Entrar para seguir isto  
Seguidores 0
Maria Lopes

Arredondamentos no IRS

2 publicações neste tópico

O IRS retido no trabalho dependente arredonda para o euro inferior por defeito,e no caso do IRS no trabalho independente?

O oficio que esclarece este arredondamento só fala no trabalho dependente.Quando a retenção de 20% era igual à taxa do IVA acabava por emitir o recibo verde de forma a que os valores se anulassem, sem ter em conta estes normativos dos arredondamentos. Mas agora com os 21% de IVA e 21,5% de IRS ,tenho dúvidas e gostava de saber a vossa opinião.

Obrigada

Maria Lopes

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

O n.º 2 do artigo 6.º do Decreto-Lei n.º 42/91, de 22 de Janeiro, diploma que estabelece as regras e procedimentos relativos à retenção na fonte, determina que

“… a importância apurada mediante aplicação das taxas de retenção é arredondada para a unidade de euros inferior…”.

Este normativo insere-se no Capítulo I, denominado “Retenção de IRS sobre rendimentos do trabalho dependente e pensões”, de modo que depreende-se que esta regra do arredondamento apenas se aplica aos rendimentos das categorias A e H.

Para as restantes categorias não está previsto nenhum tipo de arredondamento.

Logo, a retenção na fonte que possa ocorrer nas restantes categorias de rendimento não deve ser arredondada à unidade de euros inferior, deve sim, ser efectuada de acordo com o valor apurado

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

Entrar para seguir isto  
Seguidores 0