albino.s.sardinha

transferência crédito habitação?

9 publicações neste tópico

Estou quase, quase a mudar para o Cx Galícia o meu empréstimo-habitação; dado que me querem (CGD), retirar o spread de 0,5 e voltar a 2,150 inicial (em 1999), porque anulei 1 cartão de crédito (adquirido em 2001) p baixar o dito, ( q anulei em 2003), embora no contrato não conste qq produto como condição p taxas e 1º spread. Já reclamei ao Banco de Portugal, p causa do último dec. lei 192/2009 q "parece" prescrever o incumprimento após 1 ano da revisão de spread. Aguardo resposta do Banco de Portugal e da CGD, são 10 dias;depois mais 10 d para o Banco de Portugal estudar o assunto e se tiver obtido informação da CGD quanto baste, daqui por 20 ou 30 dias talvez possa decidir.

Se tiver opinião formada p qq razão, ou alguém do forum souber algo, fico agradecido!

Um abraço.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Chegou a efectuar reclamação na CGD no livro de reclamações?

Aconselhava-o a recorrer também à figura do mediador de créditos: http://www.pedropais.com/forum/index.php/topic,2043.msg27663.html#msg27663

Encontra também aqui o endereço para onde pode reclamar na CGD: http://www.pedropais.com/forum/index.php/topic,2051.0.html

Se no final não lhe derem razão, não hesite em transferir o seu crédito!...  ;)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

É o livrinho a funcionar para ver se esse pessoal aprende... ;)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

JRibeiro, obrigado pela dica e as minhas desculpas pq só vi agora a sua resposta.

Sim, sei da existência do Provedor e também recorri no Espaço do cliente no site da CGD; mas concorda comigo que é mesmo o Banco de Portugal que pode colocar em ordem as ditas Instituições de Crédito e tb é o BdP que as fiscaliza e penaliza se for necessário.

Ainda bem q concorda comigo na interpretação do dito Decreto 192/2009, pq já li uma interpretação da CGD no sitio CGD Economia e Finanças que é de bradar aos céus: pois eles interpretam o dito ano para constatar o incumprimento, a contar da entrada em vigor do Decreto-lei, o que lhes daria até 15/107/2010 para avisar os clientes, supostamente em incumprimento. No meu caso, não subscrevi nada quando fiz e assinei o contrato; falei com outra funcionária, noutro balcão da CGD, e lá me foi dizendo para lhes mostrar o contrato no balcao da minha agência. De qualquer forma, a ver vamos também quero ver on que o BdP faz e me responde.

Eu ainda me desloquei a Lisboa p causa do provedor; fica no BdP,(mas está em obras), e teria de me deslocar à Av Almirante Reis, de forma q voltei p Queluz e encontrei na net "Banco de Portugal-online", forma de fazer tudo sem me deslocar. São 10 dias (desde 29/07/2010) para o BdP ter resposta da Caixa e então tentar saber da opinião da CGD e do BdP.

Obrigado JRibeiro, foi o 1º post e logo fui socorrido.

Sempre às ordens e um abraço.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

:) :'(

A CGD aceitou não me aumentar o spread, por incumprimento devido a anulação de um cartao de crédito em 2003. É importante ler o contrato do empréstimo e ver se tem produtos associados ao crédito, no nº 4-"TAXAS"

Foram feitas as reclamações à CGD-Espaço do cliente, ao Banco de Portugal-Economia e Finanças e ao Mediador do crédito (apesar de ainda nenhuma me ter notificado passados 14 dias seguidos, só hoje faz 10 dias úteis; ao acompanharmos a reclamação, sabemos e eu sei que a CGD foi notificada pelo Banco de Portugal dia 29/07/2010).

Fica a informação para os interessados.

Saudações

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

ao acompanharmos a reclamação, sabemos e eu sei que a CGD foi notificada pelo Banco de Portugal dia 29/07/2010

Essa notificação é capaz de ter tido tudo a ver ;)

Ainda bem que as coisas se resolveram facilmente, e obrigado por teres vindo cá demonstrar que as coisas até funcionam :)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

:) :'(

A CGD aceitou não me aumentar o spread, por incumprimento devido a anulação de um cartao de crédito em 2003...

Foram feitas as reclamações à CGD-Espaço do cliente, ao Banco de Portugal-Economia e Finanças e ao Mediador do crédito (apesar de ainda nenhuma me ter notificado passados 14 dias seguidos, só hoje faz 10 dias úteis; ao acompanharmos a reclamação, sabemos e eu sei que a CGD foi notificada pelo Banco de Portugal dia 29/07/2010).

Interessa sempre. Parabéns.  ;)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

:) :'(

A entidade (CGD) resolveu o diferendo, na alteração de spread, recuando e informou o Banco de Portugal que por sua vez, deu por encerrado o assunto

P.S.: Até 15/10/2010, um ano após a entrada em vigor do Dec. Lei 192/2010, (é entendimento da CGD, numa resposta a outro cliente que), não está prescrita a possibilidade de repôr o spread nos termos iniciais, constantes do contracto." Resta, reclamar sempre"!

A quem interessar,

Cump.tos

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Quero corrijir; o D.L é o 192/2009, que prescreve as alterações de spread, decorrido um ano da alteração ou revisão das condições, mesmo com incumprimento.

Cumtos. 

Sempre....

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor