mncg77

Anexo G - menos valias - dúvida

7 publicações neste tópico

Bom dia,

tenho a seguinte dúvida relativamente ao preenchimento do Anexo G.

O ano passado vendi um imóvel não tendo gerado qualquer mais valia (a escritura de compra foi de 160.000eur em 2006 e a de venda foi por 153.000eur em 2010, ao que se somam despesas com a imobiliária, obras, etc.). Creio que neste caso temos uma menos-valia.

A minha primeira questão vai quanto à obrigatoriedade de preencher o Anexo G. É obrigatório neste caso em que há menos-valia? Pois de resto só tenho rendimentos de trabalho dependente nesse ano e terei de fazer o preenchimento do IRS na segunda fase, e não agora...

A minha segunda questão vai quanto à entrega das declarações conjuntas ou separadas. Temos previligiado a entrega das declarações sem ser em união de facto, pois as vantagens são significativas.

Como apenas detinha 50% do imóvel, pretendo entregar o Anexo G (caso seja obrigatorio) apenas para esses 50%. No entanto li que este anexo é comum e tem de ser entregue para todo o agregado(?). Testei no simulador para o ano de 2009 e deixou-me declarar 50% da venda sem precisar da indicaçao do co-proprietário na mesma declaração... Para a declaração dos rendimentos de 2010, o mesmo simulador ainda nao está disponivel, por isso nao consegui confirmar...

Já procurei na internet por resposta a estas questões, mas nao consegui encontrar, pelo que agradeço a quem tenha conhecimento sobre este tipo de situações.

Obrigado.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Sim, a declaração é obrigatória, mesmo que em caso de menos valia. É uma forma de cruzar informação com o que o comprador declarar, para garantir que ele não foge ao IMT. Além disso é também uma forma de comprovar que não foi por esquecimento que não foi preenchido...

Obviamente podem continuar a fazer a declaração em separado. Se em vez do namorado fosse um primo ou um vizinho o comproprietário, metiam a declaração conjunta por causa disso? Claro que não...

Cada um de vocês pode meter um anexo G na respetiva declaração, e declarar os seus 50% da venda, se optarem mais uma vez por entregar em separado.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Bom dia Paulo,

obrigado, fiquei esclarecida!

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boa tarde, dra.

Agradeço que me esclareça o seguinte:

em 2009, adquiri uma casa por 75000 euros. Em fevereiro de 2016, vendi a casa por 47000 euros. 

Agora, poderei adquirir um apartamento por 22000 euros ou terei que reinvestir todo o dinheiro da venda (47000 euros) para não pagar imposto.

Muitíssimo obrigada.

Filomena Correia

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Para não pagar imposto em caso de haver mais valias, tem de reinvestir todo o dinheiro da venda.

Quando apenas se gasta uma parte do dinheiro, essa fica isenta de imposto e apenas tem de se pagar sobre o restante.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
há 4 horas, ruicarlov disse:

Para não pagar imposto totalmente, tem de reinvestir todo o dinheiro da venda.

Não tem de fazer nada. Se não há mais valia, não há imposto a pagar...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
21 hours ago, Guest PJA said:

Não tem de fazer nada. Se não há mais valia, não há imposto a pagar...

Claro, disparate meu. Não reparei que o valor da compra era superior ao da venda..

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor