JRJordao

Certificados OT (Commerzbank)

3 publicações neste tópico

Commerzbank lança certificados que apostam na dívida pública

O Commerzbank lança amanhã novo instrumento que permitirá aos pequenos investidores apostar em obrigações do Tesouro.

A partir de amanhã os pequenos investidores terão mais uma possibilidade de investirem em dívida pública da República por via de "certificados OT".

Este produto financeiro complexo, desenvolvido pelo Commerzbank, começará a ser cotado a partir de amanhã na Euronext Lisboa e terá como objectivo replicar um índice construído pelo banco alemão que acompanha a evolução das obrigações do tesouro.

Inicialmente serão apenas disponibilizados aos investidores três certificados OT, que terão como activo subjacente as obrigações do Tesouro com maturidade em 2013, 2016 e 2018.

O preço dos certificados OT é determinado com base nas oscilações da cotação das respectivas obrigações soberanas no mercado secundário mas também com base na procura e na oferta dos próprios certificados em bolsa.

Além disso, o preço terá ainda em conta uma comissão anual cobrada pelo Commerzbank no valor de 0,75%. Hélio Cláudio, responsável do departamento de distribuição internacional do banco alemão em Portugal, referiu hoje, na apresentação do produto na sede da Euronext Lisboa, que o preço de compra e de venda destes produtos deverão apresentar um ‘spread' de 3%.

Hélio Santos revelou também que já chegou a acordo com o banco Big e está em negociação com os restantes bancos ‘online' para a comercialização dos primeiros três certificados OT nas suas plataformas de negociação.

O montante mínimo de investimento é de apenas um certificado. Isto significa que, amanhã, os investidores que quiserem comprar o certificado que tem como activo subjacente a obrigação soberana com maturidade em 2013 terão de despender 89,46 euros. No caso dos certificados que têm como activo subjacente as obrigações com maturidade em 2016 e 1018, terão um preço inicial de 81,65 euros e 73,26 euros, respectivamente.

Fonte: http://economico.sapo.pt/noticias/commerzbank-lanca-certificados-que-apostam-na-divida-publica_118286.html

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Será que compensa, em relação às obrigações de divida soberana que o próprio BIG costumas comercializar, a partir de 3000 €?

Nessas paga-se 30 € por cada operação de compra e venda, mas não tem custódia de títulos, algo que deve suceder neste caso...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

São produtos diferentes:

1. Comprar OTs directamente no BiG é algo intransparente. Não se sabe a cotação que irão conseguir já que o BiG terá que ir à procura de alguém que faça uma cotação para montantes pequenos.

2. Os Certificados OT estão a cotar em bolsa, com preços de compra e venda em contínuo. No BiG pode-se negociar via DirectTrade por 4,95€ até 250,000€ (sem mais nenhum custo).

3. Quem compra OT e é residente em Portugal será tributado em 21,5% em todos os juros pagos pelas OT. Quem investe no certificado será tributado nas mais-valias em 20%.

4. Os Certificados são completamente flexíveis: tanto se pode investir um montante abaixo de 100€ como um valor bastante superior.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor