luis1978

Credito automovel - calculo errado da prestação?

11 publicações neste tópico

Olá a todos!

Recentemente adquiri viatura nova, através de um credito a 5 anos (cuja primeira prestação será paga em fins deste mês). A minha dúvida é que, tendo eu alguns conhecimentos de calculo financeiro, calculei quanto deveria ser uma prestação para as condições do meu crédito e o valor que encontro é diferente do apresentado no plano de pagamentos da entidade financeira.

As condições do crédito são:

- Montante: 14.269,84€

- Prazo: 60 meses

- Taxa: 6,3% TAN

As prestações são:

- Prestação apresentada pela entidade financeira: 279,55€

- Prestação pelos meus cálculos: 277,87€

Pelas minhas contas, para ter uma prestação de 279,55€ a taxa deveria ser 6,552%, mas no meu contrato diz claramente que é de 6,3% TAN (fixa)

Alguém pode verificar se os meus cálculos estão certos ou não? Existe algum valor "escondido" no calculo da prestação de um crédito automóvel?

Obrigado

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Olá Luis,

À partida os teus cálculos estão correctos, mas deve haver algum valor que não estás a considerar, tipo comissão mensal em cada prestação.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Pedro, a comissão mensal é de 2,50€ e esta explicito no contrato e na ficha informativa, que ao valor da prestação acrescenta os tais 2,50€ de comissão todos os meses, logo eles não podem ter incluído esse valor no calculo.

Mesmo antes de assinar o contrato, detectei esta situação e confrontei telefonicamente um dos assistentes do banco, que me informou que se na simulação estava aquele valor é porque estava correcto e que ele próprio não sabia qual a formula usada para o calculo da prestação.... ???

Como tinha urgência na compra da viatura (até pq o incentivo ao abate esta a acabar), desisti de lhes fazer ver que havia qualquer coisa de errado no calculo e assinei o contrato.

Entretanto já expus esta situação à DECO e estou à espera de uma resposta de como deverei proceder.

Só faltava agora que os bancos começassem a calcular mal as prestações dos créditos... depois das muitas comissões que nos vão impingindo ainda querem enganar os menos entendidos!

A diferença nem é muita (1,68€ por mês), mas imaginem lá se é uma pratica recorrente, isto multiplicado por 1 milhão de clientes....  :-\

Olá Luis,

À partida os teus cálculos estão correctos, mas deve haver algum valor que não estás a considerar, tipo comissão mensal em cada prestação.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Salvo erro no crédito ao consumo os juros pagam imposto de selo (4%)

Será daí a diferença?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Penso que será mesmo isso... pois se calcular 4% (IS) dos 6,3% TAN, dá 0,252%

Somando 6,3% + 0,252% é igual aos 6,552% que segundo os meus calculos seria a taxa aplicada...

Só pode ser isto mesmo...

Obrigado.

Salvo erro no crédito ao consumo os juros pagam imposto de selo (4%)

Será daí a diferença?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Olá a todos!

Recentemente adquiri viatura nova, através de um credito a 5 anos (cuja primeira prestação será paga em fins deste mês). A minha dúvida é que, tendo eu alguns conhecimentos de calculo financeiro, calculei quanto deveria ser uma prestação para as condições do meu crédito e o valor que encontro é diferente do apresentado no plano de pagamentos da entidade financeira.

As condições do crédito são:

- Montante: 14.269,84€

- Prazo: 60 meses

- Taxa: 6,3% TAN

As prestações são:

- Prestação apresentada pela entidade financeira: 279,55€

- Prestação pelos meus cálculos: 277,87€

Pelas minhas contas, para ter uma prestação de 279,55€ a taxa deveria ser 6,552%, mas no meu contrato diz claramente que é de 6,3% TAN (fixa)

Alguém pode verificar se os meus cálculos estão certos ou não? Existe algum valor "escondido" no calculo da prestação de um crédito automóvel?

Obrigado

Olá Luis1978,

Por coriosidade em que banco conseguiste essa TAN de 6,3% ;)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Santander Consumer

Olá Luis1978,

Por coriosidade em que banco conseguiste essa TAN de 6,3% ;)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Olá a todos. Tomo a liberdade de utilizar este tópico porque estou com uma dúvida muito semelhante à do autor do tópico.

Aqui estão os dados da simulação que fiz para um leasing:

Pagamentos (valores com IVA incluído à taxa legal em vigor):

1ª Renda (27,17%): 7 000,00 EUROS

Comissão de Dossier: 181,50 EUROS

Total 1ª Renda e Comissões: 7 181,50 EURO

Restantes Rendas:

Da 2ª à 48ª : 450,99 EUROS

Comissão Gestão de Contrato 0,00 EURO

Comissão de Processamento (MENSAL) 1,21 EUROS

Valor Residual (0 %): 1,00 EURO

Montante Total Crédito: 25 759,13 EUROS

Comissão Final do Contrato: 36,30 EUROS

Montante Total Imputado ao Cliente: 28 472,26 EURO

Taxa Nominal: 6,250 %;TAEG: 7,2%

A minha dúvida é: como é que, mediante a Taxa Nominal anunciada (de 6,25%), se chega à mensalidade de 450,99EUR?

Embora eu não tenha grandes conhecimentos financeiros, tentei usar a função PGTO do Excel para determinar a mensalidade. Tive em consideração o cálculo do imposto de selo, adicionando os 4% à TN e usei o valor do veículo - entrada para o montante a financiar. Mesmo assim não estou a obter o mesmo valor para a mensalidade.

Note-se que aquela comissão mensal de processamento não está incluída na mensalidade. Só no plano de pagamentos mensais é que a mensalidade tem esse valor somado.

Será que o valor da entrada (7000EUR) e o valor residual (1EUR) alteram o procedimento de cálculo da mensalidade?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites
Embora eu não tenha grandes conhecimentos financeiros, tentei usar a função PGTO do Excel para determinar a mensalidade. Tive em consideração o cálculo do imposto de selo, adicionando os 4% à TN e usei o valor do veículo - entrada para o montante a financiar.

Só para confirmar, isso dá 6,5% e não 10,25%, certo? :)

(mesmo assim acho que é mais correcto fazer os cálculos com os 6,25% e somar os 4% sobre os juros só no fim).

Será que o valor da entrada (7000EUR) e o valor residual (1EUR) alteram o procedimento de cálculo da mensalidade?

Bastante! sobretudo aqueles 7000 logo ao início.

Embora não tenha conseguido o valor exacto, consegui um valor aproximado a menos de 4€ usando o Mapa de Juros (avançado) que está no blog.

Defini os seguintes valores:

- Taxa de juro: 6,25%

- Valor emprestado: 25.759,13€

- Duração do empréstimo: 48 meses

- Valor residual: 1€

Depois coloquei uma amortização antecipada no primeiro mês no valor de 7000 - 607,89 (o valor da prestação desse mês).

Obtive uma prestação mensal para os meses seguintes de 454,23€.

Podes confirmar se são estes os valores para o teu caso?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead