ace.crash

dúvida sobre recibos de arrendamento

91 publicações neste tópico

Boas,

como senhorio de um apartamento arrendado tenho duas dúvidas:

1- tenho de comprar daqueles livrinhos de recibos e preencher à mão ou posso eu mesmo em Word fazer os recibos? alguém tem algum exemplo de recibo feito no computador?

2- no início do contrato foram-me pagas duas rendas e ficou assim escrito:

"O Primeiro Contraente declara ter recebido nesta data, do Segundo Contraente, a quantia de 800,00 € (oitocentos euros), referentes à primeira e última renda do presente contrato".

A minha duvida é a seguinte: o que escrevo nestes dois recibos? o contrato teve início em Maio, logo um dos recibos vou escrever "referente à renda de Maio", mas e o outro recibo ? escrevo "referente à última renda do contrato" ou "referente à renda do mês de Junho" e assim a renda paga no início de cada mês passa a dizer respeito ao mês seguinte?

obrigado

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

1º ) tens que comprar um livro de recibos. Normalmente qualquer papelaria os tem

2º) não deves fazer isso. O que deves fazer é passar dois recibos, um pela renda do 1º mês e outro pela renda seguinte mas em que escreves que foi paga, essa renda, a titulo de "caução".

Nos contratos de arrendamento as rendas são pagas adiantadas 1 mês , ou seja o inquilino paga-te a renda do mês seguinte. Esse mês que agora recebes a mais vai apenas permitir ao inquilino estar, no final do contrato, o último mês sem te pagar nada (já pagou, agora, no inicio ), evidentemente depois de te dar o pré-aviso legal. Posto isto é indiferente que o contrato termine daqui a seis meses ou seis anos, tu tens sempre uma renda a adiantada na tua posse. Mas deves passar obrigatoriamente recibos separados, um por cada mês de renda, e em livros de recibos adequados.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

não deixa de ser verdade, realmente.

Vantagens dos livros de recibos: têm um talonário onde tu podes registar mensalmente os dados do recibo que acabaste de passar (nº, mês, ano, quantia) / permitem conferências rápidas desses talonários sempre que necessário / penso que acabam por sair mais baratos do que estar em casa a gastar tinta de impressora / poupança de papel pois um recibo em word tendencialmente gasta uma folha A4 e cada talão gasta apenas 1/4 desse papel

Vantagens do word: evitam ter papel em casa / arquivo electrónico de docs / se fores organizado e não tiveres tendência para "baralhar" tudo nos teus ficheiros pessoais tb não é mau / se o arrendamento for por um período curto sai mais barato pois não terás sobras de recibos.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

"O Primeiro Contraente declara ter recebido nesta data, do Segundo Contraente, a quantia de 800,00 € (oitocentos euros), referentes à primeira e última renda do presente contrato".

como no contrato está escrito que se refere à ultima renda do contrato é que surge a dúvida. Mesmo com isto escrito no contrato vou declarar que afinal essa renda se refere a Junho de 2010!?

Obrigado pela vossa ajuda

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

ace.crash,

isso não me parece que esteja correcto, o que diz a Lei ( NRAU ) que podes consultar na net é o seguinte:

- as rendas são pagas adiantadamente um (1) mês ao dia 1 de cada mês

- podendo ser pagas sem juros de mora salvo erro até ao 8º dia útil desse mês ( vai ver na Lei abaixo)

O que está certo é

- passares um recibo do 1º mês - p.ex. Setembro

- simultâneamente passares um 2º recibo do 2º mês , p.ex. Outubro, mas onde escreves "a titulo de caução"

- e depois ires mensalmente recebendo e passando recibo do mês seguinte - ou seja, em Outubro passarias recibo de Novembro e assim sucessivamente

- e depois quando o inquilino quiser sair dá-te o aviso legal e não te paga o último mês

- o vice-versa se fores tu a denunciar o contrato, dás o aviso legal e não recebes o último mês

Consulta a Lei nº 6/2006 de 27 de Fevereiro, está lá tudo, é só "puxar" da net. E o Contracto convém ser feito, ou verificado, por advogado ou notário. Este e o meu conselho.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Tenho uma garagem pra arrendar e gostaria d saber se pra passar recibos e necessario kalker registo nas financas ou basta comprar o livro d recibos?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

o registo nas Finanças serve básicamente para uma  coisa:

1) para o contrato de arrendamento fical legal ( ou seja, para pagares os teus impostos relativamente a esse rendimento )

os recibos podes passá-los mesmo que não esteja o contrato registado nas finanças - o que implica estares a arrendar a garagem no "mercado paralelo" ou informal, na economia subterrânea, o que aumenta ligeiramente o teu risco face a algum incumprimento do arrendatário, como é lógico, e também face às Finanças - se entrares em conflito com ele poderás ter que legalizar tudo e além de pagares multa terás que pagar com juros o IRS dos últimos 4 anos relativos a esse arrendamento.

só tu podes avaliar esse risco pelo conhecimento que tens da pessoa a quem alugas e pela dimensão do aluguer,

isto é se for uma garagem individual num prédio é um risco diminuto que talvez valha a pena correr até porque o valor do aluguer provavelmente nem dá para os impostos.... faz bem as contas antes de alugar e vẽ a conclusão a que chegas.

se for uma garagem industrial para funcionamento de um negócio de automóveis é completamente diferente - aliás neste último caso nem penses em correr esse risco e faz tudo de acordo com a Lei e através de um advogado que te redija o contrato

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

ola boa noite, gostaria de fazer uma questao e se possível que me esclarecesse o que devo fazer.

