mim.

Além disso, alguns dos bancos mais pequenos até nem se preocupam assim tanto com os rácios e mais com a liquidez, pelo que podem manter algumas das taxas que têm durante mais um tempo.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

quinta-feira, 15 de Dezembro de 2011 | 12:42

Imprimir Enviar por Email   

Fundo de garantia passa a cobrir depósitos até 100 mil €

O Governo tornou hoje permanente o limite legal de 100 mil euros para o reembolso de depósitos constituídos nas instituições de crédido participantes no fundo de garantia de depósitos e do fundo de garantia do crédito agrícola mútuo.

«A garantia assegurada por estes fundos pode ser acionada no caso de se verificar a indisponibilidade dos depósitos», adianta o comunicado do conselho de ministros.

Diário Digital / Lusa

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

boa tarde

onde é que vem escrito essa noticia, pois gostava de imprimir

Obrigº

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Eu retirei do DiárioDigital, mas a fonte é a Agência Lusa.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor