Visitante Kashira

Impostos em Portugal?

5 publicações neste tópico

Qual sera o procedimento quando se vive e trabalha no estrangeiro?

Fazer a declaraçao de impostos no pais estrangeiro e nada entregar em Portugal, ou fazer em Portugal?

Nem nas finanças me sabem esclarecer isto!

Agradeço a quem me saiba responder!

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

se  vives, trabalhas e tens residência fixa no estrangeiro deves

1º - registar-te no respectivo Consulado como emigrante e residente no país onde estás

2º - deves estar a descontar os teus impostos, normalmente, como farias em Portugal, através da tua entidade patronal e para as entidades apropriadas do país onde vives (segurança social, fisco, outras)

3º - deves entregar a tua Declaração de Rendimentos anual no local e entidade apropriados, tal como farias em Portugal

e nada tens a ver com o Fisco português.

No entanto se vives no estrangeiro mas te "esqueceste" de regularizar a tua morada fiscal e a tua situação pessoal em Portugal, aí as Finanças provavelmente vão-te chamar, ainda que não entre lá a declaração anual obrigatória da entidade pagadora, e vão querer saber da tua  situação: se tiveres morada fiscal em Portugal vão-te pedir que pagues os impostos...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Tenho a morada fiscal em Portugal e tenho credito habitaçao tambem. No entanto, no pais onde estou sou obrigada a declarar os impostos e nao posso declarar nos dois paises!

Portugal vai exigir que pague impostos nos dois????

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Se tens morada fiscal cá, vais ter que meter a declaração de rendimentos uma vez que os tens.

Agora, são rendimentos obtidos no estrangeiro, por isso tens que os colocar num quadro diferente do habitual; salvo erro ao fazê-lo indicas também quanto é que estás a pagar de imposto aí e isso é levado em conta de forma a evitar a dupla tributação (mas se, por exemplo, o imposto calculado cá dava mais do que o que já pagaste aí tenho ideia que te pedem o resto).

Se realmente estás permanentemente fora e não tens rendimentos cá, no teu lugar eu tratava de actualizar a situação nas Finanças para não teres de passar por isso todos os anos.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

exactamente.

nós, muitas vezes, esquecemo-nos destes pormenores e de regularizar as situações em que nos encontramos: geralmente demora, mas as consequências aparecem cedo ou tarde.

convém regularizares a tua situação, mas não é drama nenhum, a chatice maior pode ser teres que vir a Portugal fazer isso: arranja um representante ou procurador que te possa fazer isso, é possível, um familiar, p.ex.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead