Visitante dsalmeida

IRS 2006 -

6 publicações neste tópico

Olá boa tarde a Todos,

decidi partilhar a minha hitória com vocês que decerto saberão mais que eu como é que uma pessoa é punida com uma contra-ordenação pelo facto de se ter enganado a preencher uma cruz no IRS de 2006 ahn!!

Ora bem.. Verifiquei no portal das finaças online isto há alguna meses (meados do ano) atrás que estava uma divergência no meu IRS. Na altura meti férias de prepósito para ir ás finanças e verificar o que se passava ao qual a Sra funcionária pública me refere que não via nada em sstema e que por vezes é normal estas situações se resolverem automaticamente.. enfim.. ainda reforcei a questão para ver se estava mesm tudo bem ao que pareceu que sim.    Pois bem.. passado algum tem (outubro) recebo uma carta das finanças a referi que tinha de entregar novamente o IRS correspondente a 2006 pelo faco de ter colocado uma cruz no CIRS de prazo especial. Obvio que como já tinha ido à finanças e a sra me disse que estava tudo ok. enviei uma justiifcação online (aliás duas) a solicitar esclareicmentos para poder saber o que efectivamente deveria saber... ora agurdei resposta, até ao dia em que recebo novamemente uma carta a referi que tenho uma contra ordenção que vai de 250 até 7500 euros.

Desloco-me de imediato á finanças a questionar o que se passou quando solicito esclareicmentos relativamente a algo e não obtenho resposta. Obvio que n me custaria enviar novamente.. mas quando enviei o email quis saber se o deveria fazer. bem.. não deu em nada.. até que me disseram que o que poderia fazer era um requerimento, para o email directo do serviço da finanças respectivos. Ainda me disseram que quando me desloquei ás finanças na primeira vez, a info que a sr da outra repartição me deu era relativo a outra ano fiscal. Acham normal?? e eu sou adivinha ? Bem lá enviei o requerimento para o email directo que me indicaram nomeadamente ao cuidado do chefe do serviço das finanças...e agora estou a aguardar resposta.. isto tudo dentro dos prazos.. só queria saber a V/ opnião.. pois tenho medo que aumentem a multa.. e fique novamente sem resposta e depois seja pior... mas eles têm que responder certo?  Acho uma injustiça por falta de ocnhecimento e de ter tentado resolver a tempo toda a situação ainda me estarem a pedir dinheiro que não tenho :( mandam cartas nós temos que fazer tudo e eles não têm deveres como entidade??

Tenho o direito de ter uma resposta e seja ou não deferido têm que a dar certo? Agradeço que me dêm a V/ opnião pois a opinião de tdos ajuda e em muito.

Obrigada!

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

cada vez mais me estou a convencer em ir adquirir um gravador tipo reporter, para andar sempre comigo e gravar as conversas que tenho

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Pois.. a ideia do gravador já me passou igualemente milhentes vezes pela cabeça... já fui ao portal das finanças e já lá tenho a multa para pagar no valor de € 275 datada aquando a recepção da última carta.. apesar de na página principal estar a info que o valor ainda não está aplicado. Tb n entendo.. de qualquer das formas continuo a aguardar resposta até ao dia de hoje perante o requerimento que enviei cuja notificação de leitura tb recebi.. Até lá não irei decerto ao multibanco...

enfim.. e Viva Portugal!! :(

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Em vez do gravador (que apesar de hoje em dia já vir incorporado em muitos telemóveis, não serve para todos), basta um pouco de bom senso...

Quando nos dão uma informação que parece confusa ou contraditória, peçam que seja dada por escrito. Se havia uma comunicação escrita a dizer que havia problemas e nos serviços a funcionária disse que não, há que pedir à funcionária que assine um papel a dizer isso mesmo.

- serve de prova para usar mais tarde neste tipo de casos;

- podemos analisar a informação com mais calma em casa, se for caso disso

- e por vezes leva as pessoas do outro lado a analisar a situação como deve de ser porque se estão a comprometer com a informação que estão a prestar

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

pois é bem verdade e por mera parvoice e falta de lembrança não solicitei nada disso.

Aproveito para fazer uma questão. Alguém sabe qual é o prazo de pagamento após aplicação de coima por infracção fiscal? Fui agora ao portal e já não está € 275 conforme vos disse acima, pois alterou para €300. Sabem-me dizer porque?po n ter feito pagamento voluntário? 275 coima, 250 coima a pagar e 50 de custas é o que tenho lá.

Podem ajudar-me p.f.? é que não vou pagar até que tenha a resposta relativa ao requerimento que até ao momento n tive qualquer resposta.... mas obviamente tb não quero que a multa comece prai a subir sem limite ...

:(

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Olá,

Gostaria de saber se alguém me poderia dar algumas dicas e/ou opnião sobre o assunto abaixo.

Obrigada

pois é bem verdade e por mera parvoice e falta de lembrança não solicitei nada disso.

Aproveito para fazer uma questão. Alguém sabe qual é o prazo de pagamento após aplicação de coima por infracção fiscal? Fui agora ao portal e já não está € 275 conforme vos disse acima, pois alterou para €300. Sabem-me dizer porque?po n ter feito pagamento voluntário? 275 coima, 250 coima a pagar e 50 de custas é o que tenho lá.

Podem ajudar-me p.f.? é que não vou pagar até que tenha a resposta relativa ao requerimento que até ao momento n tive qualquer resposta.... mas obviamente tb não quero que a multa comece prai a subir sem limite ...

:(

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead