davidmleal

Estratégia de Investimento sobre Contas Poupanças

15 publicações neste tópico

Caros Bloggers

Vou apresentar uma estratégia de garantir uma taxa de juro para daqui a 6 meses em depositos a prazo.

Por exemplo, o Banif apresenta neste momento para as Contas Poupanças as seguintes taxas (online):

6 Meses (181 dias) = 2,25 % TANB

1 Ano (366 dias) = 2,4 % TANB

Imaginem que tenho 30.000 € disponivel para investir, e pretendo aplicar todo o capital em depositos a prazo.

Se constituir:

1 conta poupança 6 meses com 29.750 €

1 conta poupança 1 ano com 250 € (min. estabelecido pelo banco)

Como podem ver terei 29.750 € aplicados 6 meses remunerados 2,25%, e 250 € aplicados a 366 dias remunerados a 2,4%.

Quando vencerem os juros a 6 meses o investidor terá 2 opções possiveis:

- Mantem a conta poupança que tem a 6 meses se a taxa igual ou superior a 2,4%

ou

- Desmobiliza a conta poupança a 6 meses e reforça esse mesmo capital na conta conta poupança a 1 ano, se a taxa a 6 meses for inferior a 2,4%

É claro que voltava a constituir uma nova conta poupança 1 ano. Para garantir uma taxa de juros 6 meses depois.

Esta estrategia é bastante similar a uma call/put option, ou seja, o investidor garante assim uma taxa de juro minima para futuros depositos a prazo. Já que em caso de reforços nas contas poupanças, os juros são calculados a partir da data do reforço até ao vencimento (não interessa se for somente 1 dia, conta à mesma) aplicados à taxa que foi constituida a conta poupança.

Não trabalho no Banif, nem noutro banco, utilizei as taxas de juro do Banif como exemplo para explicar este plano.

Espero que topico tenha ajudado aos investidores, como forma de salvaguardar remunerações minimas.

Saudações iseguianas

David

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Esta estratégia é interessante, só tem um senão... é que a maior parte dos depósitos a prazo [interessantes] não permite reforços, o que deita por terra a possibilidade de reforçar o depósito a 1 ano se for melhor que o de 6 meses.

Agora, se de facto a conta do Banif (esta http://www.banif.pt/xsite/Particulares/Contas/PoupancaBanif.jsp?CH=4654) permitir os tais reforços, então a tua estratégia funciona às mil maravilhas. Mas confesso que não consigo entender se é ou não possível o reforço.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Pedro

Nas contas poupança do banif é possivel fazer um reforço pontual a qualquer momento, mesmo que seja 1 dia antes do vencimento. Outro banco que já fiz esta estrategia foi a Caixa Agricola, e os calculos dos juros foram sempre correctos.

Claro que eu sei que os depositos a prazo, por norma, remuneram sempre melhor que as contas poupanças. Mas como eu tinha escrito antes, esta estrategia visa garantir (futuro proximo) uma taxa de juro minima garantida. E já agora para as actuais taxas de juro praticadas pelos varios bancos, estas taxas do Banif estão entre as melhores para prazo de 6 meses e 1 ano.

Com as descidas das taxas de juros dos depositos a prazo que se verificaram neste ultimo ano, esta estrategia funcionou às mil maravilhas comigo.

Saudações iseguianas

David

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Boa!

Vou seguir o teu conselho.

Achas que podias escrever um artigo a explicar com detalhe a tua estratégia? Teria o maior prazer em publicá-lo no blog, para que tivesse a divulgação necessária.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Pedro

Penso que no proximo fim-de-semana consigo acabar o artigo.

Depois envio para o teu email?

Saudações iseguianas

David

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

David

Essa estratégia não funciona com o Banif.

Eu sou cliente do Banif e já tentei algo parecido, só que o reforço e sempre à taxa em vigor na altura da do reforço, ou seja, se fosse hoje o tal reforço de uma conta a 1 ano constituída à 6 meses atrás, o reforço seria à taxa de 1.90% (pelo menos é a simulação que me dá online) muito inferior ás taxas para a constituição de novos depósitos

Pela experiência que tenho com o Banif, regra geral, é preferível constituir uma nova poupança do que fazer um reforço de uma já existente.

No entanto, não me posso pronunciar relativamente aos outros bancos mas acho estranho que permitam situações destas, pelo menos neste cenário de descida constante das taxas de referência da Euribor, pois, regra geral, os reforços costumam ser à taxa em vigor no precário do banco na data do reforço.

Cumprimentos

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

No entanto, não me posso pronunciar relativamente aos outros bancos mas acho estranho que permitam situações destas, pelo menos neste cenário de descida constante das taxas de referência da Euribor, pois, regra geral, os reforços costumam ser à taxa em vigor no precário do banco na data do reforço.

Não me posso pronunciar relativamente a todos os bancos, mas acho que a situação mais comum é o reforço ser feito à taxa em vigor no início do depósito. A renovação (ou seja, quando acaba o prazo e o depósito é renovado por mais outro tanto tempo) é que é feita à taxa em vigor na altura da renovação...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Eu tenho uma conta no Montepio (Montepio 24) e na altura da renovação a taxa é a dessa altura e não ao do início do depósito (já vai nos 0,90%)...

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Nos dois bancos onde tenho depósitos é assim, ou não permitem reforço ou se o permitem é como o PauloAguia diz - no reforço a taxa a vigorar é a do início e na renovação é à taxa em vigor nesse dia. Mas como há tantos tipo de depósitos não sei se será assim com todos.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Por acaso também fiquei curioso em saber o "modus operandi" desta estratégia.

Mas pelo que me parece, até ao momento este caso aplica-se apenas ao BANIF.

Talvez com o artigo se possa perceber se esta operação se pode estender a outras contas!...  ;)

Cumps  8)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Após receber informações sobre o Banif sobre as contas poupanças fiquei a saber que a taxa do reforço é a taxa em vigor.

Peço desculpa a todos se levei ao engano.

Ao longo de anos tive sempre contas poupanças na Caixa Agricola, e digo que essa estrategia funcionava, porque os calculos bateram sempre certo.

Por exemplo tinha uma taxa 5,125 % na conta poupança (contratado em SETEMBRO/2008), e uns meses depois fiz um reforço de 4000 € (de um dep. prazo que tinha vencido à taxa 4,5%). Desse dia do reforço até ao vencimento, essa taxa foi sempre 5,125%.

Posso garantir por tudo que é sagrado, que a Caixa Agricola sempre remunerou os meus juros dessa maneira, de acordo com a taxa de negociada no primeiro dia. Esta estrategia funciona mesmo com a Caixa Agricola, somente mudei para o Banif por causa dos juros que são superiores.

Volto a pedir desculpas pelo meu erro, e espero que ninguem tenha sido prejudicado.

Dizem é com os erros que se aprendem, e eu posso garantir que nunca mais vou cometer esse erro na minha vida.

David

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Pela minha parte, não tem problema nenhum!

Creio que é sempre útil ler com atenção as condições e observações do contrato.

Certa vez, confiei na palavra do funcionário de um banco porque este se designava mutualista. Quando fui ler o contrato, já em casa, verifiquei que não correspondia ao que o funcionário me dissera. Serviu-me de emenda!

Acredito que a Caixa Agricola permita, ou permitiu, usar essa estratégia, mas creio que a generalidade dos bancos na nossa praça, não o permitem!

Mas, é sempre bom estar atento e se puder partilhar a informação, ainda será melhor!  ;)

Cumps  8)

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Volto a pedir desculpas pelo meu erro, e espero que ninguem tenha sido prejudicado.

Dizem é com os erros que se aprendem, e eu posso garantir que nunca mais vou cometer esse erro na minha vida.

David

A tua estratégia era muito interessante e ainda bem que conseguimos esclarecer este tema. A verdade é que devemos sempre confirmar o que os outros nos dizem, pois mesmo que tudo seja feito de boa-fé (como no teu caso), por vezes há pequenos pormenores que fazem a diferença.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

A tua estratégia era muito interessante e ainda bem que conseguimos esclarecer este tema. A verdade é que devemos sempre confirmar o que os outros nos dizem, pois mesmo que tudo seja feito de boa-fé (como no teu caso), por vezes há pequenos pormenores que fazem a diferença.

O Banif já teve de facto um depósito a prazo (Poupança Flexível) com essas características de permitir reforços, até Janeiro do corrente ano, da seguinte maneira: taxa inicial a 1 mes a uma taxa promocional e os restantes meses até final do ano seria uma taxa mais baixa, mas ainda assim t competitiva para o mercado. Eram permitidos reforços até ao final do prazo à mesma data de início do depósito (a tal a partir do 2.º mês...).

Creio que já houve um utilizador que anteriormente levantou essa dúvida, mas vim a confirmar tal como o David apurou que os depósitos actuais já não mantêm essas características, tendo esse produto sido descontinuado. Correspondeu a um estratégia que o Banco teve no final do ano passado, aproveitando a subida dos juros, para angariar mais clientes e reforçar os rácios de capital, pelo que li estavam abaixo do recomendável.

0

Partilhar esta publicação


Link para a publicação
Partilhar noutros sites

Este conteúdo terá de ser aprovador por um moderador

Visitante
Está a comentar como Visitante. Se já se registou, por favor entre com o seu Nome de Utilizador.
Responder a este tópico

×   Colou conteúdo com formatação.   Remove formatting

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor