clinton

Como mudar de Fiador?

9 publicações neste tópico

Há sensivelmente 8 anos, comprei um apartamento, o qual estou a pagar à Caixa de Crédito Agricola dado que foi o banco que me concedeu o empréstimo.Na altura foi-me exigido um fiador o que fiz.

  Acontece que hoje me telefonaram do Banco, a dizer que precisavam de falar comigo COM URGÊNCIA.Entrei em contacto com eles e o que se passa?( a mim acontece-me tudo).

  A pessoa que era minha fiadora, meteu um pedido de Insolvencia Singular e o Tribunal diferiu o pedido ou seja considerou-o Insolvente.

  O meu problema é que me disseram que tenho que arranjar um NOVO FIADOR COM URGÊNCIA.O que pergunto é:

1-Sempre cumpri com as minhas obrigações perante a Caixa Agricola.Tenho mesmo que arranjar um fiador?( o que é dificil na actual situação do país)

2-Quanto tempo tenho para arranjar o fiador?(uma vez que me pediram a máxima urgência)

3-O que me acontece se não conseguir arranjar fiador?

                Obrigado

                                  Clinton

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

A sua situação no emprego é estável?

Procure saber porque motivo precisam de fiador, sabendo eles que até ao presente nunca foi incumpridor. Pode informar que tem dificuldade em encontrar fiador e nesse caso o que irá fazer o banco?

Parece-me que deveria procurar outra entidade bancária, o quanto antes, que aceitasse transferir o seu CH sem necessidade de ter fiador!...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Com o desaparecimento de um fiador, o risco aumenta substancialmente para o banco, é verdade. Mas...

Ainda deves sensivelmente o mesmo dinheiro? E ainda ganhas o mesmo?

Se a resposta for claramente negativa a qualquer uma das perguntas as condições de atribuição do crédito também se alteraram. Consulta o que diz o teu contrato sobre o assunto ou pede ao banco que te faça uma simulação de qual seriam as novas condições do empréstimo caso não consigas arranjar fiador. Até pode ser que nem justifique o trabalho de o procurar (sobretudo nos dias de hoje, em que ninguém se quer atravessar com isso).

Pelo meio junta também o reforço de que tens pago sempre tudo sem problemas, tens cumprido sempre todas as tuas obrigações e que as condições que tinhas há 8 anos atrás são hoje claramente melhores (tens lá a conta ordenado não tens? Então eles têm como confirmar isso).

Se tiveres liquidez para isso pergunta se uma amortização extraordinária os ajudaria a ficar mais sossegados.

Certo é que a lei dá ao banco poder para alterar unilateralmente as condições do contrato neste caso, uma vez que houve mudança das condições inicialmente contratadas. Por isso trata de te mexer rapidamente - mesmo isso dá sinal ao banco que não pretendes incumprir...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

O melhor mesmo é arranjar fiador e ficar nesse banco, porque com certeza mesmo que queira mudar vão lhe pedir fiador e as condições de um novo crédito devem ser mais gravosas do que as que tem neste momento!

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Mas nos dias que correm, onde vou arranjar fiador? Há alguma lei que me obrigue a arranjar fiador, não tendo eu qualquer culpa que o fiador que tinha estivesse ficado insolvente e Pagando eu pontualmente as minhas prestações?

                Obrigado

                          Clinton

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Caro clinton,

O Sr. Paulo já te respondeu.

Ninguém te obriga a ter novo fiador, mas como as clausulas contratualizadas vão ser alteradas, uma vez que um dos fiadores entrou em insolvência e não poderá ser fiador, o banco poderá alterar as condições do teu contrato.

Se tens um spread de 0.29, o banco pdoerá aumentar esse spread para um valor muitíssimo superior.

Tens de ver o teu contrato e ver as consequências.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Desculpe, mas eu não concordo com isto.Repare, eu sou vitima de uma situação da qual não tive a minima culpa(insolvencia do meu fiador) e agora vou ser penalizado com um aumento da prestação, vou ser como que...multado...por uma coisa a que sou alheio.Eu que tenho durante estes anos cumprido religiosamente com as minhas prestações, posso?????  agora estar na iminência de ficar sem casa.ACHA ISTO JUSTO, para mais na actual situação do país?

                    clinton

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Pano para mangas... e se o fiador morrer tb tenho que arranjar outro?

Se o contrato nada disser:

Código Civil - art. 633.º

2. Se o fiador nomeado mudar de fortuna, de modo a que haja risco de insolvência, tem o credor a faculdade de exigir o reforço da fiança.

3. Se o devedor não reforçar a fiança ou não exercer outra garantia idónea dentro do prazo fixado pelo tribunal, tem o credor direito de exigir o imediato cumprimento da obrigação.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Põe-te no papel do banco - eu tinha um contrato com uma pessoa que me dava outra como grantia, caso a primeira não conseguisse pagar as prestações. Por causa disso até lhe fiz umas prestações mais em conta. Essa garantia agora desapareceu e, se houver algum problema, quem fica a arder sou eu. ACHAS ISSO JUSTO? Que culpa tem o banco? Não foste tu que escolheu o fiador?

E se fosses despedido porque a empresa onde trabalhavas fechou? Como ias pagar? Quem disse que a vida é justa? :-\

A lei diz que o banco pode exigir o reforço da fiança e é o que ele está a fazer. A lei não diz que tem de haver um reforço da fiança - cabe-te a ti convencer e negociar com o banco uma situação que seja do agrado de todos.

Agora, consegues muito melhor resultado se fores numa atitude submissa e disposto a ceder num ou noutro ponto, realçando sempre que as condições de risco que apresentas já não são as mesmas que quando começaste, que estás a tentar arranjar fiador mas não está fácil, etc. Se mostrares abertura a negociar e vontade em resolver o problema, o banco perceberá mais facilmente que não tens vontade nenhuma nunca de deixar de pagar... Caso contrário mostrar-se-ão tão inflexíveis como tu.

Qual foi a resposta que te deram do banco sobre as condições no caso de não conseguires arranjar fiador? Já trataste de saber isso não já? Deixar andar só vai piorar a imagem que o banco tem de ti - afinal pediram-te urgência!

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead