Patricia Mano

Sócio-gerente e Subsidio de Desemprego

58 publicações neste tópico

Boa tarde,

Mais uma dúvida...

Se um  sócio-gerente, remunerado, da firma x, trabalhar ao mesmo tempo por conta de outrem e for despedido tem direito a subsidio de desemprego?

Obrigado

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Então, mas se continua a ter remuneração noutro emprego, não está desempregado, certo?  ???

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boa tarde Paulo,

Não me expliquei bem... Peço desculpa!

Se perder o emprego na empresa B (onde é empregado por conta de outrem), não tem direito ao subsidio de desemprego? Independentemente de ser Socio-gerente na firma A?

Confuso, certo?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

não tem

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boa tarde

Muito obrigado pela sua resposta.

Patricia Mano

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boa tarde,

E se a empresa X onde tem contrato de trabalho há 15 anos me nomear sócio de empresa Y constituída por X continuando a trabalhar na empresa X tenho direito a Subsidio de Desemprego pelo desemprego na X e consequente perda de cargo por nomeação na Y?

Obrigado

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boa tarde,

Reformula a questão pois queria dizer Gerente em vez de sócio.

E se a empresa X onde tenho contrato de trabalho há 15 anos me nomear Gerente da empresa Y constituída/criada por X continuando a trabalhar na empresa X tenho direito a Subsidio de Desemprego pelo desemprego na X e consequente perda de cargo por nomeação na Y?

Obrigado

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Sou sócio-gerente de uma empresa mas não sou remunerado nem desconto por esta empresa. Em simultâneo sou trabalhador por conta de outrem e desconto por esta empresa. Se eu renunciar ao cargo de gerente, ficando apenas como sócia da empresa, terei direito a receber subsídio de desemprego se o meu contrato não for renovado pela empresa onde trabalho e através da qual faço os respectivos descontos?

haverá um período de carência entre a renúncia ao cargo de gerente e o direito a pedir o subsídio de desemprego caso fique desempregado?

Agradeço toda a ajuda que me puder dar.

Obrigado.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boa tarde Anabela Pontes,

Gostaria de saber se já obteve informação relativamente à dúvida que colocou. Tenho exactamente a mesma dúvida, e como é tão especifica os documentos disponibilizados pela segurança social em complemento da legislação em vigor (guias praticos) não são, a meu ver, suficientemente esclarecedores... Obrigada!

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

boa noite. eu era socia gerente de uma empresa, esta deu insolvencia, eu fazia descontos gostaria de saber se tenho direito a subsidio de desemprego. obrigado

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

boa noite. eu era socia gerente de uma empresa e fazia descontos para a segurança social, entretanto a empresa deu insolvencia, eu tenho direito a subsidio de desemprego?obrigado

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

E no caso de um sócio não gerente, e não remunerado? Terá direito a subbsídio de desemprego?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boa tarde

sou sócia de uma empresa e estou também como encarregada dessa mesma empresa, o meu ordenado é de encarregada, se fôr despedida tenho direito a sub. desemprego?

Não perco esse direiro por ser sócia?

Muito obrigada

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boa noite,

gostaria de esclarecer uma duvida. Sou socia-gerente numa empresa e faço descontos para ela, a empresa encerra no final deste mês. Tenho direito ao fundo de desemprego?!

obrigada

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Sou sócia-gerente de uma empresa, que está em vias de cessar a atividade, mas não sou remunerada nem descontei alguma vez por esta empresa. Em simultâneo sou trabalhadora por conta de outrem e desconto por esta empresa. No entanto tive conhecimento que vou ficar sem trabalho. Terei direito ao sub. de desemprego?

Cumprimentos,

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Sou sócia-gerente de uma empresa desde Maio, que até então ainda não teve qualquer actividade(apenas foi constituida). Trabalho por conta de outrém, e vou cessar funções por mutuo acordo. Tereir direito ao fundo desemprego? Tenho que cessar funções de gerente ou na sociedade para usufruir desse beneficio?

Agradeço esclarecimentos,

Cumprimentos,

Natália Braz

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

somos trés socios gerentes numa pequena empresa só dois é que trabalham na empresa á 14 anos, sempre fizemos os descontos, neste momento temos que fechar será que temos direito ao desemprego

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

2. Um gerente tem direito ao subsídio de desemprego?

R: Não. No entanto se à data da nomeação, já pertencia ao quadro da empresa onde foi nomeado

gerente como trabalhador contratado há pelo menos um ano e enquadrado no regime geral de

segurança social dos trabalhadores por conta de outrem pode ter direito ao subsídio de desemprego

se renunciar à gerência ou for destituído dessas funções e, posteriormente, o contrato de trabalho

cessar de forma involuntária e se satisfizer as demais condições de atribuição.

Se foi, desde o início, gerente (sócio ou não), não tem direito ao subsídio de desemprego.

Estas regras aplicam-se aos administradores, diretores e gerentes das empresas (os

chamados membros dos órgãos estatutários).

Quanto aos sócios-gerentes, ou só gerentes, de empresas pela qual são remunerados e fazem descontos, acho que esta resposta esclarece as dúvidas.

Agora se for trabalhador por conta de outrem e ao mesmo tempo gerente não remunerado de uma empresa, caso vá para o desemprego pela actividade por conta de outrém, convém que à data do desemprego já tenha renunciado à gerência (esta renúncia e consequente desvinculação tem de estar registada, e comunicada à segurança social e finanças).

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Bom dia,

como muitos de vós tambem tenho algumas duvidas relativamento a como sendo trabalhador por conta de outrem e futuramante socio de uma empresa posso receber subsidio de desemprego sendo que não vou ser nem gerente nem remunerado na empresa da qual farei parte, será que alguem poderá ter alguma informação de como posso solucionar isto de uma forma sustentada por algum DL ou outro, pois a propria segurança social não me consegue dar uma resposta concreta, visto que diz que eu tenho de ser um menbro de ordem estatutária, mas eu não vou realizar nada na dita empresa vou apenas ser um sócio e continuar como empregado por conta de outrem de onde vou receber o meu salario e realizar os meus descontos.

Obrigado a quem me possa dar mais algumas informações e com base legal para solucionar esta questão.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boa tarde,

É possível eu abrir uma empresa e continuar recebendo o subsidio desemprego? Eu vou abrir a empresa entretanto o gerente será outra pessoa.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boa tarde.

Um gerente não remunerado de uma sociedade (gerente não sócio), que trabalha por conta de outra ao mesmo tempo. Se tiver que responder por dividas, pois julgo que o gerente responde ilimitadamente por dividas, se não tiver quaisquer bens para pagar, é possivel penhorarem o ordenado que recebe da empresa onde trabalha por conta de outrem?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boa noite, fiquei desempregada á quatro meses, deram-me a carta para o fundo desemprego e veio indeferido alegando que era gerente da empresa, facto por mim desconhecido, eu apenas representava a empresa perante o ministério da educação(jardim-de-infancia) fiz sempre descontos como trabalhador por conta de outrem, já renunciei a essa gerência porque a seg.social disse que só assim poderia resolver a situação! Será que tenho direito? Sou uma vitima neste processo todo! Será que me pode ajudar?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

boa noite, sou sócio gerente de uma empresa por conveniência dos restantes sócios não gerentes, podereis legalmete responsabilizar algum deles por decisóes onde conste a minha ssinatura mas tenham sido tomadas em conjunto, reforço apesar de sócio gerente, todas as decisões eram tomadas pela totalidade dos sócios.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

boa tarde ja tive uma empressa durante anos i fexei mas abri outra i ja tem 5 anos sera kue tenho  direito ao  dezemprego obrigado

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Para deixar um comentário é necessário estar registado

Criar uma conta

Registe uma conta nova na nossa comunidade. É fácil!


Registar uma conta nova

Entrar

Já está registado? Entre aqui.


Entrar agora