João Miguel

Poupar com cartão de crédito - Unibanco Atitude

28 publicações neste tópico

Tenho um cartão de crédito mas apenas o uso online. Tal como a maioria das pessoas, tenho alguns preconceitos contra eles.

Mas estou tentado a aderir ao Unibanco Atitude. Devolvem 5% do valor das compras efectuadas com o cartão, penso ser o único do mercado com um cashback tão elevado.

Analisei as minhas contas e penso que por mês consigo usar o cartão para pagar cerca de 200€. Ao final de um ano, tenho (2400€*5%) + 5% (bónus) + 35€ (oferta no primeiro ano) = 161€ de poupança no primeiro ano.

Parece-me que compensa bastante, tendo em conta que o cartão não tem qualquer anuidade ou custo adicional. Contudo estou a achar a galinha gorda demais, onde raio é que eles vão ganhar dinheiro? Está-me a escapar alguma coisa?

Gostava de ouvir algumas opiniões em relação a este cartão.

fica o link

http://www.unibanco.pt/?idc=2&idi=31291

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Tenho um cartão de crédito mas apenas o uso online. Tal como a maioria das pessoas, tenho alguns preconceitos contra eles.

Mas estou tentado a aderir ao Unibanco Atitude. Devolvem 5% do valor das compras efectuadas com o cartão, penso ser o único do mercado com um cashback tão elevado.

Analisei as minhas contas e penso que por mês consigo usar o cartão para pagar cerca de 200€. Ao final de um ano, tenho (2400€*5%) + 5% (bónus) + 35€ (oferta no primeiro ano) = 161€ de poupança no primeiro ano.

Parece-me que compensa bastante, tendo em conta que o cartão não tem qualquer anuidade ou custo adicional. Contudo estou a achar a galinha gorda demais, onde raio é que eles vão ganhar dinheiro? Está-me a escapar alguma coisa?

Gostava de ouvir algumas opiniões em relação a este cartão.

fica o link

http://www.unibanco.pt/?idc=2&idi=31291

Pelo que percebi, as contas não serão assim tão directas:

Efectivamente Poupas 161€, mas eles só te estão a dar 41€ e destes 35€ só te dão uma vez (na fase de adesão ao cartão), pois os outros 120€, tu poupa-los, mas á custa do débito "extra" que eles fazem na tua conta cartão sobre o valor que utilizaste!, ou seja na prática admitindo que manténs os valores de consumos, levas por ano um bónus extra de 6€, pois os 120€, podes poupá-los tu na mesma com ou sem cartão...

eu assim entendi, mas como tu, se alguém quiser "esmiuçar" este assunto...também me interessa...

;D

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

eu aderi a esse cartão, o unico uso que lhe dava era para pagar compras online, mas uso sobretudo o paypal por isso era para associar o cartão ao paypal, e qual não foi o meu espanto quando me cobraram comissão por usar o paypal para fazer pagamentos, deixei de o usar desde então. Na altura eles davam um cartão virtual para os pagamentos na internet, mas nunca o consegui usar, os sistemas de pagamento não reconheciam o numero do cartão virtual.

A única coisa boa que posso dizer é que efectivamente recebi o crédito que eles davam pela adesão, não me recordo do valor mas acho que foi inferior aos 35€ que estão a oferecer agora.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
Contudo estou a achar a galinha gorda demais, onde raio é que eles vão ganhar dinheiro? Está-me a escapar alguma coisa?

eles ganham o dinheiro nas comissões que os comerciantes lhes pagam para terem acesso ao sistema e de cada vez que é feita uma operação com um cartão. Sobretudo as comissões dos cartões de crédito são jeitosas, não é à toa que nem todos aceitam cartão de crédito como meio de pagamento...

Pelo que percebi, as contas não serão assim tão directas:

Efectivamente Poupas 161€, mas eles só te estão a dar 41€ e destes 35€ só te dão uma vez (na fase de adesão ao cartão), pois os outros 120€, tu poupa-los, mas á custa do débito "extra" que eles fazem na tua conta cartão sobre o valor que utilizaste!, ou seja na prática admitindo que manténs os valores de consumos, levas por ano um bónus extra de 6€, pois os 120€, podes poupá-los tu na mesma com ou sem cartão...

eu assim entendi, mas como tu, se alguém quiser "esmiuçar" este assunto...também me interessa...

Não fiz as contas mas na altura em que o cartão saiu lembro-me de ter chegado mais ou menos à mesma conclusão. Mesmo assim, apesar de parte do dinheiro poder ser poupado de qualquer forma, não é fácil encontrar onde o investir a 5% ;)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Pelo que percebi, as contas não serão assim tão directas:

Efectivamente Poupas 161€, mas eles só te estão a dar 41€ e destes 35€ só te dão uma vez (na fase de adesão ao cartão), pois os outros 120€, tu poupa-los, mas á custa do débito "extra" que eles fazem na tua conta cartão sobre o valor que utilizaste!, ou seja na prática admitindo que manténs os valores de consumos, levas por ano um bónus extra de 6€, pois os 120€, podes poupá-los tu na mesma com ou sem cartão...

eu assim entendi, mas como tu, se alguém quiser "esmiuçar" este assunto...também me interessa...

;D

Pois, bem me parecia que me estava a escapar algo. Estava a pensar que eles devolviam 5% do valor das compras mas afinal eles apenas debitam mais 5% para a constituição de um "mealheiro". E para a constituição de um mealheiro não é preciso a ajuda de um cartão de crédito.

Continua a ser um produto interessante por oferecer 35€ e ainda os tais 5% de juros sobre o mealheiro, mas não é o suficiente para me convencer. Continuo a preferir manter-me afastado deste tipo de produtos.  :)

O meu ultimo post: Credito Rapido.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Pois, bem me parecia que me estava a escapar algo. Estava a pensar que eles devolviam 5% do valor das compras mas afinal eles apenas debitam mais 5% para a constituição de um "mealheiro". E para a constituição de um mealheiro não é preciso a ajuda de um cartão de crédito.

Continua a ser um produto interessante por oferecer 35€ e ainda os tais 5% de juros sobre o mealheiro, mas não é o suficiente para me convencer. Continuo a preferir manter-me afastado deste tipo de produtos.  :)

Senão fazes como eu....estou a pensar em aderir e usufruir dos 35€....apenas e só e o cartão fica lá por casa para um aemergência...só e apenas  ;)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

...estou a pensar em aderir e usufruir dos 35€...

Idem ;)

No meu caso, já utilizo um cartão de crédito que me é mais vantajoso (Universo) devido ao cashback, mas acho que vale a pena aderir a um destes pelos 35€. Optei pelo Life, que me pareceu o mais interessante, com anuidades gratuitas e isenção da taxa das gasolineiras. É um cartão que não dá nada (de jeito), mas também não custa nada.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Nunca ninguém poupou um cêntimo com um cartão de crédito.

Essas "poupanças" anunciadas têm como único objectivo "agarrar" pessoas pouco informadas, enrolando-as numa complexa teia chamada "dívida de cartão de crédito", cuja liquidação ao longo de anos renderá muitos juros à aranha financiadora.

O cartão de crédito serve para incentivar o consumo, para antecipar despesa. Assim, como é que se pode falar em "poupar", se a dívida é cada vez maior? O "poupar" aqui deverá ser encarado como um "desconto" para se consumir cada vez mais, ou seja, para aumentar uma dívida que gerará mais juros.

Se querem poupar comprem um porquinho, ou uma vaquinha, e guardem o dinheiro, ou apliquem-no num produto financeiro que renda alguma coisa.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Nunca ninguém poupou um cêntimo com um cartão de crédito.

Essas "poupanças" anunciadas têm como único objectivo "agarrar" pessoas pouco informadas, enrolando-as numa complexa teia chamada "dívida de cartão de crédito", cuja liquidação ao longo de anos renderá muitos juros à aranha financiadora.

O cartão de crédito serve para incentivar o consumo, para antecipar despesa. Assim, como é que se pode falar em "poupar", se a dívida é cada vez maior? O "poupar" aqui deverá ser encarado como um "desconto" para se consumir cada vez mais, ou seja, para aumentar uma dívida que gerará mais juros.

Se querem poupar comprem um porquinho, ou uma vaquinha, e guardem o dinheiro, ou apliquem-no num produto financeiro que renda alguma coisa.