Tenho um caseiro ja há varios anos e sempre passei recibo em nome dele (nome proprio) como consta do contrato.

agora disse-me que quer que no recibo, conste o nome da empresa e nãoo nome dele.

O contrato de arrendamanto foi celebrado em nome dele, para area da industria

A minha pergunta é se posso entao passar o recibo em nome da empresa?

O que devo fazer?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Nao deves de forma nenhuma fazer o que ele te pede: os recibos so devem ser passados em nome do titular do contrato

A solucao para isso so pode ser a seguinte: ele da-te o pre aviso e denuncia o contrato, por escrito, e negoceia contigo um novo contrato em nome da empresa e entao tera os recibos nesse nome

DE forma nenhuma deves ceder a passar recibos noutro nome que nao o dele.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boa tarde,

Tenho uma dúvida quanto ao passar os recibos de um apartamento, visto este ter dois proprietários. O contrato está feito direito e registado nas finanças, apenas não sei como fazer ao passar os recibos. Os recibos podem ser passados apenas por um proprietário, ou passados a vez logo que seja a meias, ou tem que assinar os dois proprietários todos os recibos para que estes sejam válidos.

O meu muito Obrigado

Norberto

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boa tarde,

Tenho uma dúvida quanto ao passar os recibos de um apartamento, visto este ter dois proprietários. O contrato está feito direito e registado nas finanças, apenas não sei como fazer ao passar os recibos. Os recibos podem ser passados apenas por um proprietário, ou passados a vez logo que seja a meias, ou tem que assinar os dois proprietários todos os recibos para que estes sejam válidos.

O meu muito Obrigado

Norberto

O importante são os dados do inquilino. Se é o proprietário 1 ou o proprietário 2 a passar os recibos parece-me que não é relevante.

Pode ser o mais velho ou o cabeça de casal ou o que trata dos assuntos habitualmente, ou então à vez (um semestre um, outro semestre outro)...

Desde que haja acordo entre ambos, pode ser tomada qualquer uma destas soluções...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

O importante são os dados do inquilino. Se é o proprietário 1 ou o proprietário 2 a passar os recibos parece-me que não é relevante.

Pode ser o mais velho ou o cabeça de casal ou o que trata dos assuntos habitualmente, ou então à vez (um semestre um, outro semestre outro)...

Desde que haja acordo entre ambos, pode ser tomada qualquer uma destas soluções...

Pode ser relevante se os dois proprietários tiverem contabilidades separadas. Se os recibos forem passados sempre ao mesmo, esse é que tem que declarar o rendimento pela totalidade.

O melhor é perguntar aos proprietários e não decidir isso unilateralmente.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Pode ser relevante se os dois proprietários tiverem contabilidades separadas. Se os recibos forem passados sempre ao mesmo, esse é que tem que declarar o rendimento pela totalidade.

O melhor é perguntar aos proprietários e não decidir isso unilateralmente.

Dois proprietários para um imóvel. A nível das Finanças, devem declarar a totalidade do rendimento e a quota parte que cabe a cada um (50%).

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Bom dia a todos,

Quanto as declarações essas são individuais, e claro cada proprietário declara 50% das rendas recebidas. A minha questão é apenas e só como fazer ao passar os recibos das rendas. Se fosse possível assinar os dois o mesmo recibo, seria mais fácil. Como penso que não dá... Vamos passar um recibo, fazendo que cada um passe recibos de 6 meses cada um.

Obrigado a todos pela ajuda

Norberto

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Bom dia a todos,

1. Quanto as declarações essas são individuais, e claro cada proprietário declara 50% das rendas recebidas.

A minha questão é apenas e só como fazer ao passar os recibos das rendas.

2. Se fosse possível assinar os dois o mesmo recibo, seria mais fácil. Como penso que não dá... Vamos passar um recibo, fazendo que cada um passe recibos de 6 meses cada um.

Obrigado a todos pela ajuda

Norberto

1. Atenção. Cada um declara a totalidade do rendimento devido às rendas recebidas. Depois tem um campo relativo à quota parte e é ai que devem preencher 50%. Se fosse apenas um proprietário, seria 100%. Se fossem 4, seria 25% e assim sucessivamente...

2. É possível mas parece-me que não é pratico. No campo reservado para a assinatura podem rubricar e colocar o NIF da cada um. Agora imagine que eram 4, 5 ou mais proprietários?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Eu aconselho cada proprietário a passar um recibo pela sua quota parte (50%).

Caso estejam todos de acordo e esclarecidos quanto à forma de declarar (isto é, o inquilino corresponder na despesa 50% a cada nif e os proprietários declararem 50% cada), podem os senhorios passar um recibo pela totalidade, assinando os dois e frisando que cada um recebe 50% do total.

Cada proprietário deve declarar que recebeu a seu parte do mês x. Pelo que a formula de passar recibo 6 meses cada um, não me parece a melhor nem adequada.

Não sei se percebi bem quando o ABCD com o ponto 1, quis dizer que cada senhorio declara a totalidade e depois ao colocar a quota parte, este campo influencia o rendimento sujeito a irs...

Mas (pelo menos foi assim em 2012) o campo da quota-parte é apenas um campo declarativo, não influenciando o valor declarado.

Por exemplo, se na totalidade o inquilino pagar 10000/ano, recebendo cada senhorio 5000. Então cada senhorio deve declarar 5000 e colocar na mesma na quota parte 50%.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Por exemplo, se na totalidade o inquilino pagar 10000/ano, recebendo cada senhorio 5000. Então cada senhorio deve declarar 5000 e colocar na mesma na quota parte 50%.

Seguindo esse raciocínio (admito que o meu possa estar incorreto), se declaro ao fisco que recebi apenas 5000€ (o que é verdade, no exemplo citado) dos 10000€ efetivamente cobrados, e coloco na quota parte 50%, o fisco não irá contabilizar apenas 2500€ para cada um dos proprietários?

Por essa ordem de ideia, no caso de 4 proprietários, cada um declara apenas 2500€ e quota parte de 25%. Efetivamente o fisco só contabiliza 312,5€...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Uma maneira de testar isso é preencher online uma declaração de irs e simular. Com o resultado já vemos o valor que é tomado em consideração.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boa tarde a todos,

Tal como sugeriram, fui simular o Irs e colocar 50% ou 100% é indiferente. Logo tem de se colocar o valor recebido de cada proprietário, e dizer as finanças que é 50% por ser dois proprietários.

Obrigado pela ajuda,

Vou passar nas finanças para tirar as dúvidas de vez sobre como devo passar os recibos.

Cumprimentos

Norberto

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boa tarde a todos,

1. Tal como sugeriram, fui simular o Irs e colocar 50% ou 100% é indiferente.

2. Logo tem de se colocar o valor recebido de cada proprietário, e dizer as finanças que é 50% por ser dois proprietários.

Obrigado pela ajuda,

Vou passar nas finanças para tirar as dúvidas de vez sobre como devo passar os recibos.

Cumprimentos

Norberto

1. É indiferente colocar 50% ou 100%?

2. A ser verdade essa conclusão, o que impede qualquer proprietário de colocar qualquer valor de renda recebido? O contrato? E porque não deve cada proprietário declarar o valor total das rendas e 50% na quota parte? Porque é indiferente?

3. Agradecia que colocasse aqui no tópico as respostas do serviço das finanças às suas dúvidas.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

ABCD, o que o Norberto quis dizer com o ponto 1 foi o mesmo que eu disse anteriormente. O campo da quota-parte tem apenas uma função declarativa. Não influência o valor declarado das rendas recebidas. O facto de pôr lá 50% não transforma o valor declarado das rendas recebidas em 50% desse valor.

O que se deve pôr é o que ele diz no ponto 2. Colocar o que efetivamente o proprietário recebeu pelos seus 50% e colocar 50% na quota-parte.

O que impede é o mesmo que impede para todos, é o confronto entre as declarações de quem diz que pagou x ao senhorio/nif x, e o senhorio que declara que recebeu x de um prédio.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Colocar o que efetivamente o proprietário recebeu pelos seus 50% e colocar 50% na quota-parte.

Ra, obrigado pelo esclarecimento.

O recibo a entregar ao inquilino pode ser único. Basta que seja rubricado pelo cabeça de casal e que sejam identificados os NIF's dos respetivos proprietários.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

:P sSou senhorio, nem sempre estou na residencia que alugo

Há obrigatoriedade mensal de passar recibo ou posso juntar dois ou tres?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

:P sSou senhorio, nem sempre estou na residencia que alugo

Há obrigatoriedade mensal de passar recibo ou posso juntar dois ou tres?

Mas pode combinar com o inquilino a entrega dos recibos de x em x tempos.

OBS. Prefere que ele lhe pague de mês a mês, dois em dois ou de três em três?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Olá a todos ..

tenho uma duvida...

aluguei uma casa , a SR tinha-me pedido os recibos e so agora tenho tempo para tratar disso ..

e ja passaram mais de 6 meses .. o que devo de dizer nas finanças? sera que vou pagar multa por ter passado 6 meses??

e ja agora , o que preciso para ter um livro de recibos de arrendamento? e o livro custa a volta de que??

sera que alguem me pode ajuda?

Obrigado

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead