Entrar para seguir isto  
Seguidores 0
ruifnunes

arrendar casa - tou perdido

3 publicações neste tópico

Bem. depois de muito ler continuo com duvidas.

Tenho um apartamento, com crédito habitação associado.

Quero arrendar por dificuldades em pagar ao banco todos os meses, preferindo ir para uma casa de um familiar onde não vou pagar renda.

Duvidas:

1- O banco pode rejeitar o facto de eu querer arrendar o apartamento? (terei que comunicar visto querer mudar a morada de contacto para onde vão as cartas)

2- Tenho issenção de IMI por mais 4 anos. Perco-a?

3- Ao passar recibo, que parte tenho que pagar depois? 21%?

4- O dinheiro que recebo do IRS da parte que declaro do meu empréstimo habitação perco-a?

5- Como e onde me posso informar sobre como será alterada a minha declaração de IRS anual? é que agora recebo 800€ anuais, grande parte vinda da declaração do empréstimo habitação...

6- Que imposto de selo pagarei? Como posso calcular?

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

1 - se fizeste um contrato para a compra de habitação própria e permanente, em teoria o banco pode alegar que estás a alterar as condições do contrato. Na prática acho que na maior parte dos casos não se importam... De qualquer forma o melhor é falares com eles primeiro, para veres como vão reagir... De qualquer forma, uma mudança da morada para onde mudam as contas não lhes permite inferir automaticamente que a casa vai ser arrendada...

2 - Perdes

3 - Pagar depois como? Em que estás a pensar? Assim de repente só me lembro do IRS. Passas a ter que incluir as rendas como rendimentos, que vão entrar para as contas (juntamente com o teu vencimento, por exemplo) e depois, tudo junto é usado para calcular o escalão de IRS e a taxa a aplicar (atenção que ao aumentar o nível de rendimentos podes subir de escalão e vir a pagar mais); em compensação podes deduzir as despesas com o condomínio, obras e outras despesas que tenhas com o apartamento. Por isso não é possível dizer que percentagem do rendimento vais pagar em impostos...

4 - Só se não for para habitação própria e permanente do arrendatário (ou seja, ele tem que mudar a sua morada fiscal para a tua casa). Enquanto a casa não estiver arrendada ou se for arrendada noutros moldes, perdes. De qualquer forma este ano foi introduzido um limite às deduções que se podem fazer por agregado familiar, o que pode querer dizer que já irias perder alguma coisa de qualquer forma.

5 - A forma mais simples é fazeres a simulação no portal das finanças, como se fosses meter a declaração de IRS. Há várias alterações este ano relativamente ao ano passado, mas dará para ficares com uma ideia de como mudaria se já tivesses feito isso no ano passado, por exemplo. Para teres uma resposta mais completa é ligares para as Finanças, que aliás poderão responder à maior parte das alterações também.

6 - Ok, esta não sei

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

6 - Ok, esta não sei

Eu acho que a resposta a este ponto está aqui:

http://www.millenniumbcp.pt/site/conteudos/60/6040/604025/article.jhtml?articleID=2429

Quando li o tópico ocorreu-me esta resposta:

- 10% sobre o valor da renda mensal, por se tratar de um arrendamento (no registo do contrato).

No entanto teria de pagar mais 5E, por se tratar de um contrato, mas segundo a informação disponibilizada, parece que o valor mais alto se sobrepoẽ.

Cumprimentos

Patrícia_H

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

Entrar para seguir isto  
Seguidores 0