Não me parece correcto esta mensagem até arrisco dizer que acho um pouco retorga, existem muitas pessoas com esta atitude e porquê? A única despesa que tenho com os meus cartões de crédito são eventualmente as anuidades, que no caso do cartão universo é facilmente paga pelos descontos dos mesmos e até se consegue poupar alguma coisa com os mesmos e em outros trazem vantajosos seguros para toda a família. Sem dúvida que o interesse é agarrar as pessoas nessa "teia", contudo os que se deixam agarrar é porque provavelmente não conseguiram resolver os problemas e dada a situação sócio-económica do nosso país não os crítico de forma alguma por tentarem viver um pouco melhor...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

migmac,

Louvo a sua autodisciplina financeira, que não é muito comum entre os utilizadores de cartões de crédito.  :)

Quanto ao facto das pessoas "viverem um pouco melhor", com recurso aos cartões de crédito, apenas direi que tal "ilusão" durará até passar o efeito da "injecção financeira", pois a dívida e os juros, que rondam os 20% ao ano, um dia terão de ser liquidados.

Acredite que a minha posição não é retrógrada, mas sim realista.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Nunca ninguém poupou um cêntimo com um cartão de crédito.

Tal afirmacao assume que nenhum detentor de cartao de credito o consegue utilizar como um simples meio de pagamento diferido a 1 mes, na aquisicao dos mesmos bens e servicos que adquiriria se nao tivesse tal cartao. Concordo que tal seja verdade para muitos, mas nao o e' para todos.

E' possivel ter credito sem cair na tentacao de o utilizar irracionalmente. Quem nao for capaz, de facto nao o deve utilizar.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

A esmagadora maioria das pessoas que recorre ao cartão de crédito não possui liquidez.

Se esta existisse, pagavam com o cartão Multibanco.

Logo, a maioria das pessoas que utiliza o cartão de crédito antecipa despesa, ou seja, adquire de imediato o bem que pretende, sem possuir o dinheiro para tal, e sem fazer muitas contas ao capital e aos juros em dívida.

Mais tarde, quando as contas aparecerem para pagar, verificará que o seu "desejo" teve um custo muito elevado.

Em meu entender, uma pessoa assim tão disciplinada junta dinheiro, paga com Multibanco, não utiliza o cartão de crédito, ou fá-lo só em casos muito especiais ( no estrangeiro, por exemplo ).

A esmagadora maioria dos utilizadores de cartões de crédito não tem essa disciplina, cedendo à tentação do endividamento, pois como diz o povo " o dinheiro não consente miséria " e quando o dinheiro está mesmo ali à mão, porque não comprar, sem fazer muitas contas tão aborrecidas.

O pior será depois, quando vêm as facturas para pagar, incluindo uma brutalidade de juros.

O cartão de crédito é uma experiência radical que nos permite viver algum tempo na pele de alguém com grande capacidade financeira. O problema é quando o "filme" acaba. É doloroso!

Seja como for, admiro os disciplinados deste país...Não é isso que dizem os estudos e as estatísticas, mas admiro-os

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

A esmagadora maioria das pessoas que recorre ao cartão de crédito não possui liquidez.

Se esta existisse, pagavam com o cartão Multibanco.

Eu conheço cada vez mais gente (eu incluído) que faz boa parte das compras com o cartão de crédito, mesmo tendo liquidez.

Ou porque ganha pontos com a utilização do mesmo ou porque põe o dinheiro a render no início do mês e paga depois tudo de uma vez.

E sinceramente, não requer muito mais disciplina do que a utilização normal do cartão multibanco - mesmo quem tem só MB, se não controlar a forma como gasta o dinheiro arrisca-se a chegar a meio do mês e não ter saldo para comprar o básico...

Concordo que não serão a maioria, mas a verdade é que há cada vez mais gente a saber usar correctamente um cartão de crédito.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Eu conheço cada vez mais gente (eu incluído) que faz boa parte das compras com o cartão de crédito, mesmo tendo liquidez.

Ou porque ganha pontos com a utilização do mesmo ou porque põe o dinheiro a render no início do mês e paga depois tudo de uma vez.

E sinceramente, não requer muito mais disciplina do que a utilização normal do cartão multibanco - mesmo quem tem só MB, se não controlar a forma como gasta o dinheiro arrisca-se a chegar a meio do mês e não ter saldo para comprar o básico...

Concordo que não serão a maioria, mas a verdade é que há cada vez mais gente a saber usar correctamente um cartão de crédito.

x2

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

concordo.

Eu não tenho qualquer falta de liquidez e cá em casa todas as despesas feitas quer por mim quer pela minha mulher são exclusivamente feitas com cartão de crédito - desde uma ervilha no supermercado até à revisão do automóvel e passando pela compra da viagem de férias ou da consulta no dentista.

Porquê ?

1º) porque assim recebo um extracto mensal que me permite saber ao cêntimo onde gastei o meu dinheiro

2º) porque assim posso efectuar em Dez de cada ano o meu "Orçamento Familiar" para o ano seguinte com precisão, rigor e sabendo exactamente as rubricas onde vou gastar o dinheiro

3º) porque, e dado que pago sempre 100% do extracto mensal gozo entre 20 a 50 dias de crédito gratuito

4º) porque assim posso no inicio de cada mês colocar imediatamente o que sei que vai sobrar do meu vencimento na conta poupança

O uso do cartão de crédito, se bem feito, nada tem de irracional, muito pelo contrário.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Exacto. O truque esta' em comprar o que se precisa e nao o que se "pode".

E se aliado a essas vantagens o cartao ainda der um cashback que ultrapasse a anuidade, melhor 8)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Claro !

embora no meu caso o cartão seja oferta gratuita do meu Banco devido ao meu perfil de cliente. Mas também existem cartões excelentes com anuidade gratuita (o Barklays Card p.ex ) e com isenção de taxa de gasolineiras (isso, por acaso, o meu não tem o que é pena senão até a gasolina pagava com ele).

E existem cartões que desde que se gaste um minimo mensal geralmente baixo (150 euros, no BPI) também estão isentos de anuidade.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

No meu caso, o Universo que tem anuidade (16,50 euros por 2 cartoes) mas devolve 1% de todas as compras e 2,5% na Galp (embora pague a taxa das gasolineiras).

E' uma questao de escolher o cartao que melhor se adapta ao nosso perfil (e nao o contrario ;) ).

No meu caso, o retorno em cheques Modelo/Continente/Worten/etc interessava-me mais do que pontos ou contribuicao para um PPR.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boa tarde

Alguem conhece um cartão de crédito que tenha isenção no pagamento de serviços? Por exemplo, imaginando que a nossa esposa têm um cartão com essa vantagem e nós temos outro. Porque não fazer o pagamento do extracto de um cartão com o outro?

Podemos beneficiar de crédito gratuito e rentabilizar o nosso salário!

Esta proposta foi feita por um gestor do banco best que é possivel um cartão com estas caracteristicas, mas tambem adiantou de imediato que o banco best não disponha de nenhum cartão com estas vantagens!

Alguem conhece algum cartão assim?

Obrigado,

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Penso que nao e' possivel fazer um pagamento de servicos com cartao de credito. Tens que o fazer directamente de uma conta 'a ordem, seja via multibanco ou internet banking.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

É possivel sim mas cada cartão tem uma taxa associada para esse tipo de pagamentos!

Podemos encontar essa informação na ficha normalizada de cada cartão.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

E como efectuas esse pagamento?

- Via "internet banking"? O que utilizo (universo.pt) nao inclui tal opcao.

- Num terminal multibanco? Isso nunca experimentei.

Sera' que nao se tratam apenas de servicos pagos directamente com o cartao, tipo portagens ou telefones publicos, como mencionado aqui?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Tenho uma opção disponivel no site do best, pagamento a crédito e apresenta a taxa respectiva!

Agora a minha dúvida é, existirá mesmo um cartão com estas vantagens?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Ok, isso nao conhecia. Tenho conta no Best mas sem cartao de credito.

De facto nao sei se havera' cartao que permita tal "habilidade" sem custos proibitivos. A tua ideia era ganhares assim mais (cerca de) um mes ate' teres que efectivamente pagar? Por exemplo, no dia 20/5 pagavas o valor utilizado do cartao A utilizando o cartao B, que por sua vez so' terias que pagar no dia 20/6?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

A ideia era pagar a divida de um cartão com o outro, ou seja um mês utilizava um e no outro utilizava outro começando por pagar a divida do anterior!

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor