T_E_X_A_S

Crédito com Incidentes Bancários

5 publicações neste tópico

Bom dia,

Andei a fazer algumas pesquisas no google, de modo a tentar encontrar alguma solução para o meu problema e encontrei este fórum que me parece muito útil e com muita informação.

De momento estou com um situação financeira muito complicada.

Tenho uma dívida de +/- 46.500,00€ na totalidade de todos os créditos que tenho. O grande problema é que o meu nome consta na "lista negra" do Banco de Portugal, devido a pagamentos em atraso de um cartão de crédito (Citibank). A cada diz que passa, acumula ainda mais juros.

Dado ter este incidente bancário, muitas das entidades bancárias rejeita logo o meu pedido de financiamento.

De momento não consigo pagar todas as mensalidades que tenho, pois eu tenho um vencimento de 700,00€ e a minha esposa 550,00€.

O que procuro neste momento é tentar consolidar todos os créditos, ficando apenas com uma mensalidade no valor de +/- 500€, 600€ mensais.

É de salientar que não possuo crédito habitação, pois resido em casa de familiares.

Dado a minha situação, existe alguma alternativa?

Existe alguma entidade bancária que conceda financiamentos a clientes com incidentes bancários?

Obrigado.

Cumprimentos

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Vender coisas e com o dinheiro amortizar parte dos créditos, sobretudo por o do Citibank em dia... Mesmo amortizando pequenos montantes como 500€ ou 1000€, sempre dá alguma folga ao fim de uns meses...

Fazer o esforço de pagar todas as prestações pelo menos 2 ou 3 meses seguidos (nem que tenhas que pedir ajuda a algum amigo ou familiar). Nessa altura já deves conseguir fazer alguma renegociação ou mesmo a consolidação do crédito.

Repara que estás a pedir para ter uma taxa de esforço de cerca de 50% do vosso rendimento. É um esticão muito grande e muitas das instituições de crédito chegam a impor como limite máximo algo na casa dos 30%-35%. Ou seja, só te vão sobrar as que estão dispostas a correr o risco, mas tipicamente em troca de juros mais altos.

Suponho que nesta altura do campeonato já tenhas tentado fazer uma pesquisa por consolidação de crédito à procura das empresas que procuras... a DECO também tem um gabinete de apoio ao endividamento, mas julgo que depois de entrarem em incumprimento eles já não vão poder fazer nada :-/

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

No ano transacto fui a uma sessão da Deco em que foi amplamente falado este tema: pessoas com inumeros créditos e já em situação de inssolvencia pessoal.

O que lá aprendi, ou que foi falado de outras formas:

Consolidar créditos: menos prestação, mais juros

http://www.deco.proteste.pt/credito/consolidar-creditos-menos-prestacao-mais-juros-s540351.htm

mas pode sempre falar com eles e saber o que teem a dizer:

InfCreditos.jpg

Depois:

Começar por pagar os créditos mais pequenos, pois conforme forem acabando são menos juros e menos a resolver, além de ter o beneficio de perante os credores pois já pagou alguns.

Tentar obter um fiador ou garantia para pedir o consolidado.

Evitar penhoras, senão vendem tudo por valores irrisorios e pode ficar com parte das dividas na mesma.

Mais que isto:

Deixo um simulador:

http://www.deco.proteste.pt/credito/consolidar-creditos-e-indicado-para-o-meu-caso-s530481.htm

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Vender coisas e com o dinheiro amortizar parte dos créditos, sobretudo por o do Citibank em dia... Mesmo amortizando pequenos montantes como 500€ ou 1000€, sempre dá alguma folga ao fim de uns meses...

Fazer o esforço de pagar todas as prestações pelo menos 2 ou 3 meses seguidos (nem que tenhas que pedir ajuda a algum amigo ou familiar). Nessa altura já deves conseguir fazer alguma renegociação ou mesmo a consolidação do crédito.

Repara que estás a pedir para ter uma taxa de esforço de cerca de 50% do vosso rendimento. É um esticão muito grande e muitas das instituições de crédito chegam a impor como limite máximo algo na casa dos 30%-35%. Ou seja, só te vão sobrar as que estão dispostas a correr o risco, mas tipicamente em troca de juros mais altos.

Suponho que nesta altura do campeonato já tenhas tentado fazer uma pesquisa por consolidação de crédito à procura das empresas que procuras... a DECO também tem um gabinete de apoio ao endividamento, mas julgo que depois de entrarem em incumprimento eles já não vão poder fazer nada :-/

Bom dia,

Agradeço a rápida resposta.

Relativamente à venda de Bens, não me é possível, pois resido em casa de familiares e só disponho do meu carro que tem um valor comercial de +/- 2.000€.

Sabe me indicar se existe alguma Entidade que possibilite o financiamento a clientes com incidentes bancários?

Após regularizar as mensalidades em atraso, quanto tempo demora o meu nome a sair do Banco de Portugal?

Obrigado.

Cumprimentos

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

No ano transacto fui a uma sessão da Deco em que foi amplamente falado este tema: pessoas com inumeros créditos e já em situação de inssolvencia pessoal.

O que lá aprendi, ou que foi falado de outras formas:

Consolidar créditos: menos prestação, mais juros

http://www.deco.proteste.pt/credito/consolidar-creditos-menos-prestacao-mais-juros-s540351.htm

mas pode sempre falar com eles e saber o que teem a dizer:

InfCreditos.jpg

Depois:

Começar por pagar os créditos mais pequenos, pois conforme forem acabando são menos juros e menos a resolver, além de ter o beneficio de perante os credores pois já pagou alguns.

Tentar obter um fiador ou garantia para pedir o consolidado.

Evitar penhoras, senão vendem tudo por valores irrisorios e pode ficar com parte das dividas na mesma.

Mais que isto:

Deixo um simulador:

http://www.deco.proteste.pt/credito/consolidar-creditos-e-indicado-para-o-meu-caso-s530481.htm

Bom dia,

Agradeço desde já a sua resposta.

Vou então contactar a DECO para saber se existe alguma alternativa para o meu problema.

Obrigado.

Cumprimentos

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead